Napoleão Bonaparte

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa
Francia d.JPG ALLONS EN₣ANTS DE LA PUTARIE!!

Este artigo è ₣rancês! Ele não toma banho, come camembert e faz biquinho. O autor já mendigou na Avenue Champs-Elysèes e è xenofòbico.

Lembre-se de quem perdeu todas as guerras para a Inglaterra.

Cquote1.png Você quis dizer: Napoleão Bom Na Parte? Cquote2.png
Google sobre Napoleão Bonaparte

Cquote1.png QUANDO EU TE PEGAR, EU VOU COMER TEU CU, SEU FILHO DA PUTA!!! Cquote2.png
Napoleão Bonaparte sobre a fuga do Rei D. João VI para o Brasil.
Cquote1.png Que decepção! Cquote2.png
Napoleão Bonaparte sobre se revirar do túmulo vendo o que os Bolsonaros fizeram com a imagem do exército.

Napoleão Bonaparte( do Latim Napo + leão = napo por ter um nariz grande ele tinha 55 cm de altura (o verdadeiro pai era italiano), e leão por ter conquistado a Europa) foi um grande general frânces surgido do caos pós-Revolução Francesa.

Biografia[editar]

Napoleão mandando ver no pedaço!!

Ironicamente, Napoleão era, na prática, italiano, o que explica o porque de seu sucesso em batalhas, diferentemente dos franceses em geral, que tem tomado uma embroqué (encoxada) atrás da outra desde o fim da Idade Média, exceto claro no Período Napoleônico. Sua missão, além da de exterminar os seguidores do pré-emo, foi instaurar a nova onda nascida sob o comando revolucionário dos burgueses em ascensão. Como é sabido, o pós-revolução foi um período dramático para todo o continente: fome, miséria, emos e otakus por toda a parte (sem falar nos cheiradores de gatinhos), o povo não sabia no que confiar. Todos com medo de perder a cabeça na guilhotina. Por bem ou por mal, resolveram confiar num cara com 1,48m de altura (este não poderia ser guilhotinado, pois era baixo demais, até tentaram por isto ele ficou calvo) e egocêntrico.

Nota: Sob seu comando, os metaleiros franceses chegaram a dominar e exterminar os emos na Europa.

Batalhas pela Europa[editar]

O período láureo ficou conhecido como o Período Napoleônico, compreendeu a invasão turca (circundados pela Linha Maginot), a invasão espanhola (que culminou com a Inquisição Espanhola) e a invasão portuguesa (conhecida como "A Envisão"). Esta última, como é sabido, teve um tremendo impacto na vida cotidiana dos africanos, isso pois a corte portuguesa, puta, cagada e borrada, fugira para o Brasil. Uma vez aqui, os nobres e clérigos (fodas) precisavam muito de servidores públicos mal-remunerados, ou seja, a necessidade de trabalhadores escravos para Napoleão violar aumentou bruscamente nesse período resultando na criação dos abusos sexuais. Napoleão foi portanto, como é conhecido até hoje, o Pai da violação... Que só fodia menininhas inocentes e indefesas. Depois de guerras estressantes, adorava foder a sua mulher apesar dela não sentir o carrinho de Napoleão estacionar na garagem.

Haiti[editar]

Napoleão numa das poses que inspiram os loucos de todo o mundo. Reparem no tamanho descomunal de suas bolinhas.

Batendo em todo mundo nas Oropa, França e Bahia, o baixinho nervoso (esquentadinho, nervoso, arretado) achou que estava com tudo e resolveu dar uma lição na crioulada que tinha se rebelado no Haiti e não estava mais a fim de pegar no pesado (ui!). Afinal o que poderia dar errado?! Tudo bem que a negada sem salário, só sob promessa de liberdade, igualdade e fraternidade já tinha dado um pau federal nas seleções rivais da Espanha e Inglaterra mas Napoleão achava que os espanhóis eram uns azarados irrecuperáveis e os ingleses um bando de viadinhos dos quais não era vantagem nenhuma ganhar. Então, mandou ver com sua seleção e... se fodeu todo, e ainda de vermelho, azul e branco. Aliás, ele não - que não foi trouxa de ir ele mesmo mas os generais e exércitos que mandou e que acabaram ficando por lá vencidos pelo canhão, calor, mosquito, carteado, sinuca, macumba e sexo fácil. Inconformado, prometeu ao principal craque Haitiano, Toussaint Louverture que, se este mudasse de time e viesse pra França teria contrato assinado, casa, comida, roupa lavada e três mião por mês. Como este não aceitou a proposta, Napoleão inconformado encomendou um sequestro relâmpago aos seus primos Richarlyson Pubyano e March Uh la la. Já na França, como nem na base da porrada o craque Haitiano foi convencido a mudar de time, o imperador anão ordenou aos seus primos que deixassem o negão teimoso à pão, água e cianureto vestindo só o uniforme da seleção trancado no frigorífico ( pra ver se esfriava a cabeça e mudava de ideia ) de um time da 2ª divisão nos Montes Pirineus.

Napoleão achou que com esse golpe e sem seu craque principal a seleção Haitiana já não seria a mesma; exigiu revanche, dobrou a aposta e... se fudeu de novo. Os Haitianos riram até se mijar, mas irritados depois da ressaca ao lembrar que tinham perdido seu craque mais famoso e principal pagador de rodadas, além de suas táticas estarem sendo usadas pelo baixote Francês na Europa sem que este citasse seus nomes ou pagasse um tusta sequer de Direitos Autorais; fizeram um Vodu brabo rogando praga pesada pra cima do baixinho arretado: "Nossa vingança sará maligna". Este fingiu não acreditar ao receber a sentença pela boca do emissário dos Haitianos, um antepassado de José Serra, Bento Carneiro o vampiro Brasileiro que, após dar o recado virou morcego e bateu asas rumo à Transilvânia pra fazer uma visitinha ao seu primo rico Conde Drácula.

A Rússia[editar]

Mensagem de Napoleão Bonaparte a D. João VI pouco antes da invasão francesa

Ânus depois, com quase todo o mundo civilizado dominado, Napoleão o Grande Imperador resolveu esticar as pernas e fazer uma agradável e calorosa caminhada pela Sibéria. Por lá, como tinha pouca coisa a se fazer, resolveu fazer uma visita ao CesarLu Rotter, porém este, muito ocupado nos bailes Tolstóianos, negou-se em atender seu mensageiro. Napoleão, muito aborrecido, invadiu a Rússia pra dar uma lição no Czar, aquele mal educado humpf, afinal ele (não era homem de levar desaforos pra casa, ainda mais estando ela a milhares de quilômetros de distância)). Os russos, surpreendidos pela audácia do pequeno general, foram cansando as tropas atacantes até estes chegarem a Moscou exaustos de tanto lutar, e mais mortos de fome que gordo passeando em shopping, pois o Czar havia ordenado ao seu povo que fugisse, botando fogo em tudo na Rússia que tivesse perigando cair nas mãos das tropas do baixinho, incluindo a própria Moscou. Assim, quando chegaram na capital russa, Napoleão e suas tropas, incluindo os cavalos, já estavam tendo que comer estrume chamando de salada (tendo nascido daí especialidades da CU_linária gaulesa, como a lesm... aaam o Scargot e revivido outras como comer carne podr... aaaam "a la faisandé"). Pra piorar a situação, nessa época entrou um dos generais russos mais brilhantes e famosos, Gen. Winter da Silva Sauro, que costumava aparecer "por acaso" na pior hora (para o inimigo). Daí em diante, enfrentando tropas frescas (ui!), bem comidas (nuuuussaaaa), bem municiadas, que podiam continuar brincando de pica (ai ui ui) e esconde (aooonde???) por milhares de kms território russo adentro (sem mais duplos sentidos por favor), se necessário fosse; os exaustos, famintos, fodidos e mal pagos e consequentemente já não tão arrogantes, franceses e seus aliados empreenderam uma correri... aammm cof cof ...Retirada num fôlego só pelo caminho de volta, pra tentar chegar em casa antes que a comida e munição restante acabassem, pra ver se além da vida, salvavam as roupas de baixo. Napoleão Bonaparte não venceu porque, além de outras coisas, foi invadindo a casa alheia baseado menos na realidade e mais contando com a sorte, coisa que ele achava já ter domado. E assim nosso querido napo leão morreu na guerra de umpa lumpa



atchim ele espirrou e não morreu assim foi a guerra do pudim

A derrocada napoleônica[editar]

A simples brincadeira transformou-se num ardil, o pesadelo de Napoleão acabava de começar. Os soldados, sem roupa e sem alimento, começavam a sucumbir e aderir à cultura dos São Paulinos (frio extremo+fome+ neve a cobrindo os joelhos = morte vergonhosa, (imagina a cena morrer de quatro, já que com a neve até o joelho o único lugar que o corpo caí é para frente e a bunda fica empinada pronto para ser traçada pelos russos) . Sem mais esperanças, Napo foi para o tudo ou nada, chamou Alexandre para uma partida de truco, valendo, cada um seus territórios e exército. Como parceiro, Napoleão escolheu Zinedine Zidane, o Czar, escolheu seu compadre, Karl Marx. A partida foi boa e equilibrada até meados do 2º tempo, quando Zidane, impelido por uma força desconhecida, colocou um três de copas por baixo da cadeira. Marx imediatamente levantou-se de sua cadeira, apontou a má-fé de seu combatente e declarou-se vitorioso, junto com o Czar. Napoleão, muito justo, aceitou a derrota e partiu para Paris com o rabo entre as pernas. Sete horas após sua chegada os ingleses o prenderam e, como criminoso de guerra, isolaram-no na Ilha de Caras e lá ficou pelo resto de sua vida, segundo consta a lenda.

O destino é assim, depois de dar um pau em metade da Europa, Napoleão tomou um pau dos russos, a França fora derrotada!porque ele era um comandante viado e macumbado.

História das Batalhas[editar]

Com o declínio do império Otomano (ver artigo Turquia para maiores detalhes), Napoleão sentiu-se tentado a tomar tal capital como primeira de suas conquistas, testando assim suas novas armas e dando exemplo para o mundo de seu poderio. A estratégia utilizada foi a da contenção urinária. Por meses o exército francês segurou o povo de Constantinopla dentro de suas muralhas; nesse tempo, sem terem onde desaguar, renderam-se de imediato. Napoleão comemorava seu sucesso em meio à leitura de Sun Tzu: "O verdadeiro general vence uma guerra sem batalhas".

Foi a ultima batalha de Napoleão. Como o próprio nome já diz, foi disputada com balões de água (Water = água + loo (nome do fabricante)). Mas os ingleses são maus perdedores e resolveram usar a arma mais poderosa do seu poderio: a mulher inglesa (a mais feia da Europa, talvez do mundo). Com um exército tão mortífero de canhões, Napo entendeu o porquê do canhão inglês ser o mais poderoso do mundo.

Acuado (por trás) pelas tropas inglesas e prussianas, Napoleão pouco pôde fazer para safar-se da humilhante condição de prisioneiro de guerra. Seu exército nada pôde contra a investida inglesa pela frente e prussiana por trás. Uma vez preso, passou o resto de sua eternidade na ilha de Santa Helena até morrer. No entanto, dizem as más línguas que Napo arquitetou um plano de fuga tão brilhante que hoje em dia pode ser encontrado nos arrebaldes de Governador Valadares, comendo um queijinho.

Precedido por
Luís XVI
NapoleonBike.jpg
Imperador da França

18041814
Sucedido por
Luís XVIII
Precedido por
Luís XVIII
NapoleonBike.jpg
Imperador da França

20 de março de 181522 de junho de 1815
Sucedido por
Luís XVIII