Ninheira

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa

Ninheira é a cidade do norte mineiro com a maior concentração de analfabetos, desempregados, carolas, idosos e pobres em um só lugar. O principal culpado disso tudo é:

  • A) A aproximação da cidade com o sertão nordestino.
  • B) A pobreza de uma cidade caipira comum.
  • C) Estar localizada em Minas Gerais

História[editar]

Como eu dizia... Ninheira terra psicodélica, da divisa com a bahia e do "Cachimbo da paz".

Local de estranhas ocorrências, conta-se que no primeiro dia em que chegaram lá o padre-vidente-detetive-paranormal tinha captado uma estranha energia psiquica em volta do município e vendo que era justamente onde o dono da caravana ia fundar a cidade ele disse:

Cquote1.png Aí não tem ouro não sinhô... Aí só tem macumba das braba mesmo! Cquote2.png
Padre vidente com sotaque mineiro

O padre caiu fora e foi chamado de "padre golpista" que não sabia nem rezar um pai nosso direito e agora estava dizendo que aquela terra tava cheia de macumba. Após a primeira noite coisas estranhas começaram a aparecer. Em cada canto daquela terra ele podia ouvir as músicas de macumbeiro da região.

Depois ele sentia cheiro de algo sendo queimado constantemente e que fazia risadas ecoarem por todo o terreno, ele começava a achar que era o chupa cabra mas aí ele ouvia músicas do Bob Marley, do Iron Buterfly e cantavam em coro "Agada-abu-bi-la-da-vida" que foi comprovado que é uma música bem doidona de 17 minutos só com "Agada-ali-da-vida".

No fim, convencido que aquela terra era maldita, resolveu cair o fora.

Anos mais tarde se descobriu que havia uma plantação de Maconha por perto, tanto faz, só tem a divisa entre bahia e minas gerais em Ninheira.

Cidade[editar]

Local das viagens psicodélicas, da padaria e dos caipiras que ficam passando fome, essas palavras descrevem com exatidão o que é Ninheira.

Viagens psicodélicas desde que se descobriu que na padaria o padeiro tem uma produção especial de maconha na parte de trás dela e decidiu batizar os bolos e pães para que a população ficasse viciada no Sonho de leite que faziam lá e começassem a dar o rabo para o padeiro, mas o padeiro também tava chapado demais para isso.

Como ninguém estava mais são naquela cidade, a polícia, sabe-se lá de onde ela saiu pois eu nem sabia que tinha delegacia em Ninheira, resolveu invadir a padaria, levar a plantação e os bolos batizados do padeiro para a delegacia. Mais tarde os "oficiais" foram encontrados "queimando" todas as evidências do padeiro.

Hoje, o método mais utilizado para atrair eleitores é entregar para os mais pobres sonhos e pães de queijo batizados e começar a fazer um comício. O estranho é que ninguém sabe dizer ao certo se estão em Minas Gerais ou na Bahia. Muitos só mandam se ferrar e ficam escutando Soundgarden.

Quer dizer... Isso se houvesse outro som além de um velho que tem na prefeitura.

Eis uma lenda que existe um monstro nessa cidade que captura os turistas que visitam essa cidade o nome desse monstro é chamado de koggo. muitos agentes foram investigar o local mas foram todos capturados pelo monstro.

Administração[editar]

único lugar de Minas que você vai encontrar um prefeito e um vice prefeito serem chamados só de "Osmir" e o "Bia"(Um Homem que tem nome de Mulher), pode conferir na wikipédia que está exatamente assim.

Atualmente o cafetão da cidade é o Osmir e a vice-cafetão é O Bia(Homem com nome de Mulher). Sempre serão esses dois já que não fazem eleição para prefeito lá faz 20 anos.