No More Heroes (jogo)

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa
Virtualgame.jpg No More Heroes (jogo) é um jogo virtual (game).

Enquanto você lê, Morrigan solta um Darkness Illusion.


Não Mais Heróis
No More Heroes 1 cover.png

Capa do jogo

Informações
Desenvolvedor Grasshopper Manufacture
Publicador Ubisoft
Ano 2007
Gênero Beat'em up
Plataformas Wii
Avaliação Alto
Idade para jogar Depende

No More Heroes é um jogo criado exclusivamente para o Nintendo Ui. Por algum motivo desconhecido, já que é um outro joguinho de Suda51, fez um tremendo sucesso tanto de público como também de crítica.

O jogo[editar]

Protagonista do jogo (lá atrás, com a catana).

A história é sobre um otaku estereotipado chamado Travis Touchdown, que vive em uma cidade fictícia da Califórnia. Um belo dia, este meliante resolve entrar na internet para fazer suas comprinhas geek rotineiras e acaba dando o lance máximo no eBay por um sabre de luz usado em forma de katana. Até aí, nenhuma novidade, o problema é que ele gastou toda sua mesada comprando essa porcaria e agora ficou sem dinheiro para comprar suas action figures e seus hentais. Desesperado, ele decide então procurar um emprego, acabando por conhecer uma gostosa chamada Sylvia Christel, que lhe oferece uma vaga como assassino profissional na Associação de Assassinos Unidos (United Assassins Association). A partir de então, Travis passa a enfrentar altas confusões do barulho em busca do objetivo de se tornar o melhor funcionário da empresa. Travis faz um contrato com Sylvia. Basicamente eles têm aquela coisa, cujo nome não deve ser pronunciado, se Travis chegar ao primeiro lugar.

Assassinos[editar]

Death Metal[editar]

O primeiro assassino é um tal de Death Metal, mas ele não atua em nenhuma banda pop-punk, é apenas um velho rico com um monte de tatuagens bregas e piercings na cara. A arma dele é uma espécie de espada grande, muito grande... bem grande... e não estou a falar de outra espada porque dessa não temos informação.

Death Metal morre com os braços cortados e, por fim, decapitado.

Dr. Peace[editar]

Cquote1.png Você quis dizer: Dr. Piss? Cquote2.png
Google sobre No More Heroes (jogo)
Cquote1.png Você quis dizer: Doutor Paz? Cquote2.png
Google sobre No More Heroes (jogo)

Dr. Peace é um velho forever-alone que passa o dia vestido de cowboy. Ele tem uma arminha dourada... ou seja: outro riquinho velho. Ele é apresentado a cantar para um estádio vazio, cantando uma música bem... bem suspeita.

Ficamos a saber que ele tinha uma filha que não gostava dele. No final é morto com uma facada na barriga.

Shinobu[editar]

Uma prostituta colegial que quer vingar o pai. Ela tem uma catana.

Ela não é morta por Travis, ao invés disso tem a mão cortada.

Destroyman[editar]

Também conhecido por Super-Homem... só que não.

Destroyman é um cara maluco vestido de super-heróis. Fazendo de conta que é o Batman, um riquinho sem poderes. Morto.

Holly Summers[editar]

Uma ex-militar, modelo da Playboy e assassina. Holly Summers usa mísseis e granadas que saem do cu. Ela também tem uma pá.

Durante a batalha Travis tem de evitar cair em buracos que a desgraçada cavou. E É UM SACO!

Ah! E ela suicida-se porque Travis estava com medo de matar mulher... eh.

Letz Shake[editar]

Um cara muito estranho com uma máquina muito estranha. São mortos por um cara aleatório.

Harvey Moisei... merda, tanto faz![editar]

Um mágico. Ele fica cego... e é morto... ninguém lembra dele. Próximo!

Speed Buster[editar]

Uma vóvó muito doida fumadora de crack com um canhão-laser. E honestamente, é a quem tem o melhor nome. Ela é decapitada por Travis.

Bad Girl[editar]

Uma puta lolita sádica (e alcoólatra) que usa seus namorados masoquistas para violarem o cu de Travis!

Bad Girl se preparando para violar Travis.

Ela é morta com uma espadada bem dada no tronco.

Dark St-- Não! Jeane[editar]

Sim, Jeane é a verdadeira vilã do jogo! Ela é a meia-irmã/ex-namorada de Travis. Basicamente, o pai de Travis abandonou a mãe de Jeane para ficar com a m-- e no final Jeane matou os pais de Travis. O jogo dá a mínima para a história dela, então porque eu daria alguma?

Ela é morta com a ajuda de Shinobu.

Dark Star tendo o cu arrebentado por Jeane. Reparem no estrago considerável.

Henry[editar]

O cara que matou Letz Shake... é é o irmão gémeo de Travis???

E é o verdadeiro boss finale! O jogo acaba antes da luta acabar.

Jogabilidade[editar]

O jogo é cheio de mecânicas chatinhas para um cacete. Durante o jogo, Travis Touchdown, o protagonista, tem de andar em uma mota bugadaça em uma cidade mais bugada que a Microsoft. Resumindo, uma porcaria andar pela cidade. (Pelo menos a música é boa)

Durante as batalhas também existem mecânicas bem chatinhas como esperar que apareçam setas em sua frente para dar golpes mais fortes ou ter que tocar a arma de cima para baixo repetidamente para esta funcionar PORQUE MEUS DEUS!

O resto é história.

Versão de Xbox[editar]

Embora tenha sido lançado somente para o Wii, No More Heroes foi inicialmente cogitado para ser um jogo de Xbox 360. Porém, o desenvolvedor Yasuhiro Wada sugeriu ao criador Goichi Suda que mudasse de console. Por ser um baita de um pau mandado, Suda acatou facilmente a sugestão. A ideia do lançamento para Xbox acabou sendo engavetada e jamais foi lançada, mas os produtores estão cagando e andando para isso, já que ganharam uma fortuna com os nerds do Wii e foram premiados levando o título de melhor lançamento dos videogames entre os anos de 2007 e 2008.

v d e h
No More Heroes-logo.jpg