Nogometni Klub Maribor

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa
Nogometni Klub Maribor
Escudo do Maribor.png
Brasão
Hino '
Nome Oficial Nogometni Klub Maribor
Origem Bandeira da Eslováquia Eslováquia- Maribor
Apelidos
Torcedores
Torcidas
Fatos Inúteis
Mascote
Torcedor Ilustre
Estádio Ljsthsdfgd vrtr
Capacidade
Sede
Presidente
Coisas do Time
Treinador
Pior Jogador Nuvola apps core.png
Melhor Jogador Crystal Clear action bookmark.svg.png
Patrocinador
Time
Material Esportivo
Liga Campeonato Esloveno
Divisão PrvaLiga
Títulos
Ranking Nacional
Uniformes



Nogometni Klub Maribor é o mais tradicional e imprestável clube de futebol da Eslovênia, totalmente esquecido e desimportante, conhecido por até hoje nunca ter conquistado qualquer título importante, possuindo apenas troféus de campeonato esloveno que não valem absolutamente nada.

História[editar]

Fundação[editar]

O time foi fundado em 1960 na cidade de Maribor onde nunca houve nada de bom para se fazer. Como nem italianos e nem iugoslavos ainda não tinham qualquer controle sobre a região, o time não pode ser impedido de ser criado, por mais ruim que fosse. Era inicialmente apenas um time de escultores de gelecas, que usavam gelecas fabricadas na fábricas da cidade para criar figuras tridimensionais de gelecas de alguma coisa, mas como este esporte é de um nicho muito específico, logo a agremiação se expandiu para o boxe e finalmente para o futebol.

Primeira divisão iugoslava[editar]

Foi aceito e passou a jogar a Primeira Divisão da Iugoslávia a partir de 1967, como maneira de dizer que todas etnias estavam aceitas no campeonato. Mas o time esloveno era tão incrivelmente merda que as equipes croatas, bósnias e sérvias exigiram que o time fosse banido, primeiro porque ninguém gostava de viajar pra Eslovênia a toa, segundo porque os eslovenos sempre foram inúteis mesmo. Então em 1972 o time foi rebaixado para a segunda divisão da Iugoslávia.

Segunda Divisão iugoslava[editar]

De 1972 até 1991 jogou a Segunda Divisão Iugoslava, onde só não rebaixou mais porque não existia Terceira Divisão. Na década de 80 inteira a equipe nem, entrou em campo, a julgar pelos resultados, apenas deixou uns bonecos de papelão no campo para fingir ser jogadores e tomaram goleadas de todo mundo.

Campeonato esloveno[editar]

Com o colapso da Iugoslávia, a Eslovênia agora se via um país independente, afinal ninguém queria aquele pequeno pedaço de merda onde só existe gente depressiva e assexuada. Seguindo essa mesma tradição de ser sem graça, o NK Maribor foi responsável por fundar o campeonato mais tedioso do mundo, o campeonato esloveno, cujo nível era tão incrivelmente baixo que o Maribor chegou a ser hepta-campeão e depois penta-campeão

Liga dos Campeões de 1999-2000[editar]

Tornou-se a primeira equipe eslovena a atingir a fase de grupos de uma Liga dos Campeões. Primeiro na fase preliminar bosta goleou o Geek da Bélgica por 5x1, e mesmo assim quase perdeu a vaga, porque no jogo de volta perdeu de 3x0. Deu sorte de pegar um time francês, equipes comprometidas com a derrota, então o Maribor eliminou o Lyon.

Foi o lanterna do grupo, obviamente, afinal perdeu duas vezes para o SS Lazio de 4x0, então a posição não poderia ser diferente.

Anos 2000 e as participações europeias[editar]

Por ser um time multi-campeão esloveno, o NK Maribor ganha o direito de disputar a fase café-com-leite da Liga dos Campeões praticamente todo ano, e cada ano a equipe é humilhada por algum time de alguma região diferente e já atingiu recordes invejáveis.

Primeiro foi eliminado pelo moldavo Zimbru Chişinău (2000-01) quando se tornou o primeiro time de fora da Moldávia a perder para um time da Moldávia. Depois foi eliminado pelo Rangers FC (2001-02) mesmo mais falido que tudo. Depois foi eliminado pelo APOEL (2002–03) tornando-se o primeiro time de fora do Chipre (sems er da Grécia) a perder para um time do Chipre. Depois foi eliminado pelo Dínamo Zagreb (2003-04) pois lembre-se que nenhum time esloveno jamais vencerá algum croata. Depois foi eliminado pelo FC Zürich (2009–10) o time mais inútil de toda Suíça. Depois foi eliminado pelo Maccabi Haifa (2011-12) tornando-se o primeiro time da Europa a perder para algum time israelense. Depois foi eliminado de novo pelo Dínamo Zagreb (2013-13) porque lembre-se que nenhum time esloveno jamais vence um time croata. E depois foi eliminado pelo Viktoria Plzeň (2013-14) o sexto melhor time da República Tcheca, que não perdem para ninguém da Eslováquia, e eles acharam que o Maribor era um time eslovaco, pois ninguém conhece a Eslovênia.

Liga dos Campeões de 2014-15[editar]

Mais uma vez atingiu a fase de grupos da Liga dos Campeões. Na fase preliminar eliminou o Zrinjski Mostar, Maccabi Tel Aviv e Celtic FC, nada do que se possa orgulhar.

Mesmo caindo num grupo só com times secundários como Sporting, Schalke 04 e Chelsea FC, não venceu uma partida sequer e no conseguiu no máximo 3 empates contra cada um dos rivais, ficando na lanterna. Comemorou pelo menos não ter ficado com zero pontos.

Liga dos Campeões de 2017-18[editar]

Mais uma vez conseguem esse estranho milagre de chegarem à fase de grupos da principal competição europeia. Agora dá até para enganar que eles são grandes coisas. Mas o fato é que só enfrentou timecos nas fases preliminares, e nos grupos mais uma vez serviu apenas para fazer número e ser aquele time exótico que as pessoas perguntam "o Liverpool vai jogar contra o Maribor? De onde vem essa porra?"

Títulos[editar]

  • Atingir a fase de grupos de uma Liga dos Campeões (que eles comemoram como título): 3 vezes (1999-00, 2014-15, 2017-18)