Nova Friburgo

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa
Hill Top Winter.gif Este artigo é GELAAAAAADO!

Mamutes vigiam o artigo, então vá pra casa, coloque um casaco e beba um chocolate-quente. Cuidado com o Yeti e não lute contra Sub-Zero!

NapoleonBike.jpg
Este artigo é sobre humor europeu

Desculpem, o humor deste artigo é ininteligível para brasileiros e sul-estado-unidenses.
Então, nada de Feijoada ,Huehuehue ou humor privado aqui, certo?


331px-Longcat.jpg Prepare-se para ler:
Esse artigo é muuuuito grande e pode causar cegueira.
Pense duas vezes e não seja tão idiota antes de ler algo assim
Flag of the Red Cross.png
Cheese mouse.jpg

"Um por todos e todos por um!"

Este artigo é suíço! Ele vive em cima do muro, come fondue de queijo, usa Rolex, produz canivetes, pratica esqui e tênis, além de ter a melhor qualidade de vida do mundo.

Monitorado pela Cruz Vermelha.

Nova Friburgo "Friba City"
"Cidade das Calcinhas"
BandeiraFriburgo.png
Bandeira
Nova Friburgo, lugar para não ser de ser feliz
Hino "Salve brenhas do morro queimado"
Local onde tem desastre Serra do Rio
Idioma Carioquês
Geografia
Clima Calor, chuva e enchente no verão, frio e neblina no resto do ano
Locais de referência Fri Chopp, Boate Stargate e qualquer buteco
Economia Falida
Produtos exportados Calcinhas, muitas calcinhas
Política
Governo
Nuvola apps core.png
Cabralático
Atual prefeito
Nuvola apps core.png
Renato Puto da Cara Bravo
Vice-prefeito
Nuvola apps core.png
Marcelo Brownie Braunes Braune
Mídia
Cidadãos ilustres
Crystal Clear action bookmark.svg.png
Tia da Balinha, Bob Friburguense
Esporte símbolo Corrida atrás do ônibus, natação na enchente e fuga de atropelamento
Santo local ???


Cquote1.png Você quis dizer: Gelolândia Cquote2.png
Google sobre Nova Friburgo
Cquote1.png Você quis dizer: Nova Frioburgo Cquote2.png
Google sobre Nova Friburgo
Cquote1.png Parece um lugar lindo!!! Cquote2.png
Turista desavisado sobre Nova Friburgo.
Cquote1.png Metidos!! Cquote2.png
Teresópolitanos sobre sobre a população de Nova Friburgo.
Cquote1.png Agora, vamos falar de coisa boa, vamos falar de Friburgo! Cquote2.png
InterTV sobre sobre Nova Friburgo.
Cquote1.png São MAIORES, MELHORES E MAIS VISITADOS!! Cquote2.png
Capitão Óbvio comparando Petrópolis com Nova Friburgo.
Cquote1.png O que é Nova Friburgo? Cquote2.png
Turista de Petrópolis, que recebe a dica de ir visitar Friburgo.
Cquote1.png Cidade agradável, organizada, de um povo civilizado, agradável, organizado... Cquote2.png
Friburguense descrevendo a cidade e ele próprio
Cquote1.png Quer uma balinha, fí?! Peitinho! Cquote2.png
Tia da Balinha falando enquanto aperta mamilos.
Cquote1.png Eu sou homem da montanha Cquote2.png
Benito di Paula quando perguntado onde nasceu.
Cquote1.png Bora no Mais 1? Cquote2.png
Friburguense chamando outro pra sair pro mesmo lugar todo fim de semana.
Cquote1.png Já são onze e meia? Cquote2.png
Homem chato que perambula pelas ruas do centro.

Nova Friburgo (a.k.a.Nova Frioburgo) é uma vila cidade do estado do Rio de Janeiro, ou melhor, uma das únicas vilas cidades. Se bem que levando em conta a realidade do Estado falido maravilhoso, qualquer ambiente que possua praça, shopping, e um bando de seres perambuladores é uma cidade. Bom, sobre Friburgo deve-se dizer que é um lugar muito legal, sem absolutamente nada para fazer, quase se rebaixando a uma roça, onde tudo que acontece de importante na cidade, ou seja, nada, se passa na Inter Tv, uma rede de televisão que teria sua sede em Petrópolis, a cidade mais odiada por friburguenses (Porém é em Friburgo, chupa essa pica informação enriquecedora Petropolitanos). O fato de todos friburguenses odiarem petrópolis é histórico, não é banal.Além de Petrópolis ter o dobro da população, leia bem eu não disse o dobro da educação, afinal são tão metidos quanto, ocorreu algo que a escola não ensina. Após a guerra civil que ocorreu de 1880 à 1891 envolvendo Petrópolis e Friburgo foi constatado que as duas cidades não mais conseguiriam viver em paz tendo como vizinha a outra. Com medo de um novo conflito ocorrer, e tendo descoberto que Rio das Ostras(uma base friburguense na região litorânea) tinha um depósito no subsolo de um vulcão inativo que continha todo viado do mundo, zika virus e friburguenses foragidos da guerra civil pólvora, mísseis e bombas nucleares,prontos para serem utilizados e preparados com o objetivo de ajudar sua irmã serrana, lê-se Friburgo, uma decisão precisou ser tomada, logo cria-se Teresópolis, que funciona como a Grande Muralha da China, a diferença é que não tem turistas, muito menos consegue ser vista do espaço. Logo, Friburgo dedica até hoje sua eterna gratidão enviando todos os habitantes da cidade à Rio das Ostras anualmente, para encherem a praia com pessoas de pele transparente pouco delgada, exibidas educadas, e com o ego maior que o mundo humildes, o que entrou para o livro dos records como o exôdo mais frequente na história da Terra. Nova Friburgo tem habitantes inúteis, mal educados, e perdeu todos os seus gays, playboys, e emos para Petrópolis. Hoje a cidade é uma decepção para turistas, e seus habitantes acham que moram em Nova York. A cidade se situa pra bem além do mar, ou seja, na serra na região serrana do estado do Rio, de onde dá para se avistar até o Hell de Janeiro. Lugar bastante frio tanto quanto o Pólo Norte mais precisamente a cidade mais fria do estado do Rio de Janeiro. Hoje em dia, se juntou à Rio das Ostras, e portanto são a mesma cidade, só que uma parte na serra e a outra no litoral por isso chamam Rio das Ostras de praia de Nova Friburgo. O ex prefeito de Nova Friburgo foi amigo de infância de Dercy Gonçalves e Hebe Camargo, Heródoto. Nova Friburgo MANDA tem influência em 11 municípios da região do Centro Norte Fluminense e na Zona da Mata Mineira, repletos de pessoas que não só atrapalham o desenvolvimento da harmonia nas calçadas abarrotadas de pessoas trabalha e perturba a situação de pessoas relevantes na sociedade


História[editar]

Fazenda do Morro Queimado em um dia comum do Festival Internacional do Cannabis

Nova Friburgo era um distrito de Cantagalo, a capital do Rio de Janeiro, e era anteriormente chamada de Fazenda do Morro Queimado. Tal morro era chamado assim devido ao festival chamado: "International Cannabis Festival" que em português significa "Festival internacional do Cannabis", nada mais era do que uma festa da maconha que ocorria na cidade que na época era apenas parte de Cantagalo. Pessoas altruístas chamados de Sacerdotes Psicodélicos se dedicavam anualmente a subir tal morro, que na verdade era a maior plantação de maconha do mundo naquela época, ao chegarem ao pico eram responsáveis por atearem fogo naquele lugar provocando uma imensa nuvem de Maconha, a cidade era tomada por uma nuvem espeça e enlouquecedora. Diversas autoridades mundiais se deslocavam até a fazenda apenas para aproveitarem o que chamavam de Green Day, naquele dia não havia classe cor ou diferença social pois a nuvem da liberdade unia a todos. O então Rei de Portugal, Brasil e Acre Dom João VI era um amante do festival e era um grande amigo do Imperador Dom Pedro II, que ao fim do festival exportava para a França grandes quantidades de Cannabis das diversas montanhas que rodeavam o Morro Queimado, montanhas as quais anos atrás haviam sido privatizadas pela Suíça. No ano de 1818 a França exportou toda a carga de Cannabis que conseguiria levar em suas imponentes Caravelas o que deixou o pajé que governava Cantagalo extremamente feliz, pois ele era dono de 10% das "Green Stocks ou Ações Verdes" logo ele pensou "—Mim vai ficar Rico, mim esperto, França Legal, Dom Pedro II maconheiro." Bom o que aconteceu foi, Dom Pedro II não tinha grana e queria dar calote na Suíça e no Pajé, porém Dom João VI como o grande diplomata que sempre foi e buscando evitar uma guerra entre Cantagalo e França que poderia dizimar uma imensa população que ocupava 23 Ocas em toda a metrópole de Cantagalo ofereceu um acordo chamado de Protocolo do Morro Queimado, como Dom Pedro estava devendo dinheiro até o pescoço para o governo suíço, topou aceitar trazer a população do país para abater partes da dívida. Evidentemente, ninguém queria aceitar, até que o pajé de Cantagalo, vendo que não ia ter jeito e não ia receber a grana nunca aceitou recebê-los em troca de favores. Mas o pajé queria mais, ele não gostava de franceses, ele sempre dizia: "Franceses cara pálida, ensinaram as minha índia a beijar, levaram era, fiquei sem. Caloteiros de língua grandes eles são." Então ele disse para Dom João que a condição para aceitar o acordo seria que ele enviasse alguns suíços primeiro, por que eles sempre traziam chocolate de presente da Suíça. Assim foi feito, vieram os Suiços em primeiro lugar.

O que o Pajé não esperava era que Dom João VI tinha a intenção de ali criar uma cidade, assim o fez. Pajé perdeu as terras e junto a isso Cantagalo perdeu 99,87% do PIB, agora que não tinha-se mais direito ao dinheiro proveniente das plantações no Morro Queimado, os 0,13% do PIB restante provinha do "Cabaret das Índias Cantagalenses. Assim Cantagalo faliu, e o pajé amaldiçoou para sempre Nova Friburgo, fez a dança da chuva por três anos consecutivos e disse ao final. "Indio bom, Imperador mal, Chuva cai, Friburgo Inunda." Já Friburgo tomou outro rumo, em busca do crescimento, expandiu as suas relações exteriores e convidou o mundo inteiro pra nova cidade.

Logo a cidade abriu-se de toda graça a receber novos imigrantes que pudessem dar conta daquela linda terra. Vieram primeiramente os Suíços, Franceses assim como os espanhóis pagãos, japoneses plantadores de bonsai, portugueses, marcianos, paraguaios, hipopótamos,capivaras, vaquinhas-de-presépio, peruanos, dançarinos de mambo,lituanos, vendedores de cachorro-quente, polacas, funkeiros, e bixas de todas as qualidades... Ou seja, a escória do mundo encontrou naquele lugar para viver em paz, e dar vazão às suas mentes permissivas, ninfomaníacas e lunáticas à vontade, vagabundando é claro sem compromisso para o resto da vida, plantando mandioca, colhendo mandioca, comendo mandioca, enfiando mandioca...

Até que um dia vieram os alemães, com suas botas lustrosas, narizes afilados, de humor descontroladamente alegre e pouco afeitos à pouca vergonha que rolava solta no matagal da fazenda. Ao se depararem com tanta alegria, os alemães se indignaram e começaram uma campanha de moralização radical da fazenda. Prenderam todos os habitantes nos seus campos de concentração esfumaçados até que ele entregassem a escritura com a emancipação da vila. A rebatizaram de Neu (pronúncia-se "nói",ignorante) Friburgo, terra donde veio os nazi-colonizadores. Mas os portugueses, acabaram aportuguesando o nome para Nova Friburgo. Mas o povo em geral chama de friburgu mesmo.

Queriam transformar a realidade daquele lugar, tirar tudo que havia de ruim, logo, venderam os índios para o prefeito de Niterói, Araribóia. Drenaram o pântano no centro da cidade com eucaliptos, o que deu fim à moradia dos Orcs, Ninfas, Dementadores, Testrálios, e bolivianos (que também foram vendidos para Araribóia). Acabaram com as plantações de manjericão nas encostas, vício terrível que destruía a fibra moral dos homens da região. . Impuseram o credo religioso na cidade. Construíram casas na cidade(antes só haviam barracões de folha de cannabis e pau a pique). Você agora deve pensar que a cidade de Nova Friburgo se tornou o cúmulo da civilidade, da honradez, do progresso e do trabalho... Lógico que não sim.

A cidade passou a se desenvolver adquirindo grande importância no cenário nacional, porém a população não crescia de nenhuma forma, exceto em dias que ocorriam o Festival do Cannabis. Precisava-se tomar uma atitude, precisava-se fazer algo. Então o querido por todos, menos pelo pajé, Dom Pedro II ainda em dívida pela carga exportada anos e anos atrás, concluiu que precisava ajudar a cidade de alguma forma. Logo em 1873 ele ordenou que fosse construída uma estação ferroviária em Friburgo. Convidou a todos para a inauguração, os habitantes da tão amada Friburgo, os Imperadores mais importantes do Mundo e o Pajé, este último não respondeu o convite. Seu discurso inaugural foi classificado como um dos mais bonitos de toda a história e até hoje é Estudado. A frase principal é: "I Had a Dream", em português "Eu Tinha um sonho", porém após essa frase vinham outras lindas frases que traduzem todo um sentimento dele pela cidade, e assim é parte do discurso em português:

Nova Friburgo sendo envolvida pela fumaça da Maria-Maconha.

Cquote1.png Eu tinha um sonho, um sonho de proporcionar a essa cidade tudo o que ela um dia proporcionou a mim, terra magnânima, poderosa mãe de refugiados e imigrantes de todas as nações. Hoje Detentora dos direitos das Ações Verdes de todo o Morro queimado sai do abandono para entrar na história. O morro que hoje é responsável pelo PIB da cidade virá até vocês. Alguns se perguntam como, e eu lhes respondo. A Maria-Fumaça que hoje passará pela Avenida, levará consigo dores e tristezas de um passado há muito remoído, e trará euforia, risos espontâneos, aceleramento do coração, perda de memória recente e os velhos olhos vermelhos. Cquote2.png
Dom Pedro II sobre A Maria-Maconha

E assim foi feito, os sacerdotes Psicodélicos ficaram desempregados e enlouqueceram, mudaram para a Amazônia, e lá queimam a floresta diariamente. Porém na cidade tudo estava bem, os negócios melhoraram, turistas apontaram, habitantes novos chegaram. O Pajé retomou os laços afetivos que possuía com Dom João VI após ele oferecer a Pajé a prefeitura da cidade. Logo, o primeiro ato do pajé foi criar uma nova linha de tangas ou melhor a Indústria das tangas, hoje Indústria Têxtil. Friburgo se tornou um paraíso, porém o paraíso durou pouco as chuvas que o Pajé encomendou vieram e fogo do morro queimado apagou, os campos de concentração faliram e a maria fumaça descarrilhou.Junto a isso a economia foi por água a baixo. Então o Pajé discursou ao seu povo:

Cquote1.png Mim fez cagada, dança da chuva dançou, morro apagou, barreira caiu, FUDEU TUDO mas as calcinha restou Cquote2.png
PAJÉ sobre Sobre os temporais que duraram 2.174 dias

Dom Pedro II morreu de desgosto pelo que se tornou a cidade após as chuvas, nem ao menos pode ser enterrado lá pois o Pajé disse: "Homem branco não paga as conta, Dom Pedro II maconheiro, carne cheia de cannabis vai deixar as formiga na onda, não, não, não." logo, Friburgo o mandou para sua vizinha na época Petrópolis e pediu para enterrar Dom Pedro II lá em qualquer lugar mesmo. O prefeito de Petrópolis aceitou o acordo mas em troca ele mandaria as bichas de lá todas para Nova Friburgo, pois na época já não havia aumento da população em Petrópolis pelo fato dos habitantes manterem apenas relações anais. O Pajé mentiu dizendo que aceitaria e um acordo foi feito. Após a cova de DOM pedro ser fechada o Pajé imediatamente enviou os exilados de Petrópolis de volta a cidade Natal. O Prefeito de Petrópolis não ficou nada satisfeito, e esse foi o estopim da Guerra Civil Petro-Friburguense, que se arrastou por alguns anos, até a criação de Teresópolis.

Desde então degringolou de tal maneira que Friburgo devido às suas ótimas condições rodoviárias que despejam dia após dias milhares de exemplares da escória mundial demonstra ser uma caricatura mal feita do que já foi no passado. Os Índios que haviam sido expulsos pelo próprio Pajé por não pagarem impostos voltaram, os Orcs retornaram, os japas duplicaram-se e os paraíbas aportaram os Dementadores se multiplicaram. Tais dementadores que são criaturas malignas e das trevas que se multiplicam em meio a entropia e caos, formaram a segunda maior colônia mundial que existe( A primeira é na Groelândia na cidade de Nuuk-Nuuk). Turistas que chegam a cidade acreditam que a condição meteorológica da cidade é normal pra uma cidade à 3988 metros de altitude, e por vezes pensam estar na sibéria, mas o frio e a sensação de vazio é proveniente dos dementadores que congelam o ambiente e roubam a sua alma. A colônia tem seu centro subdividido em quatro regiões glaciais: Mury, Theodoro, Fazenda Bela Vista e Salinas.

Hoje em dia os suíços retomaram o poder e já cogitam pintar a cidade de vermelho e reintegra-la à Cantagalo (essa não mudou nada nesses últimos 200 anos). Uns se instalaram na praia da cidade (leia-se Rio das Ostras), outros se mataram, mas a maioria se conformou com o estado da cidade e continuaram a se aventurar instalando suas casas nos morros de Friburgo, ou ficaram ricos e mudaram pra Friburgo original na Suíça. Hoje Friburgo é a mais importante cidade do centro-norte fluminense ou melhor a única cidade da roça toda, e a de maior capacidade turística não queira conhecer as demais. Sem esquecer que é a capital mundial da calcinha e maior polo universal na plantação de mandioca. Friburguenses não podem ver orifícios que lá vai mandioca.

Política[editar]

O atual e péssimo prefeito da cidade é o Renato Bravo Pato Donald.

Quem manda em Nova Friburgo é a máfia que tem como principais produtos o guaravita, o mineirinho a maconha e o flëxa. A maior família da máfia de Friburgo é a do supermercado Big Blue desconhecida.

Região[editar]

Região de Nova Friburgo

Um Lugarzinho no meio do nada, localizado no centro de uma quantidade horrorosa de montanhas congeladas, assim define-se a localização de Nova Friburgo.


Picos e morros[editar]

Como Desciclopédia também é cultura olha aew o nome e tamanho de alguns morros ou picos sei lá não sei'

Picos e morros:

Anderson Pico

Pico Maior de Friburgo - é o ponto culminante da Serra do Mar, com altitude de 2 316 metros (bem alto ein)

Pico Médio de Friburgo - 2 285 metros (bem médio ein)

Pico Menor de Friburgo - 2 262 metros (bem menor ein)

Pico da Caledônia - com altitude de 2 255 metros (quem nasce no caledonia é caledoniense)

Pedra do Capacete - 2 200 metros (quem nasce aew é capacetense)

Morro do Ronca-Pedra - 2 080 metros (imagina dormir co essa aew)

Pedra Cabeça de Dragão - 2 018 metros (será que solta fogo?)

Garrafão - 1 750 metros (essa é pros pinguço)

Pedra do Faraó - 1 710 metros (faltou a Cleópatra)

Pedra de São Caetano - 1 650 metros (não vi o escudo do são caetano nessa pedra)

Pedra da Babilônia - 1 630 metros (quem nasce aew é babilonense)

Pedra da Catarina Pai - 1 550 metros (hum... boiola)

Pedra do Chapéu da Bruxa - 1 530 metros (ai que horror)

Pico da Sibéria - 1 500 metros (tá vendo Friburgo tá no rio mas é uma suíça e alemã tem pico da sibéria dá pra decidir?)

Pedra Janela das Andorinhas - 1 450 metros (é a janela que as andorinhas passam para hibernar)

Duas Pedras - 1 435 metros (dizem não sei... há relatos que são duas pedras juntas ...)

Pedra do Porcelet - 1 430 metros (hum... essa é gringa)

Pedra do Imperador - 1 410 metros (esse que é o que manda o mandante mandão)

Pedra da Catarina Mãe - 1 420 metros (só falta a filha e filho mas essas catarinas deve ser solteiras nem soube do casamento delas)

Morro da Cruz - 1 380 metros (deve ter uma cruz, nunca vi mas acho que tem sim)

Pedra Riscada - 1 325 metros (deve ter um risco nela)

Pedra do Cão Sentado - 1 111 metros (é um cão sentado)

Clima[editar]

Nova Friburgo na estação mais seca do ano com seus carros híbridos, que andam tanto na água quando no asfalto, afinal tecnologia é isso

Nova Friburgo é a cidade mais fria do Rio de Janeiro, dentre as 4 regiões glaciais a que mais se destaca é Salinas, se no centro a temperatura é de 10°C lá com certeza está abaixo dos -40°C, por vezes turistas que visitam salinas ou seja nenhum acreditam estar na Sibéria, isso ocorre pelo fato de Salinas e Sibéria terem feito divisa na época da Pangeia, logo algumas geleiras remanesceram em solo friburguense. Friburgo é hoje um dos poucos lugares do mundo em que as quatro estações do ano acontecem em apenas um dia, muito similar ao clima da segunda parte da grand line: você sai de casa as 8 da manhã com agradáveis 10°C; ao meio-dia, faz o "calor infernal" de 16°C; então, 15 minutos depois, o céu fica extremamente preto e cai um temporal , baixando a temperatura para 4°C e, depois chega a noite, trazendo um "friozinho gostoso" de em média -37°C.

A temperatura varia de -38°C (inverno) a 45°C (verão). A primavera e o verão são marcados pela intensa temporada de chuvas, que castiga a cidade de Setembro à Julho. Quando para de chover, começa o inverno, então é um frio do cacete e ar fica seco pra caralho, como se voce tivesse respirando farofa e quando vc acorda parece que sua alma foi removida do corpo. Devido ao índice pluviométrico, muita gente utiliza barcos, lanchas e Jet Skies como principais meios de transporte.

bom...o clima de nova Friburgo está dividido em estações bem definidas..bom até hoje só conheci inverno mas se alguém conheceu outra acrescente aqui... o mês de julho é o mais frio com minimas de 8 graus.Ate ja nevou na cidade.

Hidrografia[editar]

a hidrografia de nova Friburgo é bem hidrográfica. A cidade foi erguida no entorno dos morros, pelos gringos,praticamente frioburgo é um pântano drenado e habitado, com o passar dos séculos os brazucas( frutos de uma estranha suruba intercontinental) tiveram a bhilhante ideia de morar nos morros, na esperança de ver o ri di janeiru, e acabaram causando desastres sem precedentes nos anos passados...se tem morro de um lado e de outro a água escorre pra onde? Se for a frioburgo leve. Porra do bote, senão poderá ter o mesmo fim que Jack teve no famigerado titanic.

População[editar]

Telefones de Nova Friburgo com ótimo estado de conservação

Friburgo tem cerca de 180 mil residentes, embora as vezes pareça ter 1.000.000 um milhão pelo transito caótico da cidade, o que ajuda o turismo, assim ficam mais tempo na cidade apreciando a paisagem. Até fazem o senso do IBGE aqui parados no sinal e olha que dá tempo de entrevistar todos, até com aquelas perguntinhas tipo "quantos banheiro você tem em casa?" "Bom... em casa não sei mas estou pensando em colocar 1 no carro pra esperar o transito andar." Todo mundo resolveu comprar carro de um dia pro outro porque antes era tipo 1 congestionamento em cada mês agora é todo dia a mesma coisa.

Metade são de classe média. Uns mais conformados, que passam o resto dos seus dias jogando video-game(ps7), Buraco, Pôquer, RPG, War, Banco Imobiliário e outras coisas inúteis. Outros mais chatos que por Friburgo ter uma população pequena de jovens, pensam que podem ocupar o espaço destes, vestindo-se feito crianças deslumbradas adidas e nike são as preferidas da garotada idosa, indo ao Sesc durante a semana para "manter a forma" e, no final de semana, vai dançar ou no forrozão do Clube Xadrez ou Botafoguinho. Ou seja, fêmures, tíbias, perônios e outros ossos quebrados, além de escoriações de todos os tipos.Imagens pedófilas de Lazytown enchem a cidade, como também, vovós com saias curtas.

Outros 45% é composto por gente incompetente que não se deu bem quando abandonou a cidade e resolveu voltar para a casa da mamãe e ver se conseguia algum. Naturalmente, como todo friburguense, se acham as criaturas mais educadas, superiores e refinadas do Globo, (alguns são neh)mesmo que isso inclua morar em um barraco no alto do morro. Devendo cartão de crédito, carro para financeira, cosméticos pra revendedora da natura,tendo que comprar em 48 x na casas bahia etc, e isso tudo sem perder a pose.

Os outros 5% são compostos por um espécime rara na região, conhecidos como crianças e adolescentes. Os que estão na cidade metade costuma se reunir em frente ao Friburgo Shopping(???), ouvindo funk no celular com o volume no máximo, onde acontece quase tudo da vida social friburguense. Desde assaltos de pivetes do Morro do Cordoeira (Cordú) até trepadas infames, as únicas responsáveis pelo aumento na taxa de natalidade da cidade. A outra metade está no Fri Chopp ou então se drogando na Rua Portugal. Friburgo se destaca como um dos municípios do Rio de Janeiro com a maior concentração de gays da região serrana mundial, como tem homem inconformado com a genitália por lá...a vista disso a maior parte das mulheres(uma parte é sapatão) resolveu sair a caça, pelo instinto e medo de ficar pra titia numa terra onde os homens são revoltados com sua condição de homem. As mulheres de Frioburgo geralmente são bonitas(não pêra) e muito abertas(ate demais) a relacionamentos, estão difundindo no mundo um novo conceito de roupa feminina, a brunida esconde culote, uma espécie de bermuda geralmente jeans que faz um contorno quase que abaixo das axilas e contornado o umbigo, as minas adoram tirar fotos de lado e postar no feice. No geral a população se acha a melhor de todas, dizem ser descendentes de suíços, alemães, escandinavos, tupiniquins e amazonenses(SIC), se gloriam pelos "mastros"cheio de bandeiras gringas como status de internacional, embora isso só quer dizer quem quem chegar por lá come...friburgo e suas contradições, que decadência ... A maioria da população friburguense esconde-se no armário (24 vezes nos cartões casas bahia) até porque é mais quentinho...

Idioma[editar]

  • Fala-se um portú-gays muy otiiaamo
  • Escloxas muito boas porque a vadia (ops, é Dilma) investiu muitsusa bien nestla educacioons otimaás.
  • Fala-se turco, arábico, fribur-gays, espanhoislas, merdas, English, e se fala metidez
  • Também tenos uno idioma muito rico que é o do prefeito, e da velha fofoquei "Margaridaque fala super bem (só que da vida dos outros).

Além disso os habitantes de Nova Friburgo tem a mania escrota de usar a preposição "de" no lugar errado, dando um puta dum sentido zoado na frase.

Economia[editar]

Se você aguentou andar uma vez de FAOL, pode andar outra sem pagar nada passando por aqui!
Os melhores ônibus que a FAOL tem em sua frota, só 18 aninhos...

A economia friburguense está arruinada desde que cismaram que a cidade só poderia ter confecção e metalúrgica.Mas um dia pode melhorar tipo temos a primeira empresa essa empresa demite 10 funcionários exemplo cada um monta uma confecção ao final do ano Nova Friburgo já dobrou seu número de confecções metalúrgicas e muitas fabricas daqui a um tempo vamos respirar caborno co2 e todos os tipos de poliçoes das fábricas. Só não tenho tanta certeza por que nova Friburgo se localiza no meio da mata atlântica então ainda vamos respirar por mais uns anos.A economia friburguense é baseada principalmente nos produtos têxteis é a maior produtora do país enfim é a capital da calcinha, tem também um forte potencial turístico a maioria bons-jardinenses ou melhor good-gardenses , itaocarense , rio das ostrense , teresopolitanos , petropolitanos , altenses , macuquenses , enfim isso tudo aew e mais outros ricaços e atores que vem pra cá curtir esse clima frio pra caramba ameno. mas também platam muitas flores é a segunda maior produtora do país. Cidadãos com menos de 25 anos já são espécies ameaçadas de extinção na cidade.O que dirá dos bebês. Não se sabe ao certo se o friburguense ficou brocha de tanto embalar calcinha e cheirar fumaça de metalúrgica ou se a população gay já superou a hetero. 20% da população trabalha em regime de escravidão costurando calcinhas,embalando calcinhas,vendendo calcinhas...Ou seja,uma cidade extremamente diversificada economicamente.Isso quando os moços não roubam as calcinhas,espartilhos e acessórios variados para guardar no próprio armário.Que decadência...

Outros 20% da população está enclausurada nas velhas e arruinadas metalurgicas da cidade. Sabe-se que a coisa é tão feia que o pessoal que trabalha lá dorme dentro de latões de alumínio e ganham só um ticket-refeição para ser descontado no Pão da Praça.Se ao menos fosse no SuperPão... Ou seja,além de trabalhar pra cacete,ganhar mal,morar pior ainda, o metalurgico está condenado a comer um pão vagabundo, ou o famoso salgadin de 1 real, que custa 1 e 10, e que,não raro,pode ter uma barata sortida ou cocô de rato temperando a massa.

Naturalmente, os outros 50% são idosos, cuja média de idade varia de 100 anos até o incalculável. São senhores muito dispostos e animados, que costumam chegar às 5 da manhã nas inúmeras praças da cidade para jogar damas, buraco e escopa e só saem de lá quando a turma do SAF e do Cemitério São Batista dão aquele alô de sempre. Se não fossem os idosos, Friburgo já teria afunfado, os escritorios de emprestimo consignado estão socados de aposentados se endividando para jogar nos caça-niqueis espalhados pelos botequins da cidade. As apostas na partida de damas de 5 "real" são os investimentos mais vultuosos feitos na cidade desde o viaduto torto construído pelo ex-prefeito Herodóto(observação:o filho da puta se reelegeu pela 14º vez,aos 2092 anos de idade), o mesmo que caçou Cristo e matou todas as crianças com menos de 2 anos. E,curiosamente, o velho governante romano,com seus 2100 anos de idade,é um assíduo frequentador dos joguinhos,além de passar boa parte do tempo conversando com os leões de pedra da prefeitura.

Os demais 10% corresponde a população rural. Em sua maioria,um bando de trouxas que vieram da Europa com a promessa de vida fácil e terras sem fim. Chegaram aqui e depararam com um charco de proporções "pantaneiras",moram na casa do caralho(leia-se Mury, Lumiar,São Pedro da Serra, Cascata, Macaé de Cima, Barracão Mendes e outros fim-de-mundos),sem luz,sem água,sem asfalto e sem vergonha e ainda não podem plantar porcaria nenhuma,por que chega a chuva de verão e leva tudo.A alternativa foi plantar maconha mesmo dentro de casa, o que fez da cidade a maior produtora do sudeste de cannabis.É o principal produto de exportação de Friburgo.

E não podemos deixar de falar da economia de Friburgo sem citar os bares, botequins, botecos, biroscas, sovaco-de-cobra e pés-sujos (assim denominados pelos próprios fribuguenses), que alavancam a economia do município. Existem em média 40 bares para cada rua da cidade. Superando de longe, qualquer outro seguimento em Friburgo (exceto o das confecções e igrejas)acredita-se que o povo friburguense seja o povo que mais consome bebida alcoólica do mundo, aqui a cachaça toma conta literalmente, as pessoas chegam a beber todos os dias da semana durante o dia inteiro devido ao emocionante modo de vida na cidade, (o tédio chega a ser insuportável, quem não tem internet a cabo nem vídeo-game de ultima geração acaba se tornando alcoólatra ou suicida..).

Nos bairros mais simples (como se houvessem bairros sofisticados na cidade), existe um modelo de empreendedorismo que se espalha rapidamente pelo município: uma fusão de botequim + mercearia + farmácia... Você toma uma, leva um macarrão pra mais tarde e de quebra um sonrisal pra ressaca.

Localização[editar]

Nova Friburgo se localiza no planeta terra no continente americano na parte latina no grupo do Mercosul no Brasil em uma região na região sudeste no Rio de Janeiro na região serrana. O meio do estado do rio de janeiro fica na praça de Nova Friburgo tem até um ponto que marca ele (nunca vi esse ponto mas...)portanto tudo passa por Nova Friburgo ou pelo menos quase tudo. Sua localização fica entre Favelópolis, ops, Teresópolis e mais meia-dúzia de cidades mirradas, pobres e feias cujo os ônibus costumam despejar uma quantidade imensa de roceiros para estudar (Ops...pagar) nas inúmeras universidades(???) friburguenses.