Nova Viçosa

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa

Cquote1.png Nova Viçosa é um grande polo de hotéis e... Cquote2.png
Prefeito sobre Nova Viçosa
Cquote1.png O que tem de bom aí para os outros visitarem? Cquote2.png
Entrevistador sobre Nova Viçosa
Cquote1.png Hã... Bem... Hum... Cquote2.png
Prefeito mostrando que não tem muita coisa para se fazer em Nova Viçosa
Cquote1.png Nova Viçosa é o cu do mundo! Nem coca-cola tem lá! Cquote2.png
Otto Fanty sobre Nova Viçosa
Cquote1.png Nova Viçosa tem mais mineiros que baianos! Cquote2.png
Turista capixaba revoltado por não ter tantos mineiros em sua terra
Cquote1.png Nova Viçosa é aquela praia depois de Nanuque? Cquote2.png
Belo-horizontino passando pela primeira vez na BR-418
Cquote1.png Mucuri é melhor, o mar aqui é uma piscina salgada Cquote2.png
Turista revoltado por Nova Viçosa não ter ondas fortes

Nova Viçosa é uma Nanuque com praia, cidade da Ô Xentelândia, mas reclamada como território ultramarino de Minas Gerais (mar moço, Minas tem mar!) cujo único objetivo de existência é abrigar uma colmeia, uma favela ou um grande aglomerado de hotéis que servem para porra nenhuma. Alguns duvidam da capacidade turística de Nova Viçosa, mas muitas pessoas falam que na cidade o que mais gostaram foi do serviço de quarto, da limpeza das camas, do atendimento do hotel e dos guardanapos limpinhos.

Cquote1.png Ok, mas e da cidade? Pensei que cidade Cquote2.png

Hã? Da cidade... Bem... Não comentaram nada sobre a cidade. Deve ser porque o ponto turístico são os próprios hotéis.

Cquote1.png Ok, mais Nova Viçosa é considerada cidade? Cquote2.png

História[editar]

Pelo menos eles são sinceros e chamam suas praias sem ondas de "Lugar Comum".

Nova Viçosa foi fundada em 1720, mas como foi criada por baianos até hoje não evoluiu muito de como era nessa época. Eles dizem que é para manter intacta a natureza, embora os portugueses que não eram baianos levaram embora todo o pau-brasil e Mata Atlântica que havia ali e não existe mais.

Era só um vilarejo acanhado e isolado, bem similar a como é hoje, recebendo turistas que foram ludibriados por alguma agência quando perguntam que querem visitar a Bahia mas desejam evitar o caos de Salvador. Todo um esquema maçônico, ao invés de enviar o turista para um destino mais aceitável como Paris, o envia para Nova Viçosa, e assim a cidade foi ganhando fama de estância turística.

A independência veio só em 1962, quando o ex-município sede Caravelas havia esquecido da existência de Nova Viçosa, e quando esta divulgou sua emancipação, nem perceberam.

Geografia[editar]

Nova Viçosa é uma cidade litorânea conhecida por ser a única cidade do Brasil cujo mar não tem ondas, sendo local ideal para iniciantes, e pior lugar do mundo para surfistas. Não existe mais Mata Atlântica ali, só um mangue bem fedorento que foi transformado na Reserva Extrativista de Cassurubá, uma espécie de reserva indígena só que para não indígenas, só para catadores de caranguejo mesmo.

Nova Viçosa é ainda a cidade mais perto do Parque Nacional Marinho dos Abrolhos, umas rochas localizadas lá no meio do oceano. Os pesquisadores que estudam Abrolhos, todavia, evitam ao máximo passar por Nova Viçosa para chegar lá, nunca são vistos.

Segurança[editar]

Fora dos hotéis ninguém está seguro. O que deveria parecer a Bahia se parece com o Oriente Médio. A polícia está o tempo inteiro atirando e tendo suas armas assaltadas por pivetes que depois são presos mais uma vez para repetir o maldito ciclo que acerca a Bahia. Após uma pesquisa feita pelo Secretário de Segurança Pública do Estado da Bahia, ficou constatado que nem um projeto como a implantação de UPPs seria suficientes para pacificar essa maravilhosa cidade litorânea, onde a cada período considerado "alta temporada", aproximadamente 834.283,05 casas são arrombadas e assaltadas durante o maravilhoso show da virada onde cada estouro é uma porta arrombada.

Cultura[editar]

A cultura de Nova Viçosa é igual a do restante da Bahia. Não tem muito o que falar: é só aquilo, e mais um pouco daquilo e principalmente aquilo todo os dias. São surubas múltiplas o ano inteiro e o carnaval é estendido até o Natal. Se quer diversão vá para Nova Viçosa! Eles conseguem roubar sua cueca sem tirar tua calça!

Turismo[editar]

Uma cidade com mais hotéis do que praias, a cidade de Nova Viçosa é conhecida principalmente pelas suas praias que são o único motivo de haver pessoas por lá. Mas não se sabe até hoje o motivo de existirem hotéis em um lugar como esse. Dizem que os pacotes turísticos incluem uma escolta até o hotel em um carro blindado e as pessoas tem o direito de ficar 24h por dia dentro dos muros altos do hotel. De certa forma, ser turista em Nova Viçosa é a mesma coisa que visitar o Carandiru. Note que dá na mesma dormir em um quarto de hotel em Nova Viçosa e em uma cela de prisão. A diferença é que na cela de prisão temos ar condicionado e colchões confortáveis.

As praias que são inalcançáveis para pessoas visitantes (e que só podem ser vistas por fotos mesmo) e os hotéis que nem estão incluídos no pacote. E tem alguma coisa para fazer nos hotéis? Bem, os hoteleiros conseguiram disfarçar bem a blindagem, passando tinta branca e cobrindo os parafusos.

Fora da cidade os pontos turísticos são a boca de fumo (prefeitura), o pólo do tráfico (barraquinha e cachorro quente) e as iguarias locais (cachorro-quente com maconha, peixe com maconha e claro, água de coco com muita maconha). Quem é da serra mal consegue respirar, por isso é comum as pessoas da serra virem com máscara de gás para Nova Viçosa aproveitar a praia e também para que os bandidos não vejam seu rosto e não persigam sua família.Ah e agora tem o complexo do baiano (também conhecido como casinhas populares) lá tem machona, crack ( é só isso que pobre pode comprar) sem contar os roubos, furtos e arrombamento... Um lugar simplesmente "INESQUECÍVEL"!!!