O Grinch

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa
SANTAMARX.gif Ho Ho Ho, Desciclopédia!

Este artigo contém conteúdo natalino e está recheando o peru. Seja um bom menino e não vandalize, ou Papai Noel vai obrigar-lhe a assistir ao show do Rei Roberto Carlos. Não se esqueça de deixar leite e biscoitos!


Capeta-2.jpg

O Grinch fez pacto com o CAPETA!
Então é melhor nem se meter com esse artigo, senão o capeta vai atrás de VOCÊ!!!

Miau!

O Grinch é uma criação muito doida de Dr. Seuss
Ele pode ser um gato usando uma cartola, alguém verde que vive esculachando o natal dos outros, ou um cara amarelo que come ovos verdes e presunto. O GATOLA DA CARTOLA ESTÁ VIGIANDO ESTE ARTIGO!

Gatola.jpg
Grinch com sua cara pervetida ao saber que vai fuder com todo mundo, literalmente.

Cquote1.png Você quis dizer: Krampus Cquote2.png
Google sobre O Grinch

Cquote1.png Você quis dizer: O Máskara Cquote2.png
Google sobre O Grinch

Cquote1.png Você quis dizer: Guilherme Briggs Cquote2.png
Google sobre O Grinch

Cquote1.png Já comi... Cquote2.png
Dercy Gonçalves sobre O Grinch

O Grinch é um estranho e poderoso ser que desde muitos milênios assombra o imaginário popular como uma criatura sádica que invade as casas das pessoas no Natal para roubar todos os presentes e devorar a carne das crianças porque isso é uma coisa super normal né? Comer a carne das pessoas... Esse estranho e misterioso ser foi citado pela primeira vez num famoso e ridículo livrinho infantil criado pelo Dr. Seuss que desapareceu misteriosamente três dias depois, por que será né? O Grinch é um ser muito poderoso, com poderes que até seres como o Seu Madruga encontrariam dificuldades em enfrentar.

História[editar]

Nascido como qualquer outro quem de Quemlândia (não tinham nome nenhum pra botar nessa jossa aí colocaram esse nome super esperto né?) , Grinch veio ao mundo trazido por uma cegonha. Isso mesmo, uma cegonha! Ele veio com uma série de deformidades genéticas que o deixavam todo verde e com pelos, e não bastando isso, quando foi deixado na porta da casa de suas mães lésbicas, elas estavam dando uma suruba dentro de casa e nem ouviram ele na porta. Na verdade, só uma semana depois é que elas descobriram ele lá. Não bastando isso, o Grinch criança ainda era humilhado pelos coleguinhas burros da escola (mas também ser criança, ter barba e não querer sofrer bullying já é foda). Ele tentou estuprar uma menina de lá, mas fracassou, embora com isso ela tenha adquirido uma síndrome que a deixou apaixonada por ele (como é que uma porra dessas acontece? A mulher tem um retardo mental???).

Grinch, pensando em novas formas de ferrar com você.

Os anos se passaram, e Grinch ficou com cada vez mais ódio de tudo e de todos. Enfim ele fugiu


(puto e excepcionalmente fudido) e foi morar nas altas montanhas nevadas, com seu único amigo, um cachorro vira-lata chamado Max. Eles viviam no lixão que ficava na montanha, comendo apenas vidro e fezes de rato. Durante um certo tempo, o Grinch foi até feliz sozinho com o cachorro mas aí chegavam os natais e ele sempre se irritava com a barulheira com um bando de Quens(te perguntou) feios pra caçamba correndo de um lado para o outro que nem retardados para comprar de tudo que não servisse pra porra nenhuma.

Grinch certa vez perdeu a paciência e decidiu que era hora de fuder de vez com todos eles roubando o Natal. Ou seja, ele fabricou uma roupitcha "LIMMMDA" de Papai Noel, construiu um trenó mecanizado, e saiu pelas casas roubando os presentes de todo mundo enquanto uma musiquinha de fundo não parava de tocar.

Trocando de Lado[editar]

Grinch, gozando de prazer por ter feito uma boa ação.

Apesar de sempre ter sido um vilão malvado (não diga, vai ser um vilão bonzinho) que largou o aço nessa porra toda e devorou carne (Quem) humana (aí você pensa que essa porra vai ficar boa, o verdinho vai matar geral nessa Quem(te perguntou)lândia). O Grinch decidiu que valia a pena sentir compaixão por criancinhas quando uma delas (uma garotinha com um penteado escroto e dentes maiores que a cabeça, chamada Sally ou Cindy) tentou se suicidar com o saco de presentes de natal que ele roubou e ia destruir. Quando ele a viu em perigo, finalmente sua maldade cessou e ai começou a viadagem: não só ele se arrependeu de seus crimes como também seu coração sofreu uma terrível inchação devido à vários tumores que estavam se manifestando e com isso ele aumentou três vezes de tamanho. Grinch abriu um largo sorriso em sua cara e salvou a criancinha (Cindy ou Sally), se tornando a partir daí um super-heroi, defensor dos quens.

Poderes[editar]

Além de uma super-hiper-mega-ultra-giga-master-cosmic força, o Grinch também pode pular por aí feito um maluco, se alimentar de vidro sem se machucar (incrível né? Se fosse meus dentes estariam todos fudidos) e construir centenas de geringonças perigosas usando apenas sucata. Ele pode fazer tudo isso, mas não consegue usar calças ou fazer uma plástica que conserte seu rosto.

Atualmente[editar]

Atualmente, Grinch já não fica só em Quemlândia. Ele decidiu expandir seus horizontes e veio para o planeta Terra, viver entre o humanos, ao invés de só vir aqui de vez em quando matar e roubar alguns como fazia antigamente. Para não ser descoberto, ele devorou a carne e se utilizou da pele de um cara qualquer, avestindo e adotando o nome de Jim Carrey. Ele agora tem uma lucrativa carreira como ator de comédias, além de ser integrante da poderosa Super-Ultra-Mega Liga da Justiça. Mas foi banido em Hollywood como ator por ter tentado estuprar a mulher do diretor em "Avatar" (Uma coisa que Chuck Noia aprova)

Deesnider.jpg Este artigo só pode ser coisa de MONSTROS!

Estrague este artigo que eles vão avançar e te comer! Nos dois sentidos!
Para não despertar a fúria deles, melhore este artigo, tá?

AGORA CORRE!!!