Onça-pintada

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
(Redirecionado de Onça)
Ir para: navegação, pesquisa
Onça
Onça com tédio
Onça com tédio
Classificação científica
Reino: Animal
Filo: Acordados
Superclasse: Quadrúpedes
Classe: Mamadores
Ordem: Comedores de carne
Família: Felinos
Gênero: Pantera
Espécie: Onça
pantera onca

Cquote1.png Experimente também: Acessório de oncinha. Cquote2.png
Sugestão do Google para Onça-pintada
Cquote1.png Deveria ter caçado e comido antes de me caçarem. Cquote2.png
Onça sobre sugestão acima.
Cquote1.png É sintético, pôxa... Cquote2.png
Patty mentindo sobre frase acima.

Onça é um gato de grande porte que não quis ser tigre, mas também não aceitou ser leopardo, nem jaguatirica... porém não quis ser pantera e não quis ter juba... e tampouco quis ter uma cor lisa... então que bicho a onça é porra?!?!?!?! Calma, vamos entender isso em primeira mão na Desciclopédia. É um mamífero que se alimenta de leite da mãe quando jovem, e depois se fêmea, se alimenta do leite do macho. É constituída por pelôs de gato,( Nerds não podem chegar perto de uma, pois alem de serem comidos, (Onças odeiam nerds) pegam uma uma doença rara que se chama "Alergia a pelôs de gatos") presas feitas de gesso, tinta preta (Pois são pintadas né? Obvio) e 1 metro de língua.

Hábitos[editar]

Onça é um animal baiano, ou seja fica dormindo quase o dia inteiro e caça a noite. Na hora de caçar, corre atrás de gazelas, veados e nerds. Gosta atacar o parceiro e tentar matar os filhotes

Pintas[editar]

Quem mandou comer coisa estragada.

Em Português, as manchas da onça também podem ser chamadas de pintas, não quer dizer que tenham onças macho (existe onço?) dando pinta por aí, mas quer dizer que pode-se em nossa língua, que não é tupi-guaraní (apenas em parte), o bom e velho Portuga chama-se manchas, em geral quando são pequenas, de pintas. Agora de um beijinho aqui numa manchinha que eu trago embaixo para entender melhor... É... Não, melhor continuar lendo, é mais decente.

Pinta é usada em geral em Português para uma mancha pequena, que pode ser artificial, do mesmo que algumas pessoas fazem no queixo, na maçã do rosto e tals, mas algumas pessoas já as possuem nesses locais dando aquele charme... e talvez por isso é que o charme bichal é chamado de pinta...

Só não sei desde quando esses seus pulinhos escandalosos e essa voz de gralha é charme, mas falando nisso (olha a enrolação), as onças são muito charmosas...

...bom, eu não acho tanto assim, prefiro os tigres e as panteras, mas isso não vem ao caso por aqui.

Sendo ou não charmosas, essas pintas das onças as envolvem em piadinhas sem graça que compara as pintas com onças pintadas em um quadro, não se sabe se teve um filho de rapariga que riu disso alguma vez, mas tem sempre um filho de rapariga contando algo assim. Disso as onças não têm culpa...

Em geral elas têm culpa de pequenos animais domésticos sumirem de uma hora pra outra, isso porque algumas onças são ilusionistas e os fazem sumir, ao mesmo tempo que fazem sumir a fome de seu estômago, do próprio estômago das onças e não a dos animais pequenos, que em geral a mágica é tão bem feita que eles não aparecem mais, alguns acreditam que tenham ido parar no Bosque Encantado ou no mundo de My Little Ponny, algo assim.

Alimentação[editar]

Onça não aguentando mais esperar um homi sair lá de baixo pra ela poder descer em segurança.
Onça com cara de tarada, querendo te pegar.

Já que se falou do estômago das onças, ele não é tão grande como se pensa, é bem menor que o dos tigres e leões por exemplo. Uma galinha sem vergonha já é capaz de satisfazer uma onça até segunda ordem, isso as onças aprenderam com as raposas, mas não com as raposas reais, que não são idiotas de chegar muito perto das onças, receando que estejam famintas, mas as onças aprenderam lendo nas fábulas e, como as raposas que sempre são retratadas como as mais espertonas e, estão em geral comendo de tudo, até mesmo uvas e homenzinhos de pão de ló, conhecidos mais como biscoitinhos (melhor nem comentar esse nome), mas as raposas comem mais galinhas, assim as onças resolveram experimentar a granja e gostaram dos frangos.

Se as onças comem pessoas não se confirma, mas que elas atacam para defender o território, se sabe que sim, então, é melhor nem arriscar a se meter em território de onça, principalmente se deu cria, mas caso se meter por descuido, pode ter certeza que não será comido, mas pode ficar todo lanhado e dolorido por um tempo. As onças fazem as unhas sempre, mas as mantém compridas, costumam afiar, oras, sabemos que nada mais é do que um gato grande, e a mordida vem em segundo plano, mas pode também ser fatal... e o que é que essa besta foi fazer no meio do mato? A besta aqui não é a onça.

Voltando às fábulas e a alimetação das onças claro, nessas histórias, não se sabe porque as onças são as mais tontas, o que não corresponde à realidade, mas nessas fábulas, em geral os animais estão tentando conseguir dar uma comida e, quem mais consegue dar uma comer são as raposas, quem morre de fome são as onças. Deve ser de raiva que os fabulososlistas fazem isso com esses animais, sem dúvida, na realidade perderam algumas bichinhas de estimação para o bucho de alguma onça e, se vingam nas fábulas. Ou mesmo, as onças comeram um fabulista... não, não: Alguma onça não quis comer um fabulista, que foi embora ofendido e cheia de calor na lomba, jurando vingança.

Morfologia[editar]

A incrível onça do nariz esbranquiçado e suspeito.

A forma da onça, nenhum caçador sabe definir direito, mas a anatomia dos caçadores as onças conseguem dar de forma precisa. Elas não falam a nossa língua em idioma nenhum, mas se falassem, descreveriam o corpinho todo de qualquer caçador, inclusive suas idiotices, mas não se sabe se mesmo falando, elas perderiam tempo com bobagens assim. Já o contrário, nem aquele ilustre caçador Pedro Encerrabodes de Oliveira, sabe ao certo da anatomia das onças, e ofensivamente fingem as confundir com jaguatiricas. Isso é uma blasfêmia, até uma criancinha sabe distinguir, ou seja é coisa de caçador que não sabe perder.

Onça na dúvida se mata a sede, ou o enxerido que está olhando.

Os olhos são cor de mel, mas elas não sabem dessa definição e, se soubessem não estão nem aí para as interpretações humanas, esses olhos não assustam muito, pois não são com a quela pupila que fica comprida, mas não tire a prova imbecil, mesmo onça não costumando comer gente, elas podem matar pra defender território e filhotes. Os olhos podem furtar um tom verde e até cinzento ou levemente azulado, ao redor da pupila, mas em geral é essa cor melada mesmo e, são muito aguçados, por isso que conseguem descrever qualquer caçador, como já mencionado esse olho também ajuda nos reflexos... O que não significa que esses bichos apreciem se ver em espelhos, nada disso, isso é coisa de golfetes e elefantes.

As onças possuem aquela lomba meio erguida de forma elegante, e andam rebolando um pouco, embora os machos sejam machos, há que sempre saber distinguir essas coisas: Não é por exemplo, porque os pavões tenham aquela cauda vistosa que não sejam machos. As onças machas têm a anatomia sim, de modo a ficar com lombeta soerguida e, andam rebolando, porém não ao modo humano claro, mas nem por isso, os onços (repito: Existe onço?), deixam de cumprir seu papel de macho, salvo exceções inevitáveis em qualquer espécie.

Apenas quem levanta o rabo para meios íntimos são as fêmeas, mesmo a antomia de ambos os sexos seja quase igual. Elas não deixam nada a desejar em corridas e ataques, tem aquele esqueleto resistente, os dentões medonhos e tudo o mais. A cabeça das onças é meio feia, mas não é por ter o crânio mais malfeito que os demais felinos de grande porte. E sim porque não tem longos pelos e suas pintas dão um ar ainda mais estranho, juntamente com as orelhas pequenas... bom, orelhas pequenas todos os felinos possuem mesmo. Já o rabo é bem compridão, talvez o maior da série de felinos, eu ainda vou medir isso, desde que você me dê uma ajuda.