Oswaldo Cruz

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa
Dark-Art-Grim Reaper 01DesktopNexus.jpg
Oswaldo Cruz já morreu!

Já foi tarde!

Clique aqui pra ver quem te espera no inferno

Cquote1.png Não vai doer nada!! Cquote2.png
Oswaldo Cruz sobre sua vacina contra malária


Oswaldo Cruz, São Luiz dos cafundós, 1800 e lá vai barro na construção - 1900 e guaraná com rolha , foi o maior inimigo dos mosquitos do Brasil, o cara com o bigode mais stayle do país, o médico mais nerd de sua época, e o combatente da febre amarela, o que lhe tornou, antes de morrer, treinador de Mafagafos.

Oswaldo Cruz mostrando para uma de suas pacientes o que fazer na hora da Febre Amarela

Biografia[editar]

Nascido em São luiz dos cafundós, no Vale do Paraíba, ou seja, no meio do mato, Oswaldo Cruz, conviveu anos estudando pênis longo pernilongos, mosquitos e qualquer outro inseto que ele achava nojento e repulguinante. Após descobrir que não ia ganhar a vida na sua cidade, se muda para o Rio de Janeiro onde estuda medicina e começasou bicha viadãodefensor da malária, da febre amarela, da febre azul, verde, roxa..., o exterminador de mosquito e o cara das notas de cruzados. Em 1900 e lá vai guaraná comhrhymsrjyonry shbyysjo hsrysrbhysrhlsrjnhsr8nhmjdtnnhyiwrjdtgtjbruihw5jbr8hyw4hivt68e5jtuhgfrlhuçruhetfdphfnhubsfjb nsf8bsb rolha, se forma na faculdade de medicina, onde começa a subornar trabalhar como médico particular, após ganhar alguns trocados, dedica grande parte de sua vida estudando mosquitos, onde consegue descobrir a causa da febre amarela, da malária e das demais porcarias que já citei. Feliz da vida, após a descoberta, Oswaldo Cruz, então resolve criar vacinas para combater a doença, então de muda para Amazonas, aonde fica dias no mato (aaaai) a procura de plantas milagrosas. Com tempo Oswaldo Cruz, vira amigo de tribos indígenas, que apesar de não viver na tecnologia da época, pelo menos eles tinham remédio contra as malárias, contra a febre... e blá blá blá quie já citei. Oswaldo Cruz, então rouba pega emprestado o remédio natural feito pelos índios, e volta ao Rio de Janeiro dizendo ao mundo sobre a sua mais nova invenção descoberta,descoberto pelos índios, mas no caso, ele não citou os índios, e então surgia a vacina patenteada pelo Oswaldão (carinhosamente chamado na cama pela sua esposa)

Nota Um Cinco Sete de Oswaldo Cruz por roubar o remédio dos índios

Reconhecimento[editar]

Depois de ser reconhecido como herói (pela população da cidade do Rio de janeiro o pultão). E como tremendo filho da puta, ladrão miserável ( pelos índios). Oswaldo Cruz, começa a ser reconhecido nacionalmente, e enfim sua clinica média, especializada em apenas doenças transmitidas por mosquitos, já é a maior do Brasil. Com tempo, Oswaldo ganha destaque nas notas de 157 cruzados, que no caso, não se falava cento e cinquenta e sete, e sim, Um-Cinco-Sete. Estampado na frente da nota o seu rosto, e atrás uma foto de um mosquito morto por um pano de prato.


Oswaldo Cruz junto com seus colegas do grupo B.M.S.M.B, um bigode mais charmoso que o outro

Campanhas de Oswaldo Cruz[editar]

  • Antes de bater as botas morrer, funda o G.C.M.F.D.P.B, Grupo de Combate aos Mosquitos Filhos da Puta do Brasil, na época conhecido apenas como C.M, Combate aos mosquitos, pois os demais palavreados não eram pronunciado em discursos público.
  • Surge a campanha, Salve os Mafagafos, onde um cientista maluco salva a terra numa eclosão racil inesperientement incluida nos negros africanos que morrem por ser macacos fedidos, varias pessoas tiam preconceito por eles rodarem bolsinha na esquina, Oswaldo Cruz deu o cu para um africano grandao, que deixou o cu dele arrombadissimo, e assim ele morreu de door no cu

Sua morte[editar]

Antes de morrer Oswaldo Cruz se candidata a prefeito da cidade de Petrópolis, após o fim da eleição ele vence, mas antes de assumir morre, ironicamente, vítima de uma intoxicação feita por um mosquito que pousou em seu cereal crocante da Nestlé no seu café da manhã em uma sexta feira 13. Hoje esse mosquito é lembrado como Herói nas tribos indígenas.

Revolta da Vaci.jpg
História do Brasil: República Velha (1889-1930)

Eventos que você não se lembra porque não era nascido, e quem era está tão esclerosado que também não se lembra
Proclamação da RepúblicaConvenção de ItuCrise de 1929Café com leiteColuna PrestesCrise do EncilhamentoRevolta da VacinaGuerra de CanudosGuerra do Contestado


Presidentes, ditadores, políticos e outros nomes de rua
Deodoro da FonsecaFloriano PeixotoImprudente de MoraesCampos SalesRodrigues AlvesAfonso PenaNilo PeçonhaHermes da FonsecaWashington LuisRui BarbosaOswaldo CruzMarechal Candido Rondon