Otávio Mesquita

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa
Dios1.png Importante! A Igreja Universal quer sua atenção!

Deus quer que este artigo seja ampliado.
Aqueles que o fizerem, serão ajudados pelos seus tentáculos. Os que ignorarem, irão para o inferno pra sempre.
Não seja herege e obedeça a verdade única e divina!


Otávio Mesquita em passeio na França. Veja, ele esqueceu de fazer o seu bigode!

Cquote1.png Você quis dizer: Otário Mesquita Cquote2.png
Google sobre Otávio Mesquita
Cquote1.png Você quis dizer: Steve Martin Cquote2.png
Google sobre Otávio Mesquita
Cquote1.png Vooolta pro palco que lá você faz melhor Cquote2.png
Silvio Luiz sobre Otavio Mesquita tentando sucesso no automobilismo
Cquote1.png Otaavio Otaaaavio Otaaaaaavio Otaaaaaavio (42x) do Brasiiil Cquote2.png
Otavio Mesquita sonhando com Galvão Bueno narrando a sua vitória
Cquote1.png Má vai pra láá oie Cquote2.png
Silvio Santos sobre Otavio Mesquita
Cquote1.png Que mer...cadoria! Cquote2.png
Otávio Mesquita sobre a Desciclopédia

Otávio Mesquita, 1900 e guaraná com rolha, é um apresentador de televisão que tentou ser piloto de automobilismo mas nunca obteve sucesso mas... era uma merda fazendo isso.

História[editar]

Otávio Mesquita tomando uma 51 com Silvio Santos

Após assistir as vitórias do argentino Juan Manuel Fangio na Fórmula 1 na antiga Rede Tupi, Otávio Mesquita resolve ter o sonho de ingressar no automobilismo. Seu primeiro carro foi um Vemaguet 1001, acoplado com câmbio semiautomático e suspenção ativa. Com esse carro, o piloto conquista o Campeonato Paulista de Racha na Anchieta e termina em segundo lugar na tradicional prova das 24 Horas de Le Mans em parceria com Luciano Burti. O próximo passo em sua carreira foi disputar uma temporada completa da maior categoria do automobilismo internacional, a Fórmula 3000 japonesa. Para tanto, o piloto pega um empréstimo de 300.000 Cruzados no Banco Nacional e monta sua própria equipe para disputa do certame. Entretanto, em meados da temporada, o banco deu o cano e faliu, e Otávio Mesquita retorna para o Brasil sem dinheiro, sem vitórias, sem comer nenhuma japonesa, e sem pegar aquele autógrafo supimpa com o Akira Toriyama. Desempregado e putaço, o piloto abandona o automobilismo e resolve seguir carreira na TV após assistir uma edição do Troféu Imprensa.

Faz o teste na TV Bandeirantes, após ser um dos últimos colocados consegue passar, começa como figurante, e logo depois como apresentador de programas em horários que ninguém acompanhava. Uma das virtudes do seu programa genial era sempre o entrevistador aparecer mais do que o entrevistado; por sua figura e suas opiniões serem tão interessantes o programa sempre foi destaque na madrugada e nos outros horários "alternativos" que os telespectadores estão no estado mais profundo do sono, e com suas televisões devidamente desligadas.

Vai pro SBT onde faz pico no programa do Gugu para acordar os artistas, após ser ameaçado por diversos artistas sai do SBT e volta para bandeirantes, como apresentador do Cine prive, logo depois volta a apresentar programas em horários onde metade da população brasileira não assiste pois está dormindo.

Hoje ele é apresentador do Programa com o nome mais bizarro da TV A noite é uma criança.O programa tem um aspecto bizarros e coloridos, cheio de detalhes, mas apesar de parecer ser o que você pensa que é, não é! (ou é?, Ah, sei lá). Paralelamente, o apresentador pretende relançar sua carreira no automobilismo disputando corridas de carrinho de rolimã.

Há quem diga que Otávio Mesquita é um irmão esquecido pelo ator de Hollywood Steve Martin, pois as semelhanças são absurdas. Porém, é bem fácil saber quem é quem, pois Steve Martin tem talento, é engraçado e inteligente.

Ver também[editar]

Jogo dos 7 Erros[editar]

Seria esse Otávio Mesquita?
Ou seria esse Steve Martin?
Patrick.gif "Que burro! Dá zero pra ele!"

Este artigo é sobre algo ou alguém burro ou completamente imbecil.

Cuidado: as burrices podem te morder!