Página principal

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
(Redirecionado de Página Principal)
Ir para: navegação, pesquisa
Bem-vindos à Desciclopédia

A enciclopédia livre de conteúdo que qualquer um pode editar.

52 845 artigos · 179 792 imagens

Ajuda

Embaixada

Perguntas

Políticas

Mídia

Contribuir

Artigo em destaque
Uma forma simples de se covencer um homem de sua ametropia

Chama-se ótica o estabelecimento comercial predileto de um a cada dez nerds (os outros preferem uma loja de equipamentos de informática ou uma loja de RPG). A palavra ótica é a sigla de Olhos Tortos Identifica Cegueira Avista. Até hoje não se sabe quem foi o animal que desenvolveu essa sigla e se seu significado tem alguma coisa a ver com pessoas zarolhas.

Ao visitar uma ótica é muito comum ouvir que a sua visão está péssima e se você não comprar um óculos naquele exato momento, pode ficar cego. Isso com o intuito de te vender com facilidade um óculos ou uma lente corretiva.

Mas nem tudo são flores na vida de um consultor ótico. Como 145% das pessoas detestam usar óculos, satisfazer o cliente é um verdadeiro milagre.

Clientes insatisfeitos vêm reclamar dos mais diversos problemas que, normalmente, não existem. Uma das reclamações mais comuns de um cliente, é a de que ele não enxerga com os óculos e que eles estão errados. Para tal problema, um consultor ótico usa, comumente, o tratamento de gaveta, que consiste em guardar os óculos "com defeito" em uma gaveta durante uma semana ou mais (dependendo do "defeito"). O nível de solução do "problema" com tal método é um dos mais satifatórios, algo em torno de cinco em cada quatro casos.


Eventos recentes


Neste dia...



Imagem do dia
 
Apresentação
Batata desciclo sem texto.gif
Bem-vindo(a) à Desciclopédia, uma (des)enciclopédia escrita com a colaboração de seus leitores. A Desciclopédia é um site de humor debochado e seu conteúdo não deve ser levado a sério. Todas as nossas regras e políticas convergem para um só princípio: ser engraçado e não apenas idiota. É um princípio amoral, mas que implica numa ética subjacente. Significa que, no âmbito da Desciclopédia, só podem ter procedência as críticas que se refiram à qualidade divertida de um artigo. Não tem, portanto, nenhum sentido tentar defender os méritos morais ou artísticos de algo que você gosta (banda, filme, personalidade, programa, game, etc.) e que tenha sido sacaneado num artigo da Desciclopédia. Essas coisas não interessam nem um honorável pouquinho aqui.


Participação

Todos podem publicar conteúdo on-line desde que não sejam vândalos ou desrespeitem as regras.

Dentre as diversas páginas de ajuda à sua disposição, estão as que explicam como criar um artigo, editar um artigo ou inserir uma imagem. Em caso de dúvidas, não hesite em perguntar e dar sua apnião.


Comunidade
A comunidade vem crescendo dia após dia. Porém precisamos de mais colaboradores para podermos ampliar o número de artigos em língua portuguesa e expandir, melhorar e consolidar os que já existem.


Projetos irmãos

A Desciclopédia existe graças à entidade sem fins lucrativos Fundação Desciclomídia. A Desciclomídia opera vários projetos em diversas línguas, sempre com conteúdo livre: