Página principal

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa
Bem-vindos à Desciclopédia

A enciclopédia livre de conteúdo que qualquer um pode editar.

54 432 artigos · 187 767 imagens

Ajuda

Embaixada

Perguntas

Políticas

Mídia

Contribuir

Artigo em destaque
Cquote1.png Não toque na minha irm... GAHHHHHHHH! Cquote2.png
Pessoa destaualizada durante um apocalipse zumbi

Ah, a humanidade! Quem ao menos vê os noticiários gradualmente poderá ver que depois da revolução industrial, Internet e Pornografia o mundo está indo em direção ao apocalipse e ao anti-socialismo. É bem óbvio que depois da metade do século XX começasse a bombar as datas para o fim do mundo, ora porque ninguém mais aguentava de tédio nesse mundo atual, ora só pra sacanear e deixar um bando de gente desesperada.

Até então, várias revistas, sites, pessoas e livros algo mais que eu esqueci começaram a citar várias maneiras de destruir o mundo. Foi sugerido o Bug do milênio, Aquecimento Global, Ataque Alienígena, Holocausto Nuclear e talvez o pior deles, um fim em que a humanidade acabaria comendo a si mesma, o Apocalipse Zumbi (aka Suruba Mundial).

Esse artigo não é nada mais do que um manual de sobrevivência caso isso aconteça. Afinal vamos pensar: depois que foi lançado o Resident Evil, o Walking Dead e os inúmeros filmes do George A. Romero, o ser humano começou a achar "legal" essa história de apocalipse zumbi e, como demonstrado em filmes, jogos e livros séries de TV, parece que o mundo fica melhor para as pessoas quando "descansar em paz" não significa mais morte.

Jesus salve a alma que o corpo tá podre!


Eventos recentes


Neste dia...


Sabia que...


Imagem do dia
 
Apresentação
Batata desciclo sem texto.gif
Bem-vindo(a) à Desciclopédia, uma (des)enciclopédia escrita com a colaboração de seus leitores. A Desciclopédia é um site de humor debochado e seu conteúdo não deve ser levado a sério. Todas as nossas regras e políticas convergem para um só princípio: ser engraçado e não apenas idiota. É um princípio amoral, mas que implica numa ética subjacente. Significa que, no âmbito da Desciclopédia, só podem ter procedência as críticas que se refiram à qualidade divertida de um artigo. Não tem, portanto, nenhum sentido tentar defender os méritos morais ou artísticos de algo que você gosta (banda, filme, personalidade, programa, game, etc.) e que tenha sido sacaneado num artigo da Desciclopédia. Essas coisas não interessam nem um honorável pouquinho aqui.


Participação

Todos podem publicar conteúdo on-line desde que não sejam vândalos ou desrespeitem as regras.

Dentre as diversas páginas de ajuda à sua disposição, estão as que explicam como criar um artigo, editar um artigo ou inserir uma imagem. Em caso de dúvidas, não hesite em perguntar e dar sua apnião.


Comunidade
A comunidade vem crescendo dia após dia. Porém precisamos de mais colaboradores para podermos ampliar o número de artigos em língua portuguesa e expandir, melhorar e consolidar os que já existem.


Projetos irmãos

A Desciclopédia existe graças à entidade sem fins lucrativos Fundação Desciclomídia. A Desciclomídia opera vários projetos em diversas línguas, sempre com conteúdo livre: