Paisagem Cultural de Aranjuez

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa
Inquisicaoespanhola.jpg

¿¿¿Porque no te callas???
No robe los picassos de Paisagem Cultural de Aranjuez o la Santissíma Inquisición lo mandará para el colo del capeta!!!

Este artigo é um
Patrimônio Mundial da Humanidade.

Pode ser uma ruína, uma cidade
de merda, um matagal abandonado,
mas está protegido!

World Heritage Site logo.png

Leitura recomendada apenas para
pessoas com cultura.

A UNESCO monitora este artigo.


A Paisagem Cultural de Aranjuez ou Palácio Real de Aranjuez é um dos infinitos palácios pertencentes ao rei espanhol. E como 95% desses palácios, fica a poucos quilômetros do palácio principal, onde o rei mora. Por qual motivo que a realeza tenha tantos palácios assim, ninguém sabe.

Um dos 4274374374342... palácios reais espanhóis.

Talvez seja para abrigar toda a família, como o cunhado do sobrinho do neto do avô do padrasto do rei. Como até os parentes distantes são considerados da família real, então são precisos muitos palácios para abrigar toda essa gente. Aranjuez foi construído em cerca de 1400 e lá vai pedrada, durante uma hora em que o rei estava entediado.

História[editar]

Nas horas em que ele está entediado, a realeza gostavade ordenar a construção de palácios reais. Alguns acreditam que os palácios como Aranjuez eram feitos apenas para ocupar o espaço desocupado. Mas estudos mostram que havia algo muito importante nos bastidores dessas obras.

Os reis europeus da época adoravam um jogo daquele tempo, que era a aposta. E eles sempre apos tavam o toba para ver quem fazia mais palácios ou o palácio mais maior. O rei espanhol participava da aposta e não podia perder de jeito nenhum, já que ele apostou o toba.

Portanto, ele tinha que fazer mais palácios, porque senão ele perdia o dito cujo. Num ato de desespero, ele ordenou a construção de um grande palácio para seus arquitetos especiais. Muito dinheiro foi investido para essa obra ser feita, sendo que o rei teve que aumentar os impostos.

Claro, já que ele não queria perder o toba, que nem um certo cara. Em alguns anos o trambolho ficou prono, para alívio do rei. O pavor de perder a aposta foi tanto que ele nunca mais apostou o toba na sua vida, mas o resto não se enquadra nessa regra.

Assim como a grande maioria dos palácios, este tem um imenso jardim, que serve principalmente para encher linguiça e fazer com que o palácio pareça maior do que verdadeiramente é. Para que o jardim fique maisgrande, foram construídos nele um palácio em miniatura, umas fontes de água, etc. Hoje o palácio foi tombado pela UNESCO como patrimônio mundial por ser um trambolho grande que serve principalmente para ocupar espaço e causar poluição visual.