Palma Sola

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa
Gnome-searchtool blue.png Palma Sola é uma pequena cidade desconhecida.
Você pode estar perdendo seu tempo à-toa ao ler sobre essa joça.
Se você já ouviu falar dessa cidade, não tem, pelo menos, dois dentes na boca.

Sciences de la terre.svg.png


Palma Sola é uma cidade do oeste que, com 100% de certeza e aprovação, tem o nome mais caipira e sendo assim é uma cidade de merda quinta "catiguria", IRÁÁÁÁÁÁÁÁÁÁÁ! Ô trem bão! Sabe o quê cantam nessa cidade de caipiras desdentados?

É na sola da bota
É na palma da mão
É na sola da nota
É na palma da mão!

A capital catarinense (desconhecida) de Sertanejo!

História

Essa cidade foi fundada por cablocos de tradição... Cablocos que não eram brasileiros, não sabiam falar "Brasileiro" e que não ERAM brasileiros. Eles eram da Alemanha e da Itália e como foram mal recebidos em Porto Alegre onde o barco tinha descido a âncora eles se mudaram para o sul.

Estavam fazendo mais uma típica cidade de colonização italiana-alemã no oeste que ia dar na mesma: fracasso, já que todos sabem que só dá certo quando é mais perto do litoral.

A cidade tinha plantação, igrejinha, padaria, milharal tudo para ser uma cidade de colonização fraca do oeste catarinense, quase tão fraca quanto todas as cidades de Minas Gerais que tem mais de 8000 100 cidades e todas pequenininhas e mixurucas.

Continuando, isso atraiu um bando de mineiros para a região do oeste com o boato de uma região que brotasse ouro nesse brasilsão, e quando eles chegaram aqui não tinham achado mina nenhuma. Então eles decidiram dominar a cidade que estava ali na ponta.

A cidade era Palma Sola que na época se chamava "Amora".

Então eles expulsaram todos os italianos e alemães e começaram a fazer a maior festa. Em menos de 2 semanas a cidade estava toda caída e destruída, alguns construíram casas para morar e a população foi se multiplicando até chamarem a família de outros mineiros para habitar a região.

Hoje essa cidade é a única do oeste que tem uma borracharia, uma concessionária e que tem duas padarias e um mercado de quinta, como a cidade. Ela ainda não tem Hospital mas tem "Posto de saúde" ah! Agora sim!

Destaque

O pau de sebo de "Sola na bota, é cobra na mão, é sola na bota é passos na mão! um beijinho na cara e cá pra cá a solidão", bem é isso que os mineiros cantam por lá. Atualmente todos são Catarinenses mas quem liga? Um dos destaques da região é da festa caipira de São João onde eles convidam vários artistas de sucesso como "Sérgio Reis" e José Rico e Milionário para cantar lá.

Por incrível que pareça eles até aparecem e toda a cidade vai assistir na praça, horário prefeito para ocorrer roubos e... ah sim! Me esqueci! Não tem ladrão por lá! Nem delegacia também!

Devem fazer a justiça com "as próprias mãos", É na sola da bota, é na palma da mão...