Palmeiras de Goiás

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa

Palmeiras de Goiás (não confundir com Palmeiras x Goiás) é uma dessas cidades minúsculas do interior de Goiás que ninguém conhece.

História[editar]

Todo o nada encontrado no Lago Municipal da cidade.

Cidade histórica, já foi aldeia, já foi vila, já foi distrito, já foi comarca, já foi reino, e atualmente é município. O importante, porém é que sempre foi uma coletividade de caipiras que ninguém conhece.

Em 1800, paulistas sem ter nada melhor do que fazer, decidiram ir explorar os confins do Brasil. Após caminharem por dias naquele limbo de cerrado, cortando capim com facão e assando anta para o jantar, até chegarem ao Rio dos Bois onde decidiram construir seus barracos pra ficar.

A distribuição e divisão das terras foi um verdadeiro Deus nos acuda, se você acha o Brasil uma bagunça, o que dizer do Brasil do século XIX? Coronéis e padres grilaram e venderam terras do governo para inúmeros fazendeiros. Em suma, você já assistiu a aqueles filmes de faroeste ou do Zorro? Então você já sabe como é a antiga história de Palmeiras de Goiás.

Mas foi apenas com a chegada de baianos naqueles paus-de-arara que se forma o povoado de Palmeiras de Goiás. O que esses baianos todos viram de bom para ir morar ali é um mistério até hoje, algumas teorias defendem que foi uma cilada, que cariocas e paulistas pagavam propina aos motoristas de ônibus para desviarem o caminho entre <<coloque o nome de cidade fudida do interior baiano aqui>> e São Paulo para Palmeiras de Goiás.

Em 1905 Palmeiras de Goiás eleva-se a município. Cidade com mais de 100 anos de história e com nada de bom pra contar.

Economia[editar]

Cidade onde metade da população trabalha na roça, a outra metade trabalha na Fantástica Fábrica de Ração de Frangos que parece ser feita de lego, ou em um dos frigoríficos da cidade... Já deu para notar que a cidade é fraca economicamente.

Lazer[editar]

Cidade que oferece diversas opções de lazer. Jogar damas na praça, falar mal da vida dos outros, ir fazer porra nenhuma no Lago Municipal, encher a cara de cachaça nos botecos, ir ver o saldo nos caixas eletrônicos do Banco do Brasil, passar na frente da Igreja Matriz pra nada e observar os cães vira-latas coçando as pulgas no meio da rua.

Turismo[editar]

Palmeiras de Goiás é uma cidade histórica com grande potencial turístico, mas como tudo mais na cidade, fica só no potencial, porque por enquanto tem que estar muito fudido mesmo para visitar Palmeiras de Goiás a turismo, principalmente com Caldas Novas logo ali.