Papai e mamãe

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa
Esta página se adequa à Nova Política de Conteúdo Sexual.
Conteúdo impróprio para menores de 18 anos! Tirem as crianças da sala! Este artigo tem conteúdo impróprio para menores!
Este artigo pode conter pornografia pesada ou leve. De preferência, leia-o de olhos fechados...

Se ele estiver cometendo uma infração à Política de Conteúdo Sexual, por favor, reporte à moderação.
Pela cara do homem, parece que já perdeu a graça para ele há muito tempo.

Cquote1.png Você quis dizer: Gravidez Cquote2.png
Google sobre Papai e mamãe
Cquote1.png Que posição pré-histórica! Cquote2.png
Alguém sobre Papai e mamãe
Cquote1.png É... É sim... Cquote2.png
Você sobre o chapéu ter servido
Cquote1.png Ai Anônimo! Falta originalidade! Cquote2.png
Tua mulher sobre a única posição que você conhece

Papai e mamãe é uma das posições mais conhecidas e que mais podem gerar ambiguidades involuntárias entre os interlocutores envolvidos em uma conversa. Também tem outros nomes como "sexo vaginal propriamente dito" e "única posição que você conhece", pode ser considerada divertida no começo, mas mais tarde uma das partes (geralmente é a tua mulher e nunca você) cobram mais originalidade e ela começa a ser substituída por outros gêneros.

Surgimento[editar]

Você (por cima) fazendo Papai e mamãe pela primeira vez.

Durante a pré-história, os homens das cavernas só faziam desse gênero. E o jeito era assim: bater na cabeça de quem queria trepar e começar a fazer o serviço. Como os homens das cavernas não sabiam outra posição para se divertir, sempre praticavam Papai e mamãe e as mulheres geralmente estavam apagadas quando isso acontecia, pois usavam aqueles bastões do Piteco para fazer elas ficarem desacordadas.

Porém, passaram muitos anos até que, atualmente as coisas não são tão fáceis assim: uma pessoa que saísse por aí com um bastão e acertasse uma mulher para ela apagar e fazer o que quiser com ela seria considerado estupro. E estupro é crime...

Foram criadas outras posições além da monótona Papai e mamãe, como "tesourinha", "fio-terra" (modalidade um tanto estranha, mas em ascensão) e "cachorrinho".

Tais posições eram repugnantes para os puristas anti-sexo do século XVIII. Por isso, vários países arrumaram em suas leis penalidades de que, se porventura, algum casal saísse do Papai e mamãe iria ser setenciados como "crime de adultério" sendo que isso levaria a 15 prisões perpétuas e a decapitação da segunda cabeça dos homens envolvidos.

Controle[editar]

Modalidade safadenha de papai e mamãe com mulheres (aliás, tesourinha é classificada como pseudo-papai e mamãe).

Como era feito o controle que garantia o cumprimento da lei? Bem, era muito simples:

Os policiais iam de casa em casa, perguntando como é que tinha sido a noitada do casal e quais posições praticaram. Muitas vezes, os policiais não se passavam de pervertidos que viraram policiais apenas para isso. Quando o casal geralmente deixava de seguir tais leis ocorria o seguinte diálogo:

Cquote1.png Ai querida, vamos tentar outra coisa! Cquote2.png
Marido
Cquote1.png Hum... Então eu posso ir por cima? Cquote2.png
Esposa tentando desviar o assunto
Cquote1.png NÃO! Vamos fazer pela porta de trás! Cquote2.png
Marido
Cquote1.png Mas e se alguém nos ver? Cquote2.png
Esposa

P.S: O diálogo acima tem ambiguidade, sendo que pode se referir tanto ao ato safadinho de trocar de posição quanto para indicar que o casal quer enterrar um cadáver no jardim, só que está com medo de ser visto e entra pela porta dos fundos.

Modalidades[editar]

Como algo que tem infinitas modalidades pode ser chamado de monótono? Frescura generalizada? Histeria coletiva?

    • Mulher por cima: Dizem que é assim que se nasce um menino, ou então indica que a mulher está estuprando o cara. Depende muito das circunstâncias.
    • Homem por cima: Aí nasce uma menina ou então o cara (geralmente com cara tão feia que só uma mãe pode amar) está estuprando uma universitária qualquer. Depende muito das circunstâncias.
    • Alienígena por cima: Comum em casos ufológicos. Como geralmente os aliens estupram as pessoas, eles que ficam por cima.

Ver também[editar]