Papelaria

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa
Esse tipo de papel não se encontra numa papelaria.

Cquote1.png Tem papel para bola um fumo? Cquote2.png
Maconheiro sobre papelaria.
Cquote1.png Por que tem caneta e apontador aqui? Cquote2.png
Qualquer um sobre papelaria.

Papelaria é um lugar onde vende-se papeis, canetas e outros utensílios para escritórios, tendo ou não intenção de conforta sua vida. Lá se encontram diversos tipos de papeis coloridos: azul, vermelho, preto, rosa... um verdadeiro arco-iris, o que só tem sentido para um pedagogo infantil, já que as crianças adoram esse tipo de papel.

Outro fator que leva uma pessoa a frequentar esse tipo de lugar seria o fato de você encontrar vários tipo de caneta esferográfica, vai desde a pena, até aquelas banhada a ouro, os figurões do mundo dos negócios adora esse tipo de negócio, principalmente quando eles estão em uma reunião para assinar sua demissão, demitir um funcionário assinando com uma caneta de ouro, é pura ostentação para eles.

Sua origem[editar]

O criador da papelaria.

Como todo o mundo sabe, o papel vem da celulose, matéria-prima essa que é retirada da arvore. Portanto se você queria escrever em um papel, você teria que ir na mata mais próxima a sua casa e derrubar uma arvore e produzir seu papel, para assim você poder escrever o que tanto almejava.

Poetas, escritores, cientistas, ativistas, professores são tipos de pessoas que necessitam de papel, pois logo que tem alguma ideia, eles necessitam de escrever para que assim não se percam com o tempo. Porém eles em fretaram um grande dilema, que na época ficou conhecido como ALAGE - amnésia logo apos um grande esforço, que era quando uma pessoa tinha uma grande ideia e necessitava escrever em um papel, então ia para a mata mais próxima, derrubava uma árvore, realizava o longo processo de extração da celulose e depois o grande processo de fabricação do papel.

Quando o papel estava pronto, a ideia tinha sumido de sua mente, e lá se ia a grande chance de salvar o mundo. E quando a ideia não fugia da mente, ele se encontrava em outro grande dilema, não tinha caneta.

Observando isso um Lenhador, (Uma figura lendária, que gosta de derrubar pal) viu que as pessoas sofriam por não conseguir produzir papel e escrever suas ditas ideias de dominação do mundo, e quando conseguia produzir o papel e estavam com suas ideias fresquinha em sua mente, não conseguiam transfigura-la, por falta de uma caneta. Então ele pensou:

Cquote1.png Bom eu sou um vagabundo, gosto de derrubar pal, não tenho nada para escrever, posso derrubar vários paus e estoca-los, assim quando esses pobres homens vinhem atras de papel já estará prontinho. E suas ideias não irá embora. E posso ir além disso, junto com o papel posso oferecer uma caneta, para assim eles escreverem. Cquote2.png
Pensamento de um lenhador, antes de revolucionar o mundo com uma ideia simplória.

E assim esse pobre lenhador que não se tem registro dele em nem um lugar montou a primeira papelaria, ela ficava na entrada da mata mais frequentada da época, quando as primeiras pessoas viram o tal empreendimento ficaram surpresa, como que ninguém tinha pensando nisso antes? Se perguntaram, mas ficaram super felizes por poderem comprar um papel prontinho. Assim suas ideias não sumiam mais.

Dias atuais[editar]

As papelaria de hoje em dia nada se parecem com as de antigamente, do tempo do pobre lenhador, digamos que elas fugiram do papel, quando eu digo papel falo no sentido literário mesmo, hoje em dia encontra-se de tudo em um lugar desses, vai desde brinquedo, velas, incessos, roupas e mantimentos. Tudo isso deu-se devido a crise que em fretamos hoje.