Paranavaí

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa
Galinhacaipira.jpg Enxada-2.pngEsti artigu é caipira, sô!!Enxada-1.png

Este tar di artigu pareci caipira, foi escritu purum caipira, ô ele é de fato
CAIPIIIIRRA!!!

Num istraga eli naum, si não nóis crava a inxada pra riba docê!


Município de [[Imagem:{{{Nome da bandeira}}}.{{{Extensão da bandeira}}}|20px]] Paranavaí

[[Imagem:{{{ImagemBandeira}}}|125px|Bandeira de Paranavaí]] [[Imagem:{{{ImagemBrasão}}}|125 px]]

[[Imagem:|150px]]

LemaNão possui
Estabelecida
Tipo de Governo Dinastia Lorenzo Zetti
País Brasil
Estado Paraná
Prefeito Lorenzo Zetti
Área 170.000x10³ km de pasto
População 100.000 (90% paulistas da região de Presidente Prudente)
Gentílico Pé vermelho.
Hino Não possui, por isso usufrui do mesmo do ACP


Cquote1.png Você quis dizer Rio Ivaí Cquote2.png
Wikipedia, sobre Paranavaí

Cquote1.png Cracolândia Cquote2.png
Jornal da Globo, sobre Paranavaí

Paranavaí é um faroeste fundado no século passado. Atualmente possui uma população batendo na casa dos 100 mil habitantes (90% paulistas da região de Presidente Prudente e outros 10% sabe-se lá de onde).

História[editar]

Após verem a notícia de uma pequena cidade no interior do Paraná no Fantástico, conhecida como cracolândia, ETs a procuravam para o uso livre de crack, e ao avistar dezenas de pontos de crack logo disseram, PÁRA A NAVE AÍ!!!, ai desceram e viraram amigos do povo e contaram a história de como chegaram aqui, enquando fumava algumas pedrinhas. Ao longo do dia foram umas 324959 pedras, gostaram tanto da historia e assim foi batizada a cidade de (para a nave aí) Paranavaí. Por ser inicialmente fundada como ponto de encontro de extraterrestres fumadores de crack, que se locomoviam por vias aéreas, nunca foi dada muita importância às condições das vias terrestres na cidade. Assim, como uma tentativa de controlar a quantidade imensa de acidentes que ocorriam na cidade, foram iniciadas as escavações para aumentar o número de buracos e quebra -molas invertidos, além de retirarem as pinturas do quebra-molas elevados, bem como as placas de sinalização, de forma que as pessoas pudessem atingir uma velocidade máxima de uma lesma morta / múmia paralítica / 30km/h, garantindo assim a segurança dos usuários de crack / das vias terrestres.

População[editar]

Estima-se que possua mais de 100 mil habitantes, pois Paranavaí foi o único local que o IBGE não conseguiu completar o recenseamento, pois há muitos foragidos no vilarejo, podendo a população passar dos 100 mil.

Dicionário Paranavaiense[editar]

  1. Paranavaiense ao atender o telefone não diz 'alô', diz 'quem' ou 'pronto'????
  2. Paranavaiense não senta no vaso sanitário, senta na patente.
  3. Paranavaiense não pega ônibus, pega 'circular'.
  4. Paranavaiense não fica atarefado, fica apurado.
  5. Paranavaiense não Cospe no chão, ele Gospe.
  6. Paranavaiense não pisa na pôça d'água, ele pisa na póça.
  7. Paranavaiense não usa short, ele usa chórtis.
  8. Paranavaiense não "anda à pé", ele anda "de à pé" ou vai "de pé 2"
  9. Paranavaiense tem o costume de começar uma frase com: "Viu".
  10. Paranavaiense quando se surpreende diz "Acha".
  11. Paranavaiense não vende terreno, vende data.
  12. Paranavaiense não constrói duplex, constrói sobrado.
  13. Paranavaiense não constrói área de serviço, constrói edícula.
  14. Paranavaiense Não faz contorno, vai no "redondo".
  15. Paranavaiense Não tem semáforo, tem sinaleiro.
  16. Paranavaiense Não conhece a lombada conhece o "Quebra-mola".
  17. Paranavaiense Não conhece radar conhece o "Pardal"
  18. Paranavaiense tem inveja do sotaque do William Bonner e da Fátima Bernardes,mas continua falando "carrrne, porrrta,etc."
  19. Em qualquer lugar do Brasil, vira-se à direita ou à esquerda, Paranavaiense quebra às direita ou às esquerda.
  20. Paranavaiense no trânsito, não pode virar à esquerda ou, "às esquerda".
  21. Paranavaiense não rouba, ele "moca"
  22. Todo Paranavaiense sabe onde é a praça dos pioneiros.
  23. Paranavaiense só sabe ficar louco pra chegar a época dá ExpoParanavai.
  24. Todo Paranavaiense não sabe usar a seta de seu carro, pois só "as ligam" quando já estão fazendo a curva;

Obs: Os fatos acima foram feitos por substituição, ou seja, pegaram a piada de nordestino e só mudaram para Paranavaí..... mostrando a pouca criatividade de criação original da população de Maringay....

Hino[editar]

A cidade não tem um hino, por isso usufrui do hino do ACP:

Comeste essa purpurina vermelha?;
E relaxar na distração;
Que vem do seu passado comunista;
De sangue, suor e gozação;
Vem sentar em cima do meu pentelho;
Bate forte, ate da tesão;
Que vai gozando;
Bem feito, bem feito;
Transando como um campeão;

Oh viadinho, vim so pra te ver;
oh viadinho, gosto de você;
Por onde vais, você toca Punheta;
pra nossa Paranavaí;

Sangue, sangue;
Pra gemer, gemer;
Sempra, sempre;
Viadinho eu de ser;
A sua bosta, ira começar a feder;
Sempre, sempre;
Viva ate eu morrer!;

OBS: Esta versão do hino foi feita por um maringayense, proveniente de Maringay, após um paranavaiense dar um fora nele, e uma boa surra.

Ídolos[editar]

- Vanderlei (campeão paranaense pelo ACP sem perder nenhum jogo para equipes de Curitiba, foi o autor de todos os gols do time no campeonato)

- Miranda (jogador do Atlético de Madri - mas não chega nem perto do nível de hidrolatria de Vanderlei, o mito)

- Wendel Carvalho (jogador do Tambogay Rolabol Club - tem sua alcunha em cãimbra-man por conta de sua face zoada)

- Lucas Ruy (reserva do Tambogay Rolabol Club - Vulgo flor de lís)