Paul Gascoigne

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa
Chapado.jpg Paul Gascoigne dá um tapa na pantera!

E é aprovado pelo Tio Bob!

Clique aqui se você quiser dar um tapa também.

Caninha2.JPG Cquote1.png Ê-iê-iê-iê... Cquote2.png

Este artigo tem cheiro de porre! O autor está caído na calçada, gorfando álcool puro. Melhore este artigo e ganhará 6 litros de uísque, mas se vandalizar, será obrigado a tomar uma garrafa de pinherense!

NovoWikisplode.gif
Para os neo-ateus que preferem acreditar em mentiras, os supostos experts da Wikipédia têm um artigo sobre: Paul Gascoigne.
Paul Gascoigne
Gazza-crying.jpg
Gazza envergonha a Inglaterra ao mostrar emoção em público
Apelidos Gazza, Maradona Inglês, G8
Nascimento 27 de maio de 1967
Dunston, Gateshead
Nacionalidade Bandeira da Inglaterra Inglaterra
Altura É bem alto
Peso 50kg depois de vomitar
Posição Meio de campo, mas gostava de mesmo era de beck
Direito
Clubes Vários
Estilo de Jogo Sair driblando todo mundo até não poder mais
Gols Quando não estava tão bêbado marcava
Prêmios Jogador mais cachaceiro do século XX
Influências George Best
Vícios Beber, cair e não levantar


Cquote1.png Sabe a camisa 10 que ele usa? Eu achava que era por causa da posição, mas na verdade é o número do seu QI Cquote2.png
George Best sobre Paul Gascoigne
Cquote1.png Quebrei a cara dele numa briga! Cquote2.png
Liam Gallagher mentindo sobre Paul Gascoigne
Cquote1.png Olhem para ele, é um tolo gordo, bêbado e sem escrupúlos Cquote2.png
Jornalistas ingleses sobre Paul Gascoigne
Cquote1.png Nossas apologias pela má imagem que tentamos criar de um gênio do futebol Cquote2.png
Os mesmos jornalistas, após Gascoigne ter salvado a Seleção Inglesa de uma derrota e tê-los processado
Cquote1.png Chora não bebê! Cquote2.png
Pablo do Arrocha sobre choro do Paul Gascoigne na Copa de 90
Cquote1.png Preparem uma chupeta para ele Cquote2.png
As palavras que Gary Lineker disse ao banco inglês após o incidente. Ainda não se sabe qual o sentido de "chupeta" foi empregado na frase

Paul Gascoigne é um ex-jogador de futebol britânico. É o cachaceiro e analfabeto preferido dos ingleses.

Primeiros Anos[editar]

Gazza nasceu em Newcastle, sendo o segundo dos quatro filhos de John Gascoigne (um carregador de tijolos) e sua esposa Carol. Desde muito cedo mostrou ter talento para o futebol. Após ter sido rejeitado pelos caipiras do Ipswich Town e pelos operários do Middlesbourgh só restou a ele jogar pelo time de sua cidade natal, o Newcastle United.

Carreira Futebolística[editar]

Newcastle United[editar]

Gazza sempre foi um individuo bem dissimulado

Após algumas boas atuações Gazza provocou euforia na imprensa e nos torcedores do time. Os jornalistas lhe deram o apelido de "Maradona Inglês", no bom sentido. Embora não exista nada de bom em ser comparado a Maradona, a não ser que você seja um aspirador de pó. Em 1987 Vinnie Jones denunciou Gazza por assédio sexual após ele ter colocado a mão de Jones em sua manjuba.

Foi durante seu tempo pelo clube que ele foi considerado o Deus dos "Geordies", uma tribo de camponeses de Newcastle famosos por nunca pronunciarem as vogais direito e viverem em abrigos públicos. Ele manteve seu status mesmo após ter saído do clube por muitos anos embora o Rei dos Geordies tentou auto-declarar se como o novo Deus no fim dos anos 90, mas ele foi rejeitado pelos rabugentos anciões Geordies e acabou deixando a cidade de mau humor.

Após muito tempo Gazza foi finalmente usurpado de sua posição de Deus dos Geordies pelo filho de um metalúrgico de Gosforth

Tottenham Hotspur[editar]

Em 1988 Gazza foi para o Tottenham, o que fez um velho bastardo rabujento ficar reclamando de que o jogador deveria ter ido pro Manchester Red Sox Ltd.

Os torcedores do time fizeram bastante pressão para que Gascoigne aprendesse a falar em cockney, língua oficial da região. Embora isso obviamente iria falhar pois qualquer um sabia que ele era capaz apenas de divagar incoerentemente, mesmo em sua língua materna.

No ano de 1990 Gazza foi convocado pela Seleção para participar da Copa do Mundo, onde ele só não fez nada notável como também destruiu o único estereótipo decente que os ingleses já tiveram (o de durões soberbos) ao chorar como uma garotinha.

A maioria da população inglesa reagiu com desprezo a sua patética auto-exposição sentimental, mas alguns cretinos com um parafuso a menos acabaram levando aquela choradeira toda a sério. Gazza aproveitou-se para ganhar dinheiro com essa nova fã-base de idiotas emocionalmente instáveis lançando uma canção sobre sua terra natal.

Kung Fu[editar]

Em 1991, Gascoigne largou o futebol para se dedicar ao Kung-Fu, onde ele foi humilhantemente derrotado em sua primeira luta na famosa Batalha do Wemberlee por Gary Charles.

Retorno ao Futebol[editar]

Itália[editar]

Gazza teve que trabalhar no seu físico para se adaptar ao futebol italiano

Após recuperar das lesões e humilhações de sua fracassada carreira como lutador de kung-fu Gazza voltou ao mundo do futebol jogando num clube italiano cujo nome eu esqueci, embora ninguém se importasse pois o futebol italiano é chato pra caralho.

Fitba[editar]

Gazza em sua experiência como árbitro de fitba

Gazza mudou-se da Itália para a Escócia para jogar "fitba", uma variação da futebol inglês 100 vezes mais entendiante. Lá ele fez muito sucesso jogando pelo Orange Glasgow Bigots Fitba Club, embora não tenha ganhado muito dinheiro pois fitba é um esporte de merda que ninguém liga além dos escoceses que estão bêbados demais de Johnnie Walker para perceber o quão ruins são as partidas. Ele tentou ganhar algum dinheirinho extra voltando a cantar sob o pseudônimo de "O Alegre Flautista Sectário", mas não conseguiu fazer sucesso com os católicos locais. Ele então virou árbitro, mas essa carreira também não teve muito êxito.

Controvérsia[editar]

Durante sua estadia na Escócia ele jogou futebol esporadicamente mas arruinou completamente sua reputação ao encorajar seus companheiros de equipe a participarem de práticas duvidosas de esportes aquáticos em pleno campo de futebol. Esse deprimente episódio selou definitivamente o fim de sua carreira na Seleção, mas ele ainda iria derramar mais lágrimas de crocodilo pelo seu país após ter sido deixado de fora da delegação da Copa de 98.

Middlesbrough[editar]

Gazza e seus companheiros em uma exposição deplorável

A essa altura Gazza já tinha se tornado um bebum inconsequente, então o único lugar onde ele se encaixaria era junto a um bando de outros alcoólatras idiotas em Middlesbrough que eram donos de um um clube homônimo. Foi lá que Gascoigne passou os melhores anos de sua vida, perdendo todo seu dinheiro com bebidas e apostas e batendo na esposa e filhos por diversão.

Fim de carreira[editar]

Gazza iria humilhar a si mesmo ainda mais no fim de sua carreira, quando jogou em clubes horríveis (horrível é eufemismo nesse caso) como Gansu Tianma da China (que se você pesquisar no Google Imagens curiosamente só aparecem fotos do ex-jogador inglês, mesmo sem ter nada a ver com o clube), Tá Pegando Fogo Bixo FC e Cheating Boston Scum FC.

Como técnico[editar]

Gazza tentou ser técnico de futebol ao assumir o posto no Kettering Tyres FC, mas foi demitido um mês depois de chegar aos treinos mais bêbado que os jogadores.

Outros projetos[editar]

Gazza tem tentado manter-se nos holofotes realizando uma série de projetos inovadores, como atacar motoristas de táxi e tentar dar calote nos mesmos após uma corrida de 400 euros, dirigir bêbado, dar entrevistas chapado, envolver-se em brigas de bar, entrar e sair de clínicas de reabilitação e tentar fazer amizade com criminosos oferecendo como presentes coisas que encontrou na caravana em que vivia (entre os presentes incluíam-se uma jaqueta, uma galinha, batatas, varas de pesca e, claro, uma lata de cerveja), atacando lojas de kebab em aldeias de Yorkshire e acusando de plágio o nome da cúpula do G8.

Bandeira da Inglaterra.png
Bandeira da Inglaterra.png

Goleiros: BanksShiltonSpringettStepneyBonettiSeamanHartPickford
Defensores: MooreJack CharltonStilesCohenWilsonArmfieldWalkerAdamsButcherGary NevilleCampbellFerdinandTerrySouthgateAshley Cole
Meio-campistas: Bobby CharltonBeckhamPetersBilly WrightEdwardsGascoigneBarnesRobsonBeardsleyWilkinsSansomPlattInceWaddleHoddleLampardGerrardMcManamanScholesHendersonLingard
Atacantes: MatthewsHurstHuntGreavesMannionFinneyLofthouseKeeganLinekerDixie DeanBastinBuchanIan WrightShearerOwenRooneyKaneSterlingRashford