Paul Walker

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa
Sonic Maneiro.jpg Este artigo é sobre alguém que se dedica e corre pra caralho!

Tome cuidado para ele(a) não te atropelar!

Death99.png
Paul Walker já morreu!

Não era pintinho, mas largou a casca!

Clique aqui pra ver quem te espera no inferno


Paul William Walker IV
Paul William Walker IV
Nascimento 12 de setembro de 1973
Bandeira dos Estados Unidos Estados Unidos Califórnia, Glendale
Ocupação Era ator, agora é um zumbi
Signo Mortos não tem signo
Cabelo Loiro

Cquote1.png Ele era um grande corredor... Cquote2.png
Dick Vigarista sobre Paul Walker.
Cquote1.png Vai em paz coleguinha... Cquote2.png
Vin Diesel sobre Paul Walker.
Cquote1.png E aí cara? Como você veio parar no Céu? Cquote2.png
Ayrton Senna para Paul Walker.
Cquote1.png Quis que ele viesse para o Céu para que me desse umas aulinhas de corrida. Cquote2.png
Deus sobre Paul Walker.

Paul Walker foi um ator norte-americano famoso por sua atuação na série de filmes Velozes e Furiosos. Ele nunca poderia imaginar que o estilo de vida presente no título da série poderia levá-lo a se esborrachar em uma árvore e depois pegar fogo acidentalmente e finalmente morrer. Sua morte comoveu muito á mãe dele.

Antes da fama[editar]

Descitacoeslogo2.png
O Descitações possui citações de/sobre Paul Walker.

Paul sempre usou e abusou de sua "beleza estonteante" para atuar como modelo nos subúrbios de Miami, apesar de que ele não soubesse ao menos fazer pose quando estivesse de frente para porra da câmera, mas... enfim, desabafos pessoais á parte Paul Walker sempre foi um grande andarilho (sem trocadilhos) pelas ruas de Miami; enquanto procurava novas oportunidades para atuar como ator e mostrar seu corpo forte e sarado (só que não) para as gurias do bairro. Com essa exposição exagerada do corpo Paul atraiu a atenção de diretores profissionais, amadores e semi-amadores de cinema para que ele fizesse parte do elenco de um filme de pornografia gay ação.

Paul de início não se importou muito com esse convite para se enviadar atuar em filmes fotogênicos e cinematográficos porque sonhava em ser uma nova Gisele Bündchen na sua carreira como modelo, só que ele engordou vinte quilos por uso de anabolizantes e foi dispensado da agência de viados modelos. Paul tinha um pouco mais de vinte anos quando foi chamado para estrelar seu primeiro pornô , mas o papél como protagonista só iria vim uns 51761132772717 anos depois.

Consagração[editar]

Cquote1.png Hoje eu te atropelo, féla de uma mula! Cquote2.png

Quando Paul representou o personagem "Brian" no filme Velozes e Furiosos o mundo mostrou um lado que Paul nunca tinha visto antes e nunca voltou a ver. Rapidamente ele se tornou namorado amigaço do careca Vin Diesel e a série de filmes passou a ser uma espécie de marca registrada de Paul Walker; ele só não participou do terceiro filme porque estava ocupado em casa plantando maconha. Tudo ia muito bem, tudo ia muito bom quando Paul Walker decidiu dar umas voltinhas com um miguxo.

A morte[editar]

Em uma bela tarde/noite de 2013 Paul estava andando de carroça com um amigo do peito quando este amigo pisou fundo no acelerador para ver se aquele carro era igual ao do De Volta Para O Futuro e alçava voo por meios surreais. Bem... não foi isso o que aconteceu: o carro onde estava Paul bateu em um hidrante, um caminhão pipa, uma avestruz, um canário, uma bosta de cavalo, no meio-fio e finalmente em uma árvore explodindo logo em seguida e fazendo churrasquinho de Paul Walker e de seu miguxo. Ao contrário da opinião popular Paul não estava em nenhum racha na ocasião de sua morte, ele só morreu porque não teve paciência. Como o azarado acabou morrendo de filmar o filme todo, os produtores de Velozes e Furiosos 7 tiveram que rodar a baiana para poderem finalizar a produção e ganhar dinheiro, já que ninguém se importa com a morte morrida de Walker. Uma homenagem bem gay emocionante foi posta no filme para preservar a memória do ator.

Legado[editar]

Por sua participação ímpar em Velozes e Furiosos Paul tinha muito apoio da comunidade LGBT e de rachadores anônimos noturnos, deixando um legado de que se for correr tente ficar vivo depois.

Obras[editar]

Em filmes[editar]

  • Monstro no Armário (1986)
  • Programado para Matar (1987)
  • Tammy E O T-Rex (1994)
  • Conheça os Deedles (1994)
  • Vila do Prazer (1998)
  • Blues de Varsity (1999)
  • Ela É Tudo Isso (1999)
  • Palácio Arruínado (1999)
  • As Caveiras (2000)
  • Velozes e Furiosos (2001)
  • Joy Cavalga (2001)
  • A Vida Faz Sentido Quando Você É Famoso (2002)
  • Carregado com Turbo Prelúdio (2003)
  • +Velozes +Furiosos (2003)
  • Linha do Tempo (2003)
  • Noel Rosa (2004)
  • Dentro do Azul (2005)
  • Os Oito Abaixo (2006)
  • Correndo Assustado (2006)
  • Bandeiras de Nossos Pais (2006)
  • A Vida E Morte de Bobby Z (2007)
  • Histórias EUA (2007)
  • O Projeto Lazáro (2008)
  • Velozes e Furiosos 4 (2009)
  • Tomadores (2010)
  • Velozes e Furiosos 5 (2011)
  • Veículo 19 (2013)
  • Velozes E Furiosos (2013)
  • Crónicas da Loja de Penhores (2013)
  • Horas (2013) Pós-morte
  • Mansões de Tijolos (2014) Pós-morte
  • Velozes E Furiosos 7 (2015) Pós-morte