Pay to win

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa

Pay to win é o nome de uma prática de extorsão de nerds que existe no mundo dos games que consiste em tornar um jogo o máximo viciante possível ao mesmo tempo que o torna o máximo impossível de zerar, forçando todo o tipo de otário a gastar dinheiro infinito para continuar se sustentando nessa porcaria. Basicamente "jogos" para celular, são uma forma de "jogo" que não pode ser chamado de jogo, porque a definição mais plausível é chamar esses aplicativos de "golpe". Tais "jogos" são conhecidos por reduzir sua sanidade, QI e humanidade a números negativos, sugando até sua alma ao fazê-lo que você os pague repetidas vezes por coisinhas que simplesmente já deveriam estar ali, itens, energia, moedas e porcarias em que você não receberá absolutamente nada fisicamente recompensador além da satisfação psicológica em saber que há alguns kilobytes adicionais em seu celular.

Origem[editar]

Por muitos anos a indústria dos games consistia em pessoas fazendo produtos de videogames para vendê-los e lucrar graças à sua capacidade criativa. Ficava mais rico aquele que criasse o melhor jogo, pois venderia mais. Então para vender mais os desenvolvedores se esforçavam em criar jogos da melhor qualidade possível. Sejam excelentes enredos, personagens carismáticos ou jogabilidade fluída. O resultado natural disso foi o surgimento de clássicos como The Legend of Zelda: Ocarina of Time, Final Fantasy VII, God of War III e Sexy Beach.

Mas então vieram os smartphones e a internet e com a combinação desses dois itens a possibilidade de ganhar dinheiro infinito sem precisar de qualidade. Surgia o pay-to-win. Agora todo qualquer esmero na criação da progressão de um jogo, a preocupação com a recompensa adquirida pelos jogadores, o esmero com a história, tudo isso agora é irrelevante. Com o pay-to-win basta fazer jogos impossíveis e viciantes e cobrar dinheiro indefinidamente.

Tipos[editar]

Um exemplo extremo desse câncer.

Jogos pay-to-win são famosos por seus métodos de fraude "criativos", mas todos com apenas um objetivo: Destruir a sua sanidade e humanidade a ponto de te deixar trancado em um hospício para sugar até o último centavo da sua alma.

  • Moedas premium - Teoricamente é um inocente joguinho grátis, teoricamente você pode passar todas fases e jogá-lo eternamente de graça, teoricamente você pode completar sua coleção de bonequinhos ou waifus, teoricamente você pode ter todos os cards apenas jogando... mas lá no cantinho, bem chamativo, está aquela moeda grande, bonita e valiosa, aquela moeda que pode comprar praticamente todas as besteiras contidas no jogo, sabe aquela roupinha que você tanto quer? Você pode jogar 345 horas para comprá-la com o dinheiro do jogo, ou pode pagar 7 reais para adquiri-la na hora com moedas especiais, e se for um item que você realmente precisa para progredir no jogo com mais conforto, além das moedas premium será necessário muita loteria para adquiri-los, sorteios que te farão em 99% dos casos adquirir apenas o que você não queria. Talvez algumas dessas moedas preciosas lhe sejam dadas de graça, mas são tão poucas que chegam ao reino dos centavos.
  • Jogabilidade impossível - Há um desafio literalmente impossível que só pode ser ultrapassado por ninjas coreanos tetudos, mas para pessoas normais aquilo é impossível, a menos que você pague. Então o jogador precisa optar entre treinar 3 meses ou pagar e passar a fase em 2 segundos.
  • Remoção de recompensas - Suas recompensas, itens adquiridos e progresso não serão salvos até que você complete o nível. Isso significa que você recebe as recompensas após derrotar um inimigo final, mas quando você perde ou sai da área você recebe absolutamente nada. Nesse tipo de pay-to-win inclui-se também a restrição de reentrada de onde saiu sem as recompensas, que pode levar de 30 minutos a 4 horas para recuperá-los, o que remove sua humanidade por completo. E como quase todos os inimigos têm a capacidade de derrotá-lo desde o início, não há como suas recompensas não serem removidas e sua sanidade mental junto com essa frustração, ou você pode optar por remover apenas 1 real da sua vida. Então, como você fracassa, você paga. É altamente recomendável que você limpe sua sanidade, pois ela pode ser revivida, enquanto o seu 1 real não pode, não há reembolsos. Isso sem mencionar as vezes que o jogo trava por absolutamente nenhuma razão ou te teleporta para uma tela estranha quando você pensa que finalmente vai concluir o level sem morrer e sem precisar pagar dinheiro de verdade, e quando isso acontece o jogo reverte seu QI para negativo.
  • Restrições de Entrada - Ocorre quando o jogo o proíbe de entrar em um nível ou atividade quando a sua barra de "Stamina" ou "Pontos de Vida" ou qualquer outra desculpa está vazia. Normalmente, você terá que esperar pelo menos de 30 a 100 minutos esperando recuperar a tal barra. Mas sempre há aquela maneira de encher essa barra em um instante, e é... bem, você sabe o que: PAGUE SEU DINHEIRO E SANIDADE PARA NÓS!!
  • Outras desculpas menores - Incluem "Vara de pescar quebrada", "criatura furiosa", "Cavalo doente" ou qualquer outra forma de desculpa que eles pensem que possa te fazer gastar dinheiro igual um otário. Essas desculpas são tão vagas quanto a razão pela qual as pessoas compram esses jogos.
  • O caso mais extremo - Pague para ganhar em vez de aproveitar o progresso do jogo. Que pessoa sã faria isso?