Perfect Blue

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa
Perfect Blue
パーフェクトブルー
PerfectBlue.jpg
sinistramente psicodelicamente estranho
Gênero DORGAS
Mangá
Autor Yoshikazu Takeuchi
Divulgação Internet
Onde sai Japão
Primeira publicação Não sei
N° de volumes 1 livro
Anime
Dirigido por Satoshi Kon
Estúdio Madhouse
Onde passa Passou no cinema
Primeira exibição 1997
N° de episódios 0
Filmes 1
OVAs O DVD do filme conta?

Cquote1.png Eu aconselho Cquote2.png
Freud sobre Perfect Blue

Perfect Blue é um filme animado do gênero drama erótico, escrito por Shixi no Muro e dirijido por Alfred Hitchcock em conjunto com Pink Floyd, é inspirado na história de Mary Poppins, sendo uma versão politicamente incorreta e imprópria para menores desta.

O anime é considerado um clássico da animação japonesa, tem tudo que japonês gosta, personagens frios, esquizofrênicos, pirados, paranóicos e depressivos por todo lado misturado com música pop e um enredo desconexo pseudo-intelectual.

Dizem que Perfect Blue é um anime recomendado para o público adulto, mas pesquisas feitas pelo IBGE mostram que o público alvo de Perfect Blue não são adultos, mas sim psicóticos e/ou drogados (que em sua maioria são adultos mesmo), a história é baseada na mente insana de uma artista pop japonesa.

Coisa de Louco[editar]

Spoiler5.JPG
Atenção! O texto abaixo pode conter (ou não) um ou mais spoilers.
Ou seja, além de deixar o artigo com mais pressão aerodinâmica nas retas e mais estável nas curvas de alta, ele pode revelar, por exemplo, que o Sephiroth mata a Aeris no FFVII e NÃO TEM COMO REVIVÊ-LA. , ou que era tudo um sonho.
Spoiler3.jpg

Fundador da Me-Mania. Sim, ele não é normal.

Mima Kirigoe, a protagonista de Perfect Blue é a líder de um grupo de música POP japonesa, o CHAM! que foi formado a partir de um Ídolos versão japonesa e como tal, a música é horrível e os fãs do grupo são os mesmo que por exemplo são fãs de Pussycat Dolls, jovens excitados e velhas que escutam qualquer porcaria no rádio e nos programas de domingo do Silvio Santos. Cansada dessa vida deprimente, Mima decide se tornar apresentadora de programa infantil e consegue uma pontinha em programas de quinta categoria no canal 27. Então é chamada para atuar em um filme de drama tedioso japonês e aceita o trabalho.

Mima dissolve o CHAM! (Hi Hi Puffy AmiYumi no futuro) e vai trabalhar como atriz, lógico que ela não sabe atuar nem um pouco, como qualquer outra atriz. Com o tempo Mima vai revelando possuir graves problemas psicológicos, sendo a primeira artista POP a ficar fazendo mancadas e servir de exemplo para Britney Spears.

É então que é criado o site O Quarto de Mima, criado por um grupo de nerds fãs psicopatas tarados que ficam vigiando a moça 24 horas por dia. Mima nunca teve antes um computador, mas rapidamente tomou gosto pela alienação que esse produto causa (tinha como hobby editar a Desciclopédia).

Mima no auge da carreira.

O antagonista da história é um drogado que apanhou muito durante a vida e por isso tem hoje a cara deformada, ele é aquele típico fã alienado cheio de espinhas suado nojento e fundador de fãs clubes e afins de Mima (em especial o Me-Mania, com mais de 1 milhão de adeptos, só perde para Rei Ayanami e Haruhi Suzumiya), o seu objeto de desejo. Esse fã, como não podia se esperar menos, é pirado de carteirinha, ele não só agride quem falar mal da Mima, como também tem sentimentos psicóticos para com sua ídolo e começa a tramar um plano para enlouquecer Mima, fragiliza-la e assim poder se declarar sem ser recusado. Esse maluco porém, gostava de Mima quando ela cantava, Mima atuando em filmes estática e pessimamente começou a deprimir esse doido que iniciou sabotagens das filmagens.

Depois de um tempo Mima, quando está em decadência, decide se tornar atriz pornô, uma velha tática para chamar os holofotes de volta para si. Esse parte do anime é responsável pela tarja indicativa de impróprios para menores, por ser a cena de sexo mais mal-feita dos hentais por aí.

Como toda atriz de sucesso que se preze, Mima virou uma drogada, e alucinações começaram a ficar frequêntes na metade final do filme, e ela começa a confundir seus papéis como atriz e a vida real, começando a atacar atores de vilões e fugindo da própria sombra.

Cena final da luta entre Mima e sua tia gorda pervertidamente disfarçada.

Os fatos psicodélicos não param por aí, Mima descobre que tem uma irmã gêmea malígna que na verdade é uma segunda personalidade e vive no espelho e quer matá-la com um guarda-chuva, e também, a produção do filme aonde Mima está atuando começa a receber cartas com antrax e ela quando está sozinha no chuveiro tem alucinações com sangue pelas paredes.

No clímax final ela luta contra o seu fã número 1 doido que quer cheirá-la forçadamente, ele não tem coordenação motora e demora para dominar Mima, mas quando faz isso se esquece que ela estava com um machado nas mãos e morre. Depois luta contra sua irmã gêmea que está armada de um guarda-chuva (tal qual a Mary Poppins) e é onipresente.

Um dos fãs psicopatas de Mima Kirigoe

A maluquice não para, a irmã gêmea malvada revela ser uma gorda recauchutada e sua tia invejosa, e se suicida sem motivos se jogando na frente de um caminhão da Coca Cola propositalmente, mas ela não morre, e se suicida pela segunda vez se jogando em um pedaço de vidro.

Análise de Perfect Blue do Ponto de Vista da Psicologia[editar]

Coisa de Maluco.

Análise de Perfect Blue do Ponto de Vista Otaku[editar]

Pô meu! Muito loko (mesmo sem entender nada da história).

Personagens[editar]

CHAM! se apresentando no Programa do Gugu.
  • Mima Kirigoe - A protagonista, típica estrela pop mais burra que um poste (vide Luciana Gimenez), é a protagonista da animação Perfect Blue. Ela tem todos os preceitos de estrelas pop japonesas. É louca, não sabe cantar, não sabe atuar, mas mesmo assim todos gostam dela.
  • Mr. Me-Mania - O fã louco psicótico feioso de Mima.
  • Tia Gorda - Ela fica rondando ps bastidores, pegando café, e no final é a grande culpada. É gorda e não tem vergonha de ficar vestindo os vestidinhos decotados da sobrinha e ainda tenta matar ela com um guarda-chuva.
  • Integrante do CHAM! 1 - Ela não sabe cantar, é apenas mais um rostinho bonito na televisão.
  • Integrante do CHAM! 2 - Ela não sabe cantar, é apenas mais um rostinho bonito na televisão.
  • Diretor - Ele morre de forma misteriosa. Cometeu o erro básico de abrir uma carta com os dizeres Você vai morrer..., e assim, a carta explodiu.
  • Ator do Filme - Odeia contracenar com Mima prefere fazer as cenas com uma atriz lá e recomenda a Mima o silêncio em sua atuação.
  • Cara que tem a garganta cortada no elevador - Ele teve a má ideia de ir querer visitar a louca da Mima.
  • Cara da cena do sexo - Ele vai guardar em suas lembranças para sempre...
  • Caminhoneiro da Coca Cola - Ele disse que a gorda maluca se jogou na frente do seu caminhão e que não teve culpa.
  • Hannibal Lector - O último chefão de Perfect Blue.

Curiosidades[editar]

Grupo CHAM!, daqueles grupos que se apresentam em programas de fim-de-semana de televisão aberta.
  • Todos personagens em Perfect Blue sofrem de dupla personalidade psicótica crônica.
  • Na época do terremoto de Kobe, houve a destruição de todo o trabalho em Perfect Blue, e ele teve que ser refeito do zero. Por isso, ao assistir o anime todos ficam com aquela sensação de que está faltando alguma coisa, são as cenas cortadas que foram vítimas da destruição provocada pelo terremoto. De qualquer maneira isso serviu de merchandase do filme, pois os produtores na ficção morrem e os reais também não escaparam. Pessoas gostam dessas coisas amaldiçoadas.
  • Se você é do tipo otaku ouriçado, saiba que Perfect Blue não é classificado como hentai, ele só é desaconselhado para menores por conter conteúdo subversivo de acordo com o governo japonês.
  • Madonna gostou desse filme.
  • Perfect Blue é proibido na China e nos países do Oriente Médio.
v d e h
Este artigo fala sobre um anime.