Periferia

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa
Joao Maozinha - RJ.jpg Esty artygo é dy pobry!

Esty artygo é sobry koyzas dy póbry, peçowas póbrys y o dono
taméyn dévy dy sê un pobretãwn do karáy!

Rioband.jpg Coé, merhmão, eshte arhtchigo eh CARIOCA!

Não vandalize, senão a chapa vai ficarh quentche, cara. Agora deixa eu irh na praia pegarh um bronze nesse sol de 50 graush, comendo unsh bishcoitosh.

Wikisplode.gif
Para aqueles sem senso de humor, os espertalhões da Wikipédia têm um artigo (pouco confiável) sobre: Periferia.

Cquote1.png Experimente também: Sua casa Cquote2.png
Sugestão do Google para Periferia
Cquote1.png Você quis dizer: Favela? Cquote2.png
Google sobre Periferia

Cquote1.png Pêrifiria eh ondi eu moru! Cquote2.png
Você sobre Periferia
Comparação entre a pior periferia da Noruega e a melhor periferia do Brasil

Cquote1.png Na União Soviética, a Periferia mora em VOCÊ!! Cquote2.png
Reversal Russa sobre Periferia
Cquote1.png Eu poderia destruir todas, mas estou com preguiça! Cquote2.png
Chuck Norris sobre Periferia
Cquote1.png Isto Non Ecsiste para los Riccos Cquote2.png
Padre Quevedo sobre Periferia

Periferia de acordo com os Retardados Wikipedianos, é simplesmente um local residencial longe do centro da cidade. Mas nós, os Desciclopedianos, falamos a verdade, periferia é um local onde moram pobres, favelados, mendigos e você. Também é conhecido por suas moradias de arquitetura africana que estão em ótimo estado.

Residências[editar]

As Residências são construídas de acordo com a Arquitetura Africa que chegou ao Brasil, quando Joaquim Barbosa trouxe escravos para o Brasil. São constituídas por uma sala onde fumam drogas, banheiro e laje, possuem 2 andares e não são rebocadas. Elas são feitas de Tijolo de pobre, barro e telha (quando não são usados o Mato para cobrir o teto).

Moradores[editar]

Os moradores são geralmente pessoas da Classe média brasileira (pobres para o resto do mundo). Não possuem carro, boa parte deles são Pretos Negros e Crentes. Não dormem nunca pois tem medo que o morro onde moram deslize, passam boa parte do tempo em seus empregos, os empregos mais comuns são: Pedreiros, Serventes de Pedreiros, Lixeiros, Traficantes, etc.

Infraestrutura[editar]

As ruas não possuem asfalto, as calçadas são feitas de mato, a iluminação é por lanternas ou velas, a eletricidade é transferida por meio de "Gatos", o esgoto se localiza em um buraco no meio da rua, não possui água potável. A infraestrutura é esquecida pelo governo que só investe seu dinheiro em bairros nobres.

Ver também[editar]