Pirapozinho

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa
Pirapozinho Cidade de fofoqueiro
[[Arquivo:{{{imagem}}}|150px]]
Bandeira
Cidade Jóia. Pois se a gente colocar a nossa fé em ação, vai dar tudo certo
Hino Terra de ódio terra de fofoca, infeliz de quem mora aqui...na cidade do pózinho
Local Sabe onde é a PQP... ums 50 km depois é pirapozinho
Idioma Caipireis e Paulisteis
Geografia
Clima Sol com possibilidade de chuva forte a qualquer momento e com possibilidade de neve a noite e de graniso mesmo com sol e todas as coisas ao mesmo tempo
Locais de referência Fejupi (A MAIOR FOGUEIRA DO BRASIL), ALTO RISCO DE CAIR NA SUA CABEÇA! Butecos,Zonas,Feira e Rui barbosa.
Economia Cervejas, refrigerantes, cana de açucar, etanol, supermercados e igrejas evangélicas.
Produtos exportados Drogas, Cana, bebidas, água, prostitutas, politicos mal sucedidos, gays, mais cana e remédios anti depressivos
Política
Governo
Nuvola apps core.png
Regime Maçom
Atual prefeito
Nuvola apps core.png
Belchior
Vice-prefeito
Nuvola apps core.png
Rei Nilson I Príncipe Nilson II
Mídia
Cidadãos ilustres
Crystal Clear action bookmark.svg.png
Tubaina, Clair, dançarina peladona da praça e Lapão ladrão de tablet da polícia
Esporte símbolo Bocha, pião, truco, dominó, futebol, maratonas, homicidios e suicidios
Santo local São Jão.

Cquote1.png Você quis dizer: Bares,lanches e igrejas evagelicas Cquote2.png
Google sobre Pirapozinho
Cquote1.png Você quis dizer: Nada. Cquote2.png
Google sobre Pirapozinho
Cquote1.png Você quis dizer: A cidade da fogueira que cai Cquote2.png
Google sobre Pirapozinho
Cquote1.png Você quis dizer: Cidade Natal do Thiaguinho Exalta Cquote2.png
Google sobre Pirapozinho
Cquote1.png Você quis dizer: Cidade Jóia! Cquote2.png
Google sobre Pirapozinho
Cquote1.png Você quis dizer: A cidade que não é firmeza, mas é jóia Cquote2.png
Google sobre Pirapozinho
Cquote1.png Você quis dizer: Vai dar tudo certo Cquote2.png
Google sobre Pirapozinho
Cquote1.png Cidade da maior fogueira do Brasil!!! Cquote2.png
Conterrâneo sobre sobre Pirapozinho.
Cquote1.png Fica perto de Presidente Prudente!!! Cquote2.png
Conterrâneo sobre Pirapozinho.
Cquote1.png Bem vindo ao inferno. Cquote2.png
Capeta sobre o povoado de Pirapozinho.
Cquote1.png O Que que é isso? Cquote2.png
Qualquer pessoa do mundo sobre Pirapozinho.
Cquote1.png Sua cidade só tem 1 Prédio! Cquote2.png
Moradores de Presidente Prudente sobre Pirapozinho.
Cquote1.png Moro em Pirapozinho mas estudo em Presidente Prudente. Cquote2.png
Universitário sobre Pirapozinho.
Cquote1.png Trabalho na usina Cquote2.png
Todos os trabalhadores da cidade sobre Pirapozinho.
Cquote1.png O ônibus quebra mas é de graça Cquote2.png
Universitários sobre transporte de estudantes.
Cquote1.png Quem perdeu tempo escrevendo isso? Cquote2.png
Você sobre este artigo.
Cquote1.png Pirapozinho? Deixa pra Próxima... Cquote2.png
Tarabaiense sobre Pirapozinho.
Cquote1.png Pirapozinho é uma cidade minuscula com cerca de 30.000 habitantes. Uma ótima opção para finais de semana! não só de lazer como economicamente falando. Pirapozinho com suas grandes empresas geram milhares de empregos por ano. São vários os lugares para ir, desde parque do povo, feira, fejupi, diversas redes de supermercados, fejupi, sorveterias, lanchonetes e vários outros lugares para se divertir!! Cquote2.png
Pirapozense para um forasteiro.
Cquote1.png Eu sou de São Paulo. Cquote2.png
Pirapozense sobre Onde estuda.
Cquote1.png Eu faço UNESP. Cquote2.png
Universitário nascido em Pirapozinho sobre Onde estuda.
Cquote1.png Eu faço TOLEDO. Cquote2.png
Universitário nascido em Pirapozinho sobre Onde estuda.
Cquote1.png Eu faço UNIESP. Cquote2.png
Universitário nascido em Pirapozinho sobre Onde estuda.
Cquote1.png Eu faço UNOESTE. Cquote2.png
Universitário nascido em Pirapozinho que não conseguiu passar na UNESP sobre Onde estuda.
Cquote1.png Esta me serviu unicamente para ver que minha cidade natal não é tão ruim quanto pensei. Cquote2.png
Visitante sobre Pirapozinho.
Cquote1.png Bem vindo a Pirapozinho! A cidade que tudo é pequeno, menos a língua do povo! Cquote2.png
Placa na entrada de Pirapozinho indicando suas riquezas sobre Como é bom morar aqui.

Clima[editar]

Ótimo clima de Pirapozinho

O clima da cidade de Pirapozinho é parecido com o do Inferno; não que já fomos para lá, mas pelo que dizem coincide com a temperatura elevada da cidade, sem esquecer que muitos do moradores fazem o papel do capeta. Todos os trabalhadores que acordam cedo para irem para a usina cocal ou até mesmo para Presidente Prudente para trabalhar, precisam estar munidos de uma super mochila contendo equipamentos de sobrevivência, sendo esses: protetor solar, roupa de banho, casaco para neve, guarda-chuva e um caiaque; tudo isso por conta da variação da temperatura, em que na manhã está sol, e a tarde cai uma tempestade inesperada. Às 10:30 cai um temporal, ou seja, se você não trouxe o guarda-chuva se fodeu. Mas tudo bem, você se abriga dentro de um dos Supermercados Econômico ou Banco do Brasil, afinal eles estão por toda a cidade. Você sai para almoçar a uma da tarde e se depara com um calor desgraçado. Se fudeu de novo se não estiver equipado para o calor. Quatro da tarde volta a chover, só que dessa vez granizo. À noite, percebendo que não tem roupa limpa para o outro dia decide lavá-las. Mas novamente se fode, pois o frio é tão grande que você acaba tendo uma hipotermia lavando suas roupas.

História[editar]

Pergaminho que conta essa história

A história da criação dessa cidade é obscura, pois na versão popular a parte da história que poderia transformar essa cidade em algo útil não é relatada... Todos (ou pelo menos alguns, já que nas escolas não ensinam sobre a história da cidade) falam que tropeiros paravam ali para descansar na beira dos córregos, dar água para os cavalos e tal. E por isso era uma importante rota no estado de São Paulo e blá blá blá. Mas a verdade é que no passado Pirapozinho era a cidade que tinha mais bordeis do Brasil. É uma pena que isso tenha acabado, pois talvez assim essa cidade pelo menos pudesse ser conhecida. Pelo menos daí ia ter um Mc Donalds... e os melhores bordeis do país *-*

Após o término da Segunda Grande Guerra Mundial em meados de 1945, líderes nazistas e fascistas decidiram buscar um local seguro e longe da civilização, para que pudessem se esconder dos Americanos e Aliados, foi aí que optaram por vir ao Brasil, um país neutro, acolhedor de bandidos, corruptos e crápulas desde o império e mais precisamente escolheram uma região longe da civilização e das pessoas, sendo a região do esquecido velho-oeste paulista, mais precisamente um vilarejo sem nome, com um rio denominado peixe pequeno. No dia 09 de Abril de 1949, às margens do Corgo do Peru, Adolf Hitler declarou a independência de Pirapozinho, assim que chegaram as primeiras famílias na cidade, Adolf deixou sua ultima esperança de manter-se longe da civilização, até que decidiu cometer suicídio. Há relatos da época que Josef Mengele, médico e cientista alemão que trabalhou no regime nazista liderado por Hitler, fez suas últimas experiências na cidade, foi ai que surgiram os primeiros seres não identificados pela ciência, que contribuíram para o processo de desenvolvimento e reprodução humana no município, felizmente erradicada durante novas gerações. Segundo os astrofísicos, astrólogos, pais-de-santo e cartomantes, Pirapozinho está localizada em um lugar inacessível para pessoas normais; rodeado pela imensidão do limbo e sendo acessível para as pessoas escolhidas (pagodeiros e caipiras) apenas por um buraco de minhoca.

Localização[editar]

Pirapozinho, uma cidade perdida no interior do Estado de São Paulo. Segundo antigos manuscritos, encontra-se na região do velho-oeste paulista, porém, devido a grande distância daquilo que podemos chamar de civilização, sua localização é inexata. Cientistas afirmam que Pirapozinho é apenas uma dobra tempo-espacial, um portal para algum universo paralelo, semelhante ao triângulo das bermudas, mas em contraposição, temos boatos literários que confirmam a relatividade exatamente oposta ao Restaurante no Fim do Universo (isso quando o ponto relativo é meridiano mais ao sul da ilha perdida de Atlântis). Pirapozinho é famosamente conhecida como a capital infernal do tédio.

Centro da cidade de Pirapozinho

As informações mais verossímeis levantadas pelos geógrafos nativos (professores tiozões de colégios particulares de prêibóy) contam que a cidade fica no único ponto de encontro de quatro diferentes estados Brasileiros, fazendo fronteira ao norte com o Amapá; ao sul com o Rio Grande do Sul; ao leste com o Ceará; enquanto a oeste faz fronteira com o Acre. Só que como Pirapozinho é muito pobre,as pessoas so lembram de Pirapozinho quando vem a unica placa da cidade na rodovia Assis Chateaubriand. Ai lembram...noooossa é aquela cidade que tem a maior fogueira do Brasil, que pode desabar na sua cabeça.

População[editar]

A população de Pirapozinho beira os 30 mil habitantes, mas nunca chega a este número pois o mesmo número de universitários que moram na cidade vão estudar em qualquer outra cidade, fazendo o possível para morarem em outro lugar. A população de Pirapozinho se divide da seguinte maneira: 15% de Gays, 58% de projetos de ladrões (já que a maioria deles fazem pose de bandido, tentam parecer bandidos, acham que porque tem amigos bandidos (ou que pagam de bandidos também) podem brigar com todo mundo mas que sozinhos não discutem nem com uma mosca), 27% de universitários muito felizes, pois estão longe de qualquer controle do papai e da mamãe, então saem fazendo cagadas pela cidade, deixando má fama para aqueles que realmente estudam e são responsáveis, cheios de cinismos e falsidade de 'bons meninos' quando voltam para casa. Importante ressaltar que esses estudantes não se importam muito mesmo, já que não conseguiram passar em coisa melhor, que não fosse psicologia, pedagogia ou história, e por isso, sobra tempo suficiente para reparar em gays, manos briguentos e ladrões.

Morre diabo Pirapozinho

Outro ponto que merece atenção especial é a mentalidade dos jovens residentes nessa vil... cidade. Como já citado acima existem os projetos de bandidos que geralmente se reúnem nas redondezas se exibindo por possuirem incríveis motos como uma CG 125 e passam forçando o motor e empinando no meio dos carros (mesmo sabendo que o retrovisor desses carros valem mais do que a moto) tentando chamar a atenção das mulheres de mano (garotas entre 12 e 17 anos que pode estar nevando na cidade sempre vestem saia curta, blusinha que mal cobre os peitos (obs: a maioria delas não tem peitos) e geralmente nada por baixo e que já rodaram na mão da cidade inteira). Enquanto isso existem os playboys que acham que porque ganhou do papai um Audi A3 (parcelado em milhares de prestações) ou que tem um carro mais barato mas que o papai gastou o triplo do valor do carro em som para ouvirem a música que está na moda (porque eles não tem gosto musical só ouvem o que todo mundo ouve e mudam o estilo a cada ano,por exemplo,em um mes estão ouvindo Luan Santana e no outro estão ouvindo Usher) a cidade inteira acha ele o máximo, e ficam desfilando na avenida central, com o combustível na reserva (o dinheiro foi gasto todo nas prestações e no som do carro) até resolverem se dirigir ao Rrom Grill para sentar pedir 1 garrafa de cerveja dividir em 8 e ir a caça das patricinhas (garotas sem nada na cabeça que ficam com o que chegar primeiro e o pai ainda acha que são virgens, mas que também já rodaram na mão, e em outras partes, da cidade inteira).


Curiosidades[editar]

Em Pirapozinho, quem anda de avião é chique. Quem tem avião é ladrão.

Em Pirapozinho, tudo se concentra na avenida Rui Barbosa.

Em Pirapozinho, todos os motoqueiros e motoboys evitam passar na Av. Tiradentes, por ser uma avenida tão estreita, é impossível cruzar entre os carros, lá os retrovisores se encostam.

Em Pirapozinho, todas as ruas só tem um sentido: o Centro

Em Pirapozinho, a Av. Tiradentes é uma rua estreita onde só passa ônibus saindo da rodoviária.

Em Pirapozinho, todo mundo se considera pecuarista, até o tio do açougue São Rafael.

Em Pirapozinho, os esquentas são em lojas de conveniência de posto.

Em Pirapozinho, o sonho de consumo é uma saveirinho cabine dupla.

Em Pirapozinho, o centro é quase uma 25 de março. Pancadaria pura!

Em Pirapozinho, quem vai pra SP se aloja no tar de Higienópolis.

Em Pirapozinho, o Anglo (também conhecida como a escola mais elitizada da cidade) fica do lado da praça, onde ficam as minas dançando até o chão em dia de feira.

Em Pirapozinho, a elite jovem passa suas noites de fim de semana em alguma "balada", onde 100% das vezes ficam em camarotes, com suas vodkas caras e seus iPhones.

Em Pirapozinho, a febre aftosa aniquila 97% de toda a população anualmente.

Em Pirapozinho, os universitários vão de chapéu, botas e roupa branca para as faculdades.

Em Pirapozinho, não tem japonêis pobre. 99,9% são médicos, formados fora obviamente, e o resto são os donos de metade da cidade.

Em Pirapozinho, estudantes bebem Funada num saquinho plástico e com canudinho.

Em Pirapozinho meninas se pagam de gostosas e biscates mas quando na verdade são tribufus secos e não pegam ninguém.

Em Pirapozinho, você atingiu o ápice de sua vida adulta quando consegue uma vaga de intercâmbio do Rotary pro seu filho passar um ano na Guiné Bissau .

Em Pirapozinho, as baladas não existem. E todos acham norrrmal...

Em Pirapozinho, se você é universitário e não faz Medicina na Unoeste e paga R$4.000 por mês, você não tem curso superior.

Em Pirapozinho, existe a Avenida Bertasso que dá a volta por completo em toda a parte periférica da cidade, como o Rodoanel em São Paulo, e só é utilizada quando tem rodeio.

Em Pirapozinho, existia o posto dos emos, localizado na pracinha da igreja, mas foi abandonado devido ao ataque dos 'manos'.

Em Pirapozinho, o point é o Rrom Grill; onde o bang bang entre caminhoneiros e grileiros rola solto.

Em Pirapozinho, esta localizada a internacionalmente famosa, Academia Vitalle, onde a população Além-Linha mantêm-se em forma. Ou Não.

Em Pirapozinho, não há uma só pessoa que não conheça o Tubaína Vereador. Ou não.

E por último Pirapozinho é conhecida como a cidade do dedo do meio pois possui apenas um prédio oque comprova o apelido.

  • 40 % da população torce para o Corinthians, as apreensões policiais que passam na rede local de tv comprovam isto, sendo 25% são - paulinos, e 21% palmeirenses, 9% de santistas, destes santistas mais da metade foram entrevistados na praça da cidade jogando truco e que tiveram o prazer de ver pele jogar. Os outros 3% e uma porcentagem referida a diversos clubes e 2% não souberam opinar.
  • A cidade possui apenas uma escolinha de futebol, o que reflete o grande comprometimento politico com o esporte no município, o corajoso que esta a frente da escolinha nunca jogou futebol, mesmo assim a paixão que tem pelo esporte o fez com que seguisse adiante.
  • Pirapozinho tem uma incrível (ou não) historia no basquete mundial, tendo sido o único time que conseguiu perder todos os jogos dos regionais, como premio de participação o time levou um pão com mortadela que foi dividido entre os 16 jogadores, a comissão técnica (professô) e o motorista do ônibus.
  • Pirapozinho respira politica, tanto e que em 2012, foram mais de 100 candidatos a vereador, destes menos de 20% com ensino superior, e a grande maioria já são servidores públicos que querem aumentar a boquinha no inicio do mes, e a outra parte desocupados que veem na politica uma forma de subir na vida.
  • Em 2009 a cidade foi conhecida internacionalmente pela midia, uma creche localizada próxima ao cemitério da cidade, contendo muitos escorpiões, isto mesmo meu amigo, a noticia passou em jornal em horário nobre chocando a população brasileira, para acabar com o problema, cientistas da cidade, introduziram varias galinhas no terreno para sanar o problema, as crianças foram deslocadas a uma creche que fica a 500 metros de distancia.
  • Pirapozinho possui importantes jornais, na qual com conteudo 100% intelectual, fotos de amigos dos coluniistas, propagandas de grandes lojas, fotos de casamentos, aniversarios, da high society, sempre os mesmos, assim o municipio caminho para a grande expansao cultural.
  • A cidade possui uma nova biblioteca municipal, inaugurada em meados de 2012, os jovens que nela frequentam estao mais interessados na internet do acessa sao paulo, do que nos livros em que o local dispoe.
  • Pirapozinho possui 2 grandes córregos : Corgo do Peru e Corgo da Onça
  • A cidade esta em uma catastrófica expansão imobiliária, pois trata-se de uma cidade sem emprego, sem faculdades, institutos, sem hospitais,sem prédios, sem esporte, sem tecnologia, totalmente dependente de Presidente Prudente, e que vê nas usinas da região o grande motivo para a extraordinária valorização dos preços dos imoveis.
  • Pirapozinho tem grandes escolas de samba como : Unidos da Vila Maria, Acadêmicos do Corgo do Peru, Unidos dos Pastores Burgueses, Toma-Toma, Mocidade Entristece, Gaviões do Quebra-Dedo, Dragões da Santa Rosa e Mangueira do Marrafão.

Há rumores de que o Doutor Hannibal Lecter, ainda este ano receberá o titulo de cidadão de Pirapozinho.

Trânsito[editar]

Típica imagem do transito de Pirapozinho.

Em Pirapozinho há trânsito, só não existem as leis que o regulamentam. A cidade possui um incrível e moderno sistema anárquico para o trânsito, onde a polícia aplica multas a todo o momento, inclusive se você estiver com sentado dentro de um carro PARADO e sem cinto de segurança. E o racha é liberado, inclusive o esporte que mais é praticado pelos moradores O racha na vila...digo, cidade de Pirapozinho é levado a sério. A juventude pirapozense é influenciada desde a mais tenra idade com jogos, como por exemplo as séries GTA e Need For Speed. br /> Possuir carro em Pirapozinho não é apenas uma necessidade, é também um símbolo importantíssimo de maturidade. Ter um carro em Pirapozinho significa chegar à maturidade (mesmo que você dirija com a cara cheia de Conti Bier e cause um acidente fatal) e não possuí-lo é uma vergonha, fazendo com que muitas pessoas a pé prefiram seguir seu caminho por ruas escuras e isoladas ao invés de avenidas movimentadas e mais seguras. Tradicionalmente, quem for visto a pé em uma avenida herdará o título de "pioio". A origem de tal nome é remota, visto que a sociedade pirapozense (e sua mentalidade) data do século III d.C.

Curiosidades do transito pirapozense

  • A cidade possui uma enorme avenida de auto fluxo que liga o bairro ao centro...so um detalhe,
  • A cidade tem transporte publico de alta tecnologia,sao os ônibus rurais que trafegam pela cidade esbanjando conforto e segurança.Os pontos de parada desses ônibus são um cabo de vassoura cuidadosamente colocado em um formigueiro.
  • Não existem placas de sinalização para ajudar turistas na cidade.Talvez por que em pirapozinho não há turistas nem um lugar pra eles irem.

Se souber de alguma coisa boa de Pirapozinho poste aqui:[editar]

Cquote1.png Isto non ecziste. Cquote2.png
Padre Dirceu sobre as coisas boas de Pirapozinho.

Cquote1.png Se voce encontrar o vereador TUABAINA, quem sabe ele não e de um sorvete de graça.. Cquote2.png
mlk esperto de pirapozinho sobre as coisas boas de Pirapozinho.

Pirapozinho


Os pirapozenses têm grandes possibilidades ao passear em Pirapozinho. Você jovem da classe média/média-alta pode passar em uma das lojas da não tão grande rede monopolizadora de preços de Pirapozinho Econômico, ou no Koike, e comprar uma Smirnoff, ou uma Orloff, ou quem sabe uma Askov se você quiser se foder de uma vez for mais valente. Após esse breve e feliz passeio pelo mercado, você sai com seus outros amigos com o carro do pai de um deles, com destino à Avenida. Você e seus amigos podem beber sua Vodca com Citrus em algum lugar perto do Ecol, e descer a Avenida Rui Barbosa a 5 km/h, como se não houvesse amanhã. Após esse rolê insano, o próximo passo é ir pra balada, e isso não falta em Pirapozinho, quem mora aqui sabe; você pode ir para a Fejupi, ou para o Rodeião. Coincidentemente, ao entrar no recinto, você se depara com as mesmas pessoas que você sempre vê nesses mesmos lugares. Após essa noite intensa, em que você provavelmente não pegou ninguém, você vai com seus amigos comer um lanche no Tip's. Mas é claro, se você teve a oportunidade de descolar uma cabrocha, não faltam para uma noite quente de prazeres.
Se você prefere um passeio mais light, isso não é um problema; você pode ir de carro com seus amigos para o Espetihno Luizão, beber baldes de Bohemia, e ouvir grandes músicas sertanejas de DVDs que eles quase nunca repetem. Você também pode ir para o Rrom Grill e ficar lá na frente sem fazer porra nenhuma conversando, xavecando as meninas de 12~15 anos, ou quem sabe entrar, pedir uma cerveja e dividi-la em 6, e uma porção de hippo wings ou hippo fingers.
Se o seu problema é dinheiro, não é preciso muito para se divertir em Pirapozinho. Você e seus amigos podem comprar algumas latinhas de Brahma, e ficar no Ipiranga, tentando puxar briga com alguém. Iniciada a briga, é só esperar a polícia aparecer com bombas de efeito moral e correr. Os playboys também têm vez nessa belíssima cidade: você, playboy, pode pegar o Audi A3 do papai, ou o i30 que ganhou de natal, chamar os amiguinhos, colocar um som de duvidoso gosto musical elétro, funk carioca ou um sertanejo bem alto e passar na frente da Sorveteria Castelo. Mais tarde, o futuro político playboy pode pegar um dos 13 Gold Label que o pai deixa de enfeite na sala-de-estar, comprar o energético mais caro do posto e beber antes de entrar na "balada"; e podem entrar diretamente na área VIP, com open de Smirnoff. Se quiser gastar um pouco mais, você pode ir no João Julião, só que se não tiver dinheiro para pagar tudo, os donos e funcionários podem pedir até sua alma como forma de pagamento já que uma simples porção custa a pequena bagatela de 500 reais (sem dolly). Se estiver afim de um paxxxtel, pode ir no Pastel do Germânico Alemão. Enfim, meus caros, Pirapozinho é uma cidade com pouquíssimas N opções para seu deleite.
  • Pirapozinho tem um centro cultural que só abre uma vez no ano para palestras motivacionais a favor do uso do crack.
  • Os vereadores acreditam que as ruas de paralelepípedo são patrimônios históricos e culturais da cidade.
  • O Bairro do Panô é um dos mais violentos e perigosos da cidade, mas mesmo assim conta com um salão para festas de aniversario de crianças da elite pirapozense.

Curiosidades sobre os habitantes de Pirapozinho[editar]

Todos os habitantes de Pirapozinho trabalham na cocal.
Todos os habitantes de Pirapozinho são pecuaristas.
Todos os habitantes de Pirapozinho gostam de fofocar conversar.
Todos os habitantes de Pirapozinho gostam de sertanejo.
Todos os habitantes de Pirapozinho zoam amam Tarabai, bairro cidade do lado.
Todos habitantes que aparecem no jornal ou feijoada de um certo vereador são os mais almofadinhas e coxinhas da cidade.
Todos os usuários de drogas de pirapozinho, utilizam o parque do povo, praça 09 de abril e pista de skate (FUMÓDRAMO).
Todos os habitantes de Pirapozinho que usam o Transporte Escolar estão esperando o Ar Condicionado e o WIFI dos ônibus.
Todos os habitantes de Pirapozinho se orgulham de estudar na UNOESTE. Quem não faz faculdade na UNOESTE não faz faculdade.
Todos os habitantes de Pirapozinho se conhecem e se odeiam.
Os descendentes da elite pirapozense estudam no colégio Anglo e Objetivo em maioria. A maioria do proletariado está concentrado nas escolas Maria José, Lúcia e Olga, há apenas alguns ricos nestas por conta das cotas.
A juventude pirapozense é conhecida por sua grande incompetência competência intelectual e está sempre mudando a cidade para pior melhor com suas grandes festas sertanejas e "leve e bebe" (termo cunhado por jovens pirapozenses, seu real sentido é um enigma).
Os Jovens de Pirapozinho acham que ir até a Praça da Igreja, significa Dia de Maldade.

Um jovem pirapozense quando vai para a cidade grande (Presidente Prudente)Arquivo:Http://s.glbimg.com/jo/g1/f/original/2011/06/04/jimcarrey debiloide.jpg