Planeta Diário

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa

Planeta Diário é onde o Super Homem trabalha e ganha a vida, Clark Kent é só mais um jornalista de segundo calibre. Seja como for, é um grande prédio com um globo desproporcional ao prédio feito de um tipo de material brilhante, seja como for, somente mais um empurrãozinho e aquele globo gigante preso no mastro cai na rua e então é mais um dia de estresse para todo mundo em Metrópolis... Pelo menos isso é o mínimo que pode acontecer já que o globo cai quase todo dia.

Localização[editar]

Cquote1.png Chama o Super Homem que o globo caiu de novo kléberson! Cquote2.png
o homem do "é um pássaro? é um avião? não é o super homem!"

Não é tão difícil de se localizar, o prédio onde fica o negócio localiza-se quase no centro na avenida mais movimentada de lá. É um prédio entre tantos outros se não fosse o fato de ter um globo enorme e gigante desproporcional ao prédio no topo.

História[editar]

Típica notícia no planeta diário.

Na história do local, o globo foi colocado pelo dono do jornal que tinha problemas Emocionais e não conseguia expressar direito os seus sentimentos, mas essa história do globo começa há anos atrás quando ele ainda estava no colegial, ele nunca conseguia chamar a atenção e quando chamava era para rir das surras que ele levava.

Ele prometeu para si mesmo ser um dos mais importantes homens e construir um monumento com seu nome mostrando sua grandiosidade.

Foi assim que surgiu o edifício "Foihalik ifuienrrabado" (tá explicado o motivo de tanta zoação por parte dos colegas) que foi construído como o maior de sua época, então esse edifício abriu espaço para outras empresas abrirem edifícios maiores e mais bonitos que o do "Foihalik ifuienrrabado".

Isso mexeu com Foihalik que ficou ofendido e triste com isso. Então ele gastou todo o dinheiro da sua empresa estabelecida no edifício e comprou um globo de bronze enorme, mas ele nunca tinha levado em consideração a física e comprou um globo do tamanho de seu ego.

Aconteceu que o globo caiu na Rua e isso fez com que os empresários perdessem seu tempo precioso tirando aquilo.

O jornal mais tarde foi comprado pelo Planeta Diário que hoje está estabelecido lá.

Atualidade[editar]

O Globo no topo do edifício cai do topo do prédio quase todo dia mas hoje o Super Homem existe e coloca tudo no lugar sem cobrar nada... O jornal prospéra falando somente do Super Homem e deixa 10% do restante das folhas somente com assuntos como estupros e coisas do gênero, de pouca importância para eles.

O editor chefe é um fã obcecado pelo Super Homem cujo se aparecesse para ele daria imediatamente o rabo para ele.

Cquote1.png OH! SUPER HOMEM! Me diga! O que você quer? Cquote2.png
Editor chefe do planeta diário
Cquote1.png Aumente o salário do Clark Kent, ele precisa dele Cquote2.png
Super Homem

A única repórter que não escreve só do Super Homem foi namorada dele, a Lois Lane, e parece ser a única interessada no que Lex Luthor anda fazendo, ganha mais cachê por conseguir quase sempre entrevista com o super homem.

Enfim, deviam mudar o nome Planeta diário para "Diário do Super Homem, a quem eu dou a Nabunda". E isso aconteceu em 1989, quando o editor chefe publicamente declamou uma poesia ao super homem, no dia seguinte o Super Homem apareceu dizendo que já tinha namorada, não era a Lois Lane mas sim o Batman.

Importância?[editar]

A pior parte é que esse jornal é considerado um dos mais importantes e mesmo assim só fica falando do Super Homem.

Ver também[editar]

v d e h
Bem-vindo à DCclopédia!