Poço Fundo

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa
Wikify.png Por favor, alguém arrume este pobre artigo segundo as diretrizes estabelecidas no livro de estilo antes que alguém infarte lendo esse artigo mal formatado...
AVISO: NÃO REMOVA ISSO ANTES DE TER CERTEZA ABSOLUTA QUE O ARTIGO JÁ FOI COMPLETAMENTE "WIKIFICADO", SENÃO VOCÊ PODERÁ SOFRER AS CONSEQUÊNCIAS!
Dica: não sabe como wikificar um artigo? Então leia AGORA o nosso Tutorial Wiki! Ou peça ajuda para os usuários mais experientes...

Poço Fundo é uma "cidade" chinesa, que devido a sua profundidade, 12.756,2 km abaixo do nível do mar (diâmetro da terra), acabou aparecendo do outro lado do Globo, no Sul de Minas Gerais, entre as cidades de Machado e São João da Mata.

A cidade foi fundada durante a Dinastia Ming no ano de 1369.

Tecnologia[editar]

Há muito tempo, no lendário planeta Suldasminasgerais, uma raça de seres hiperinteligentes ficou tão de saco cheio de tentar achar a resposta para a Vida, o Universo e Tudo Mais, que resolveu construir um super computador capaz de calcular uma resposta definitiva para essa pergunta(pergunta fundamental). E a esse computador era do tamanho de uma cidade, então chamaram-a de Poço fundo.

Depois de 7,5 milhões de anos calculando a resposta da pergunta fundamental o computador chegou a resposta:

Cavuco(Que pode ser substituída por: Casquei, Vorta, Voei na braquiara, etc...)

Porém atualmente surge o lendário Caipira Cibernético.

Etnias[editar]

Fundador do Poço Fundo

O sistema de castas de Poço fundo é uma divisão social importante na sociedade. Originalmente, as castas eram apenas três:

Os Jacarés: Elite de direita, produtores de café, dirigentes do hospital, pseudojornaleiros, herdeiros de terra, ocupantes de "cargos de confiança" na prefeitura (que por sinal trabalham muito no ano da eleição para poder ficar a toa e mamar no dinheiro público por 4 anos e falar mal dos outros).

Os Piranhas: Elite de direita mas tombada um pouco pro centro, produtores de café, comerciantes, fazedores de portal, etc...

Os PTs: Suposta elite de esquerda porque de esquerda não tem nada, prega pelo "Poço Fundo sem partidarismo" pra ver se consegue espaço mas precisa da legenda pra infiltrar na politica local, descedores de ripa no sistema político municipal porque o povo não dá o devido espaço, infladores de saco dos vereadores, choradores de mamona na prefeitura através dos vários Fakes no Facebook, chegadores de quaio nas políticas publicas partidaristas e fazedores de bandeira para passeata na cidade inteira, mas que nunca ganharam nada.

  • (Nordestinos) ou,como o povo de poço fundo tem preguiça de perguntar a procedencia destes seres exóticos ao adentrarem o solo sagrado da terra do fumo tornam se todos baianos.chegam geralmente em março para trabalhar (barato)na safra de café,aumentam a venda de pitú e 51 nos bares (coisa que os barriga verde não bebem porque roseira que é a boa)brigam de faca e foice (entre eles)e vão embora em setembro levando todas as motos de nota da cidade no bagageiro do busão.os exemplares do sexo feminino costumam levar no bucho algum bastardo barriga verde.

À margem dessa estrutura social estão os párias, sem casta (categorizados abaixo dos escravos), considerados intocáveis, até pelos escravos, para não serem "amaldiçoados"; hoje chamados de Du-sem-terra, Du-cantão e Du-Machado ( Os últimos responsáveis pelo tratamento do esgoto da cidade).

Sentado na margem com os pés na água, estão os Lameus, povo de origem na Calábria (sul da Itália) que chegou em Poço Fundo antes mesmo dos chineses, dos australopitecus e dos neandertowns. Uma raça saudosista que circunscreve seu repertório de assunto ao framengo,à televisão e alcool.

Há também os "Darks" (góticos) e os "Coloridos" (restart) que mancham o nome da cidade e colore as ruas(coloridos) ou não....(no caso dos darks). Mas só sei que a cidade já não é mais como antigamente, onde todos eram "normais"


No fundo do poço estão os 'Parpiteiros(as)' ou 'Faladores(as)' ou 'Fofoqueiro(as)' ou 'mexeriqueiros' (estes sujeitam todas as pessoas e coisas ao seu olhar etnocêntrico fútil, dessa forma costumam se distinguir dos ex-imigrantes americanos por ganharem seu carro do papai e também de todas as outras castas políticas, pois menosprezam todos que possuem vidas e condições de existência diferentes das suas. São seres compreensíveis que se esquecem da subjetividade intrínseca dos indivíduos.) Alem de tudo, possuem pessimo senso de humor e um complexo de inferioridade que os obriga a querer aparecer de qualquer forma. Possuem uma postura "descolada" para mascarar seus despreso por todos que existem na terra. Defendem a família cristã e aos bons costumes. Não sabem o que realmente significa o termo subjetividade intrinsceca do indivíduo, e se sabem é por um artigo de alguém não confiavel. Não são confiaveis. Não sabem oque significa a palavra caípira e se acham urbanos Usam palavras conplicadas para se fingir de intelectual e assim fazer sucesso com as fans de Los Hermanos.(haha)

São seres realmente repugnantes, despresíveis e sórdidos, invejosos. Não sabem o que é a felicidade de verdade. Escrevem sucesso errado. Colocam "e" de forma errada na fraze Se esquecem da regra que diz que antes de P e B se usa M não N Seu sangue é ralo. Sua alma é podre. Seus ouvidos ja estão espurgando Seus P@#*& ja tão um cotoco. Enfim, é a famosa que não é ruim, ruim é a onça que não comeu quando nasceu!

Economia[editar]

Não tem!!! Estão em testes a economia agrícola, industriais (Confecções escravista) de até 10 empregados entre eles 1 dono da empresa 2 filhos e a mulher... também há na cidade 990 bares(a maioria deles te expulsam quando chega 23:00), 700 lojas de roupas, 6 posto de gasolina, 200 farmacia 3 bancos, 1900 dentistas, 6 residentes em medicina, há também Imigrantes que vivem no campo de concentração Americano e em Paris, que ganham uma grana lá, vem torram tudo em 6 meses e depois vão para lá novamente arrumar mais um pouco e voltarem novamente isso até o fim de suas vidas.

Na agricultura destaca-se por grandes produtores, que produzem em media 50 sacos de cafe/ano e fumo (os produtores recebem fumo).

auishuahsua

Esportes[editar]

A maioria dos bares possuem a tradição de estímular o espírito competitivo do alcolatras, fumantes e impotentes sexuais da cidade. Através de esportes impares da região(truco até 15, caxetão do bar do mané, sinuca com mesa descaída, palitinho e par ou impar) Festas

A cidade de Poço Fundo possui várias festas tradicionais, como a Festa à Fantasia, o Carnaval, Festa de São Benedito, aniversário da Cidade, Festa Hippie, forró da D. Tiana e outras, onde sempre conta com inúmeros visitantes de outras cidades, que vão a Poço Fundo exclusivamente prestigiar estes eventos.

Carnaval[editar]

Já foi melhor... Som na rua e aumento no consumo de álcool e de substancias recreativas não reconhecidas como legitimas pela União, mas que se f@#$%. Aumento proporcional de boletins de ocorrência, pois ocorrem muitas coisas incomuns, algumas devido a auto administração das substancias citadas anteriormente.

Melhor época do ano para mijar na rua. Principalmente na porta da casa das pessoas não gostamos, pela avaliação anterior do Santo (que bate ou não com o dela).


Hoje em dia há duas escolas de samba ACADÊMICOS (Piranhas e Jacarés) e Império da Vila (fundada em 2009) (Jacarés e Piranhas). Os vencedores são sempre os mesmos.

Como não ha juízes, os membros das escolas fazem uma autoavaliação de sua escola de samba, e aproveitam para avaliar a outra escola também.

Enquanto uma escola desce, a outra prepara suas alegorias para o desfile, e quando a outra (que preparava) desce, todo mundo da outra escola já foi embora pro clube. Os membros do comite auto-avaliativo, então, têm muito respaldo para julgar a escola adversária.

Cada um acha que a sua ficou melhor, pelos mesmos motivos de mil anos atrás, quando os índios da região disputavam seus batuques e suas penas.

Quem ganha são sempre os mesmos. Os vendedores de bebida e os fazedores do carnaval de salão no Poção Clube (liberado apenas para o Carnaval, porque um vizinho reclamou da conversa alta dos foliões durante a festa)

Bares =[editar]

Os bares de Poço Fundo são bastante frequentados, tanto pelos moradores locais, como por turistas (machadenses) que são atraídos principalmente pela ótima recepção das mulheres poço-fundenses, que recebem a todos sempre de pernas abertas. Ops, quis dizer braços abertos (mentira).

Tiãozinho: Sinuca, televisão e funcionários públicos. Tira gosto bom, só que os frequentantes tiram o gosto de tomar uma. Aos sábados os machadenses tomam conta!

Zé Luiz: Local ideal para brincar de vaca amarela, pois uma vizinha com um certo cargo público judiciario utiliza da sua influencia com a polícia toda vez que alguém pede, do lado de fora do bar, para Vera, que esta no balcao, trazer uma cerveja.

Orlando: O lugar é bacana, tirando as plantas. Tudo que tem para comer é otimo mas meio caro. Frases pseudo-cults num quadro a giz inspiram a alta socieciedade da cidade a explorar menos as pessoas, mas eles se esquecem disso depois do 3° chope. Segue um ditado chines para os donos: Nâo serve para abrir sorriso, nao serve para abrir loja (bar).

Fernando: (Antigo bar do SôJoão)@ mesas de sinuca, mesa de truco todos os dias. Mais de 3 tipos de tira-gosto, violão pra quem quiser tocar, televisão com DVDs do agrado dos clientes e fregueses supimpas! Boteco gostoso pra quem não espera ver mulher ou que a esposa espere que você não veja.

Belinho: O tira gosto e o ambiente familiar valem a pena. Eventualmente rola as tardes hits, proporcionadas por frequentadores saudosistas que levam uma tv e um dvd e colocam músicas que inspiraram uma geracao de meninos entre 84 e 87. Se der sorte voce pode assistir sessoes de porradas no camarote.

Tair: Tilapia e traira fritas, sinuca, truco, caxeta(ão/inha), sábado e domingo cedo campeonatos de truco.

Zé Piqueno; Melhor frango caipira e torresmo com mandioca do mundo. Excelente nivel de truco na quarta a noite. Bem frequentado exceto os que decidem obrigar a todos os frequentantes se divertir com as musicas, que o dono do carro com mais auto-falantes gosta. Todos pagam suas respectivas contas, e o dono do carro com mais som só paga a sua! Alguns palpiteiros muito bem informados assistem a tudo afim de criticar os que atentam aos seu interesse, que geralmente é um cargo na prefeitura!

Bar do Nené;(...)

Lua(Bar do zétinho e do barata): Fechou mas tinha um tira gosto bom, dependo do dia. Tinha som ao vivo (couvert: 3 REAIS), sextanejo: alguns médios outros horríveis, mas enche de gatinhas. Sabado ou toca o Jader ou o Jamaica ou o Kate ou o Platini. Sãoo todos bons, mas o repertorio é para menininhas cantarem juntas. Quando os donos do bar (O Barata) ousam alem desses, geralmente é fria, mas se não tiver nada pra fazer, da mulher do mesmo jeito.Originalmente o estabelecimento se chamaria "Ata", em homenagem ao dono, aí ficaria "Bar Ata", mas a proposta não foi aprovada no Congresso Nacional... Pesqueiro do Craudio: Peixe frito fresquissimo e sossego. de vez em quando trilheiros de plantao chegam com suas motos e roupas sujas falando alto e aumentando o som. Ai o que rola é a pedra da canoa ali perto.

Pé de chope:"Você quiz dizer camara de gas?" Google sobre o pé de Chope.

"Que bosta que fecharam o Lua" Você ao entrar no Pé de chope sábado a noite.


Tem também um monte de Bar que não foram incluídos na lista, mas mercecem destaque, entre eles o do Xandão, o do Bernado e o do Ademir)

Pontos Turísticos[editar]

"Loteamento do Liliu"; Após o fechamento dos bares(01:00) de poço fundo, a juventude (amparada pela força policial) se dirige para o loteamento do Liliu, onde ocorre o segundo evento mais estupido de toda via-láctea. perdendo apenas pra "Tourada". (Há críticos que dizem que o Lual do Liliu é mais estupido, porque utilizam o nome "Lual" e não "Voraz disputa de aparelhagem sonora e de mal gosto musical")

"Pracinha da prefeitura";(onde nunca tem ninguem!)

"Pracinha do Pé de Chope";(sempre quem está la é a turma dos Rockeiros tocando seus violões)

"Prefeitura"; local de troca de ideias e deliberações futebólisticas

"Escola São Marcos" (Ginásio, como é popularmente conhecida); Ótimo lugar pra assistir aula, trocar experiencia com professores, arrumar namorada e soltar rojão!

"Cachoeira Grande"; Já foi alvo de terrorismo, suspeitam dizem que foi um atentado a cidade responsável pelo tratamento de esgoto de Poço Fundo(Machado). Terrorista dizem que preferem moto-serra porque machado é uma bosta

"Porto"; (que foi fechado)

"Assunção";(sempre tem um lualzinho la)com unzinho pra sorrir

"Ceva do Lixa" Na represa da Cachoeira Grande, tem que ir quando ele nao esta la!

"Cruzeiro"; (Sobre o morro do Chora Galo)

"Recanto das Palmeiras"; Não podemos esquecer!

"Framengo"; Se Tem Cruzeiro e Palmeiras, por que não pode ter Framengo????

"Cachoeira do Paiolinho" (Dominada Pelo Exercito como base de operações especiais)

"Arvore do sasafrás"!!! (se ela não pegou fogo!)

"Barbearia do Chiquito"; A cidade se encontra lá!

"Pedra da Canoa" Longe demais pra ir a pé

"Árvore" Onde a garotada se reúne para tocar violão e botar fogo na Babilônia. (Mas agora está ruim, os peões também descobriram)

"Cachoeira grande"(casa do Amarilton)

"Oficina do Fabrício" - Um monte de gente vai lar bater um papo agradável (Encher o saco) por lá...

"Oficina do Severo" - Assistir ao filho do dono fumar 15 cigarros por minuto!