Potássio

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa
Metalman.jpg Este artigo é metálico!

Ele é revestido ou banhado a algum metal ou liga que se encontra na tabela periódica. Se você corroer este artigo, Mordekaiser vai exterminá-lo!

Assistente.jpg
Este artigo é relacionado à química.

Não estranhe se o 2,2,4-trimetilpentano for chamado de isoctano, só fique indignado.


Cquote1.png Você quis dizer: Vitamina K Cquote2.png
Google sobre Potássio

Cquote1.png Come a banana, come a banana! Cquote2.png
Sua mãe sobre o fato de você ter muito prazer em comer uma banana por ser um alimento rico em potássio

Potássio é um elemento químico muito presente nos sucrilhos kellogg´s e nos genéricos da Nestlé também para poder contar na capa como uma vitamina e mineral, na verdade você não sabe, mas eles adicionaram potássio ao sucrilho, acontece que tem potássio na água e os sucrilhos (também conhecidos como "gasolina em flocos") são feitos de água -e de baixa octanagem- e por isso os sucrilhos têm potássio.

O Cazaquistão é o maior produtor mundial de potássio. Todos os outros países têm potássio inferior.

Ingestão[editar]

Macaco feliz por ter uma grande fonte de potássio

Estudos epidemiológicos e clínicos indicam que a maior ingestão de potássio reduz a pressão arterial tanto de pessoas normotensas quanto hipertensas. Altas indigestões de potássio reduzem o risco de acidente vascular cerebral, arritmias cardíacas em pessoas com doença isquêmica do coração, insuficiência cardíaca congestiva e hipertrofia do ventrículo esquerdo.

Entretanto, altas, muitas altas ingestões de potássio se mostraram razoavelmente problemáticas. Em uma pesquisa recente, utilizando pessoas de um manicômio no interior de São Paulo, cerca de 45% pessoa vinham a falecer em um curto espaço de tempo depois de ingerirem grandes quantidades de potássio e 55% morriam num curtíssimo espaço de tempo depois.

Não se sabe entretanto a causa, algumas das testemunhas afirmam que foi apenas coincidência, de modo que ainda não se sabe o limite de ingestão dessa substancia. Segundo o psicopata do quarto 17 seriam cerca de 2Kg por dia, já a transtorno obsessiva do quarto 23 afirma que até 4Kg ainda é uma ingestão segura.

Contudo a maioria acredita na teoria do paciente do quarto 42, por ser o número da sabedoria (essa maioria são todos membros do hospício, claro). Segundo ele, até 21Kg podem ser ingeridos por semana sem risco a saúde.

Utilidades para o organismo[editar]

Homem que sofreu um lapso explosivo interno devido a bomba de sódio-potássio

O potássio é extremamente perigoso para organismo humano pois, quando junto com sódio, essa dupla dá ao cérebro poder para enviar impulsos elétricos para todas as partes do corpo e escraviza-lo, principalmente o intestino que é obrigado a enviar quantidades absurdas de açucares que ele teve todo o trabalho de digerir para esse órgão maquiavélico que é o cérebro.

Além disso, sódio e potássio são conhecidos pelos biólogos como uma bomba. Sim eles podem explodir a qualquer momento! Você pode morrer a qualquer hora, não é a toa que utilizam potássio para fazer pólvora.

Fontes naturais[editar]

Batatas, bananas, e entamoebas coli (parente da entamoeba histolytica) que comem os restolhos no seu intestino e cagam potássio.

Estima-se que os dois organismos vivos com maior concentração de potássio no corpo sejam as bananas de pijamas que brincam com os ursinhos, por se tratarem de bananas que são ricas em potássio. Em terceiro e quarto lugar ficam as batatas de sunga, pelo fato é claro, das batatas serem a segunda maior fonte natural de potássio. A Batata da Desciclopédia fica em quinto por ser uma batata oca (eu avisei pra não removerem o conteúdo da batata!).

Mirror2.jpg Conheça também a versão oposta de Potássio no Mundo do Contra:

Espelhonomdc.jpg