Profesionalen Futbolen Klub Tsentralen Sporten Klub na Armiyata Sofiya

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa
Profesionalen Futbolen Klub Tsentralen Sporten Klub na Armiyata Sofiya
Escudo do CSKA Sofia.png
Brasão
Hino '
Nome Oficial Професионален Футболен Клуб ЦСКА София
Origem Bandeira da Bulgária Bulgária- Sofia
Apelidos
Torcedores
Torcidas
Fatos Inúteis
Mascote
Torcedor Ilustre
Estádio Dubalacobaco
Capacidade
Sede
Presidente
Coisas do Time
Treinador
Pior Jogador Nuvola apps core.png
Melhor Jogador Crystal Clear action bookmark.svg.png
Patrocinador
Time
Material Esportivo
Liga Campeonato Búlgaro
Divisão A
Títulos
Ranking Nacional
Uniformes



Profesionalen Futbolen Klub Tsentralen Sporten Klub na Armiyata Sofiya, (agora sabe porque todos preferem chama-lo apenas de PFC CSKA Sofia) é o único time de futebol realmente profissional existente da Bulgária. Assim como todo CSKA, é um time formado por desocupados, vagabundos, soldados rasos, agricultores, operários e todo demais tipo de ser humano miserável contemplado pelo socialismo.

História[editar]

Fundação[editar]

Com a criação da Bulgária em 1945, o exército recém-formado estava no maior tédio, pois não havia alguém disposto e desocupado o bastante para decidir invadir o Acre da Bulgária, ainda mais agora que os otomanos acabaram os únicos desocupados que gostavam de invadir Bulgária.

Primeiros anos[editar]

Em seus primeiros anos de existência o time era mais concentrado em mudar de nome do que em ganhar alguma coisa. Primeiro chamou-se Septemvri pri CDV, depois apenas CVD, depois mudou de CDNV, e ainda CSKA September Flag, CSKA Red Star Sofia. Só então decidiu começar a jogar futebol e veio a se tornar 9 vezes campeão búlgaro de maneira consecutiva (1954, 1955, 1956, 1957, 1958, 1958–59, 1959–60, 1960–61, 1961–62), pois o campeonato era absolutamente controlado por Todor Jivkov, presidente búlgaro torcedor do CSKA que tinha delírios de grandeza em um dia igualar o CSKA Moscow de quem se fosse possível o CSKA Sofia lamberia o saco o ano inteiro.

Certamente o time foi sempre presente na Liga dos Campeões, na qual obviamente sempre só serviu para ser eliminado de maneira rápida. A sua melhor participação dica pela Liga dos Campeões de 1966–67, quando por sorte de tabela (enfrentou os lixos Linfield FC nas quartas-de-final e Górnik Zabrze nas oitavas-de-final) para chegar longe na semi-final e enfrentar um time falido e cheio d ejogadores bêbados da Internazionale, e mesmo assim ser eliminado.

Prósperos anos 70 e 80[editar]

Passou os resto dos anos comunistas ganhando mais campeonatos búlgaros comprados e forjados, iludindo-se eternamente de ser um time grande. Nesta época ficou conhecido por acorrentar e jogar as esposas de todos jogadores do time numa masmorra e ameaçar executá-las caso estes saíssem do clube só por não receberem salário, a diretoria alegava que trabalho assalariado era coisa subversiva de gente capitalista e que era um absurdo alguém receber dinheiro para jogar bola.

Teve outro destaque numa Liga dos Campeões na edição de 1981–82. Nesta época o time entrava direto nas oitavas-de-final, onde mais uma vez deu sorte e enfrentou um time de um país onde nem existe futebol, o Glentoran FC da Irlanda do Norte e nas quartas-de-final foi a zebra ao eliminar o Liverpool FC.

Na semifinal surpreendeu ao vencer o primeiro jogo por 4x3 o poderoso Bayern de Munique, mas no jogo de volta tudo voltou à normalidade e o time búlgaro perdeu de 4x0, perdendo a classificação.

Anos 90[editar]

Torcida do CSKA queimando o estádio para chamar mais atenção que o time sem graça.

Com o fim do comunismo em 1991, o CSKA perdeu todas suas vantagens extra-campo e passou por graves dificuldades de adaptação, pois agora não havia mais jogos de resultados pré-determinados ou adversários comprados, o time precisou começar a jogar futebol, algo que evidentemente nunca soube, e assim entrou emf ranca decadência, ganhando apenas o campeonato búlgaro de 1996–97 e mais nada, e quando ganhou algo logo descobriram que foi roubado, porque era o hábito secular do clube.

A crise de 2008[editar]

Em 2008 faz sua última mudança de nome e passa a ser conhecido como Amateur Futbolen Klub Tsentralen Sporten Klub na Armiyata Sofiya. Nesta época cometeu um grave erro administrativo ao comprar o campeonato búlgaro de 2008 e esquecer que deveria guardar um dinheirinho para a inscrição na Champions League do ano seguinte, assim tendo que deixar a vaga para o segundo colocado Levski Sofia.

Falido e sem mais capacidade de comprar juízes, começou a ver o Ludogorets Razgrad ser 20 vezes campeão consecutivas e estabelecer domínio no futebol búlgaro, enquanto o CSKA, se ficasse em segundo na frente do Levski parece que já é muito.

Títulos[editar]

  • Campeonato búlgaro: 31 vezes (1948, 1951, 1952, 1954, 1955, 1956, 1957, 1958, 1958–59, 1959–60, 1960–61, 1961–62, 1965–66, 1968–69, 1970–71, 1971–72, 1972–73, 1974–75, 1975–76, 1979–80, 1980–81, 1981–82, 1982–83, 1986–87, 1988–89, 1989–90, 1991–92, 1996–97, 2002–03, 2004–05, 2007–08)