Provérbio

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa

Provérbio,também conhecido como filosofia de boteco,é um ditado popular que ajuda as pessoas a refletirem sobre as merdas da vida

[editar] História

Tudo começou com Confúcio,que para ganhar uma bola do rei da China,foi posto em desafio:lhe perguntaram se o pássaro que estava na mão de um rapaz estava vivo ou morto,se ele dissesse que estava vivo o rapaz esmagaria o passaro,mas se ele dissesse que estava morto, o rapaz soltaria o pássaro.Então Confúcio lhe respondeu:Depende do que o rapaz vai fazer .Com essas milagrosas palavras,Confúcio anhou a aposta, e se mudou para o Tibet para escrever o primeiro livro de provérbios do mundo

[editar] Filosofia de buteco moderna

Com o decorrer do tempo novos discípulos de picaretagem foram surgindo, e assim nasceu a filosofia de buteco moderna. Com auxílio de mestres bohemios,como Ari Toledo,Batoré,Zeca Pagodinho e outros pagodeiros, a filosofia ganhou escala mundial e hoje está na boca do povo.

[editar] Provérbios famosos

Alguns exemplos de provérbios muito famosos:

"Pobre só sobe na vida quando o barraco explode"

"Pobre só sai do aperto quando desce do coletivo"

"Mulher de amigo meu é igual cebola:eu como chorando"

"Mulher de amigo meu é igual a viloino:eu viro a cara e meto a vara"

"Quem gosta de mulher feia é salão de beleza"

"Parceria de cú,é rola"

"Rapadura é doce mas não é mole não!"

"Quer Moleza? Senta no colo do vovô!"

"Mais vale uma na mão do que duas no soutien"

"Mulher feia e urubu comigo é na pedrada!"

"Em cavalo dado não se olha os dentes. Tá certo. Primeiro você tem que olhar se é mesmo um cavalo."

Ferramentas pessoais
Ver e modificar namespaces

Variantes
Visualizações
Ações
Navegação
Colaboração
Votações
(F)Utilidades
Novidades
Redes sociais
Correlatos
Ferramentas
Outras línguas