Pulinho

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa

Cquote1.png São Longuinho, São Longuinho. Se eu achar meu vibrador dou três pulinhos Cquote2.png
Sua mãe sobre pulinho

Pulinho enquanto não for nenhum personagem infantil medonho do tipo Galinha Pintadinha, ainda será apenas um pulo pequeno, a não ser que alguém resolva criar tal personagem... Uhmmm... estou pensando que alguém que tenha hora ou outra um daqueles declives de Q.I. em que se pega aquele nanquim escolar vagabundo e apareça o personagem com esse nominho miserável, com formas ainda piores... Por hora, pulinho é um pulo pequeno mesmo.

???[editar]

Demontração ridícula prática.

O que se pode e pra que, como, quando e onde criar uma página para falar sobre pulinho? Eu não sei amigão, eu vi o link e pensei que era algo que existia, mais nada. Agora seja legalzinho e olhe para os seus pés... ou joelhos pois essas partes, assim como os pulos maiores, estão diretamente envolvidas, mesmo nos pulinhos mais ridículos... Não que os pulinhos sejam sempre ridículos, mas alguns o são. De qualquer forma eles envolvem principalmente pés e joelhos, pois precisam, mesmo pequenos, de impulso. Impulsos pequenos, mas isso depende às vezes do ponto de vista, pois pra um avestruz, por mais que um grilo pule alto, para o avestruz será sempre um pulinho e o avestruz sequer tem obrigação de pensar que o grilo pula conforme seu tamanho, tampouco caso resolva por ovos andando e acertar um grilo, não tem obrigação de saber. O grilo é quem tem que ficar esperto e dar um belo pulo... ou pulinho, na visão do avestruz. O mesmo vale para uma perereca.

Em câmera lenta o ápice do pulinho nem se pode dizer que é ápice, embora possa alcançar ponto alto, nem se pode dizer que é tão legal e tão saudável quanto um pulo moderado ou grande, mas a vantagem é que ele precisa de bem menos técnica, pois dificilmente você caíra de forma errada, prejudicando o calcanhar ou caindo e batendo o saco qualquer outra parte. Eles podem ser dados com os dois pés juntos(vamos, olhe para seus pés novamente, nem vou pedir que você imagine ele com sapatilhas de Balé... Bom, se quiser eu não tenho nada com isso), ou ser um passo com um pouco mais impulso. Um passo, com certo impulso a mais. Uma corridinha anêmica é feita de pulinhos, mas ainda assim o com os pés juntos, assim como os pulos normais, são mais legais, talvez por causa do impulso com os dois pés... Bom, não precisa mais olhar pros pés.

Inevitável[editar]

Que moral eu tenho para lhe ofender após criar uma página dessas? Pois saiba que não vou ofender nem você nem ninguém, porém não poderia falar de pulinhos, sem falar da saltitância de certos seres. Os pulinhos de alegria de alguns seres, são atos que causam reações diferentes ao ser vistos. Alguns acham graça, mas educadamente e ás vezes com grande esforço, seguram a risada. Outros ao ver uma figura estranha dando pulinhos acha vexaminoso e sai de perto ou ao menos finge que não viu e se concentra em qualquer outra coisa. Outros começam a dar pulinhos juntos. Essa última reação, você pode até achar sem noção, mas e algo excelente para um completo estudo de comportamento. Como foi que as demais pessoas (algumas vezes muitas mesmo), se contagiaram e começaram a dar pequenos pulos acompanhando a figurazinha estranha? é dos melhores comportamentos de bando, nessa hora você pode até jogar papeizinhos estilo confete sobre eles que nem vão se importar e continuar com os pulinhos... e ainda melhor, algumas vezes os pulinhos são dados por mulheres.

Treino de pulinhos.

Esse pulinhos algumas vezes são acompanhados de gritinhos... mas nesse caso, pra mim é demais, se quiser continue avaliando você, esse efeito glitter, apenas poupe seus tímpanos com um chumaço de alguma coisa.

Ver também, se quiser[editar]