Rachel McAdams

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa
Leonidas banana.gif Rachel McAdams é vegetariano(a)!

Ele(a) defende os direitos dos animais sem se importar com os direitos das plantas e come peixe escondido dos outros. Se vandalizar este artigo, você vai comer uma lasanha de couve ao molho branco!

Rachel McAdams
Rachel add-.jpg
Rachel com seu típico sorriso falso.
Nascimento 17 de Novembro de 1978
Bandeira do Canadá Canadá
Ocupação Modelatriz

Cquote1.png Você quis dizer: Mortícia Adams Cquote2.png
Google sobre Rachel McAdams
Cquote1.png Já comi Cquote2.png
Lindsay Lohan sobre Rachel McAdams
Cquote1.png Eu também Cquote2.png
Robert Downey Jr. sobre Rachel McAdams

Rachel McAdams (na transliteração conhecida como "Raquel Macadão") é uma modelatriz estadunidense canadense, que alcançou a fama mundial em 2004 por interpretar a puta-mor patty Regina George no filme Meninas Malvadas.

Infância[editar]

Rachel McAdams lendo esse artigo cheio de verdades.
Sem produção.

Nascida em Londres no Ontário (e não na Inglaterra, seu burro), filha de uma enfermeira e um caminhoeiro que fazia tráfico de folha de acer para os Estados Unidos. Frequentou o Ensino fundamental e o Ensino médio no Canadá, mas não gostava de estudar, o que ela queria mesmo era fumar uns baseados nas montanhas canadenses e frequentar clubezinhos de teatro. Mas como a maconha era cara no Canadá, Rachel teve de ir trabalhar no McDonald's durante 3 anos para sustentar seu vício, pelo menos até se tornar "atriz de Hollywood" e encher seus cofres para fumar as doses que quisesse.

Aos 4 anos, começou praticando Patinação artística no gelo, mas como era pobre, tinha de usar os lagos gelados como pista e as lâminas de barbear de seu pai debaixo das botas. Ainda assim, como a pobreza é geral no Canadá, quando tinha 9 anos foi convidada para ir treinar para Toronto para os Jogos Olímpicos, o que ela recusou porque é uma idiota que nem você. Cursou teatro na Faculdade em Toronto; o que não lhe serviu de muito, pois a maioria de seus papéis futuros no cinema seriam irrelevantes e comédias parvas adolescentes.

Carreira[editar]

Quando trabalhava de coelhinha da Playboy.
Rachel e seu célebre sorriso.

No Estados Unidos Canadá, uma pessoa só consegue fazer sucesso de três formas: ou é filho/a de alguém famoso, ou dá para várias pessoas famosas, ou faz um filme de putaria. Rachel optou pelo método mais difícil, e fez a pornochanchada italiana My Name is Tanino (2002): por restrições no orçamento, as cenas de putaria do filme foram cortadas, mas ainda assim as cenas em que ela estava pagando peitinho sobreviveram, o que lhe rendeu o início da fama. Nesse mesmo ano, e depois de ter passado o teste do sofá, consagra-se como "atriz de Hollywood" ao ser a protagonista da comédia brega Garota Veneno, onde interpreta uma piranha adolescente, líder de torcida, que troca de corpo com um ladrão de 30 anos.

Quando estavam montando o cast de atores para Meninas Malvadas (2004), ninguém se lembrou de Rachel: mas ela, esperta que nem uma raposa (apesar de ser loira), arrumou um encontro íntimo com Lindsay Lohan, e a convenceu, através de fornecimento de doses gratuitas de cocaína, que ela seria a melhor indicada para o papel da vilã Regina George, a puta-mor das pattys do High School. Consegue o papel e é catapultada para a fama mundial. Para reforçar sua fama, nesse ano também protagoniza a adaptação cinematográfica do livro brega de Nicholas Sparks, Diário de uma Paixão, possivelmente o filme favorita de sua namorada e de tudo quanto é guria retardada dos Anos 2000 (o Crepúsculo veio depois), onde faz o papel de uma menina rica que se apaixona por um menino pobre, os pais da mesma são contra, sofrem muito para ficar juntos, mas só ficam juntos quando o cara fica rico, e é comida por Ryan Gosling (tanto dentro como fora do grande ecrã).

Nos anos que se seguiram, Rachel se dedicou a aparecer em filmes da sessão da tarde, como Penetras Bons de Bico (2005, Tudo em Família (2005), Um Homem de Sorte (2008), Te Amarei Sempre (2009), entre outras bostas para ver num Domingo à tarde. Como Lindsay Lohan entretanto se perdeu nas drogas e foi parar à prisão, Rachel roubou seu lugar como "estrela de Hollywood" e alguns alienados chegaram mesmo a considerá-la a "próxima Julia Roberts", sabe-se lá porquê, tá por causa do "sorriso".

Em 2009 vira a bunda para Robert Downey Jr., e consegue, com isso, o papel da meio-vilã-meio-piranha Irene Adler, no filme Sherlock Holmes. Em 2011, banca o papel da noiva rica e metida de Owen Wilson em Meia Noite em Paris, enquanto o cara está desesperado para comer as francesas Marion Cotillard e Léa Seydoux. Em 2013 rouba o papel a Zooey Deschanel no filme pseudoindie Questão de Tempo, onde se apresenta com um visual hipster e é uma alienada por Kate Moss. Em 2016 é nomeada ao Óscar de Melhor Atriz Coadjuvante, mas Alicia Vikander passou-lhe a perna.

Filmografia[editar]

Mostrando como roubou um papel indie a Zooey Deschanel.
Loirastupidaaaa.jpg Hello, Honey! Este artigo é fashion!!

Este artigo é algo que eu e minhas amigas pink adoramos! Se você for nerd ou pobre, tipo, é melhor passar longe daqui, e se vier aqui pra arranjar confusão, nós vamos chamar a galerinha popular para humilhar você!

{{#logotipo:http://images.uncyc.org/pt/1/1c/Hollywoodpedia.png}}