República Socialista da Sérvia

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa


●Социјалистичка Република Србија
●República Socialista Soviética da Sérvia
●Casa do Tito

Bandeira da República Socialista da Sérvia (1945-1990).png Brasão da República Socialista da Sérvia.png
Bandeira Brasão
775px-Greater Serbia in Yugoslavia.png
RS da Sérvia segundo os sérvios
Capital Belgrado
Língua língua sérvia
Tipo de Governo Totalitarismo comunista
Chefão Tito
Moeda Dinar
População ???



República Socialista da Sérvia foram os Joselitos da Iugoslávia, e os principais responsáveis pela ideia estúpida de reunir um monte de gente que se odeia num mesmo país apenas para fazer uma mini-URSS na Europa.

História[editar]

Tito foi quem inventou a RS da Sérvia para disseminar a sua invenção, o Movimento dos Países Não-Alinhados, uma alternativa para quem não quisesse ser nem seguidor do capitalismo americano e nem do comunismo soviético, mas quisesse fazer parte de um limbo fadado à falência. Os sérvios anti-imperialistas combatiam o imperialismo dos EUA e da URSS praticando imperialismo nos Bálcãs para entenderem empiricamente como a coisa de dominar minorias funcionava, o problema é que eles acabaram sendo odiados rápido demais e foram os primeiros a acabar.

Tito fez milagre em manter a República Socialista Sérvia apenas com a exportação de framboesas. A verdade é que a Sérvia nunca teve alguma coisa de bom e o que eles faziam era ficar vendendo as boinas bósnias, os tabuleiros de xadrez croatas, os destilados de ameixas eslovenos, os fliperamas de pacman dos macedônios (em Montenegro tinha nada de valor para ser vendido, então a Sérvia não teve o que pegar por lá), e converter todo esse dinheiro ganho nas vendas no pagamento da importação de prostitutas tchecas para consumo sérvio. Práticas essas que atraíam o ódio de todos vizinhos que não tardaram em se separar.

Um dos maiores motivos de todos não gostarem da RS Sérvia foi pela imposição da língua sérvia e aquela maldita obrigação de ter que escrever "vic" no final de cada palavra, coisa que irrita em especial os bósnios, despertavam ainda mais a inimizade nas nações iugoslavas vizinhas.

Então, por volta de 1990, um sérvio encostou-se no Muro de Berlim para fumar um cigarro, mas a fundação da obra fora feita com material soviético de terceira mão, e o muro desabou. Esta versão está nos livros de história de toda Bósnia e Croácia.

População[editar]

As pesquisas sérvias da época apontavam que 99,9% da população da RS Sérvia eram de sérvios. Isso ocorria porque ciganos, hippies e muçulmanos não eram entrevistados.

Subdivisões[editar]

Já naquela época a Sérvia era divida entre Kosovo e Voivodina, que com o insucesso da Iugoslávia até sonham ser os dois novos países da Europa e poderem até quem sabe entrar na OTAN, pois eles tem armas da Primeira Guerra Mundial estocadas até hoje nos antigos esconderijos dos terroristas que mataram o Arquiduque Francisco Ferdinando, e podem ser úteis na atual Guerra Civil Tuvaluana.