República Socialista Soviética Carelo-Finlandesa

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa


●Karjalais-suomalainen sosialistinen neuvostotasavalta
●Karelo-Finish-Him! Soviet Socialist Republic
●República Socialista Soviética Caralho-Finlandesa

Bandeira da RSS Carelo-Finlandesa.png Coat of Arms of Karelian ASSR.png
Bandeira Brasão
RSS Carelo-Finlandesa map.jpg
Um garrancho O mapa da Carélia Finlandesa
Capital Helsinque Petrozavodsk
Língua finlandês russo
Tipo de Governo República Socialista Soviética da Finlândia Oriental
Czar Presidente Otto Cozinha
Moeda Rublo
População 651,300 finlandeses infelizes
Cquote1.png 3 contra 1 na Escandinávia! Cquote2.png
Stalin jogando War

Cquote1.png Eu tirei que meu objetivo era conquistar a Europa e o Vietnã e mais um território a minha escolha Cquote2.png
Exército Vermelho explicando depois que perdeu o jogo porque invadiu a Finlândia em 1939

República Socialista Soviética Carelo-Finlandesa foi uma tentativa russa de "Finlândia Oriental" tentando imitar a Alemanha Oriental, que durou apenas vinte anos pois englobava o território da Finlândia, que como tinha seu exército de metaleiros tr00s a União Soviética não foi páreo para eles.

[editar] História

Cquote1.png É camarada, esse nosso plano de invadir a Alemanha pela Escandinávia não vai rolar. Devolve a Finlândia para eles Cquote2.png
O Fim da RSS Carelo-Finlandesa

Tudo começou durante a Segunda Guerra Mundial, quando o Exército Vermelho estava morrendo de medo de uma invasão do Miguxo de Berlim, e com o território grande pra cacilda que eles tinham ficava mais difícil fazer a defesa da cidade de Leningrado. Então eles pediram aos finlandeses, que eram o território mais próximo e mais gelado possível, que lhe emprestassem umas terras sem ter que pedir de volta. Claro que o governo da Finlândia não era bobo e não aceitou, então os soviéticos resolveram pegar o território na marra. Ocorreu a Guerra de Inverno, uma disputa de bolas de neve onde os soviéticos foram derrotados pelo invejável exército finlandês constituído por 300 soldados.

A rejeição internacional comandada pela Rede Globo foi imensa, e o máximo que eles conseguiram foram umas regiõezinhas ali em volta, que foram unidas com a república russa da Carélia para fazer valer mais a pena. Em 1940, surgia a República Socialista Soviética Caralho Carelo-Finlandesa.

Só que em 1956, o então comandante do Soviete Supremo da RSSCF, Otto, o Cozinheiro, traiu o movimento comunista, e assim sua linda RSS foi novamente rebaixada para uma das inúmeras subdivisões russas, e Otto foi enviado para um gulag. A URSS se esqueceu de devolver o território e a Finlândia de tomar de volta, e a República Socialista Soviética Carelo-Finlandesa entrou para os anais da história como uma das repúblicas mais bizarras e idiotas já criadas.

[editar] Geografia

Também conhecida como testículo do mundo, a RSS Carelo-Finlandesa fazia fronteira com a Finlândia e mais ninguém, o que para os soviéticos representa o milagroso caminho para a Alemanha, que se mostrou um grande fail.

[editar] Economia

A República Socialista Soviética Carelo-Finlandesa tinha sua economia baseada na exportação de bolas de neve e cachecóis, que após a independência foi substituída pelo mercado da Fórmula 1.

Ferramentas pessoais
Ver e modificar namespaces

Variantes
Visualizações
Ações
Navegação
Colaboração
Votações
(F)Utilidades
Novidades
Redes sociais
Correlatos
Ferramentas