Richard Nixon

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa
Richard Milhouse Nixon
Nixon apontado.jpg
All your base are belong to us!
37.º Presidente de EUA
Período 20 de janeiro de 1969
– 9 de janeiro de 1989
Vice-presidente Gerald Henry Ford
Primeira-dama Pat Morita
Predecessor Lindo Johnson
Sucessor Gerald Ford
Pessoal
Nascimento 9 de janeiro de 1913
Yorba Linda, Califórnia
Morte 22 de abril de 1994
Niu Iorque, NY
Profissão ladrão Advogado
Partido PT
Dark-Art-Grim Reaper 01DesktopNexus.jpg
Richard Nixon já morreu!

Não era corredor, mas esticou as canelas!

Clique aqui pra ver quem te espera no inferno

Cquote1.png I'm not a crook! Cquote2.png
Nixon em calúnia.

Cquote1.png Sim!! Ele estava no esquema! Cquote2.png
Roberto Jefferson sobre Nixon.
Cquote1.png SOME DAQUI!! SOME DAQUI!! SOME DAQUI!! (x42) Cquote2.png
Nikita Khrushchov sobre Nixon em Moscou.

Richard Nixon foi mais um desses presidentes estadunidenses que nasceram no faroeste e se achava o cowboy do pedaço dono do mundo. O seu auge na presidência americana ocorreu de 1969 a 1974. Nixon foi o primeiro corrupto americano que foi pego na falcatrua, graças às denúncias que Roberto Jefferson (na época sob o pseudônimo Garganta Profunda) fez. O governo de Nixon não ficou marcado só pela corrupção, mas por ser o presidente que fez com que os americanos soubessem aonde países como China e Vietnã ficavam e também por saber corretamente a capital do Brasil.

Infância[editar]

Nixon, o presidente mais cheguei dentre todos dos Estados Unidos.

Richard Nixon Eastwood nasceu na Califórnia em uma cidade nas redondezas do Grand Canyon. Um ambiente cheio de índios e que não há lei, tanto que quem governam o estado são campeões de Luta Livre.

A grande influência política de Nixon, além de consagrados corruptos, foi o Arnold Schwarzenegger e seus grandes assessores metidos a Sylvester Stallone, marcados por ser um governo que ao invés de trazer paz e harmonia preferiu trazer mais marginais e bandidos dando mais emoção e movimento na vida da população do velho-oeste, e então a razão de sua popularidade. Nixon pretendia levar esses ideais a nível nacional, mas como a população do oeste americano é considerada louca dificilmente eles conseguem sucesso, então não restava opção a Nixon a não ser apelar para as velhas táticas de "forçar" a renúncia de seus concorrentes através da força.

Foi sob essa influência que Nixon começou a ter sua formação acadêmica, mas só entrou para a universidade em razão de suas habilidades excepcionais no futebol americano e assim se formou em Ciências Políticas jamais tendo estudado política, apenas jogado bola e paquerando as animadoras de torcida e, eventualmente, algumas professoras.

Ficou famoso por ser o único presidente desde o Tio Sam que sempre carregou consigo um revólver.

Carreira[editar]

Reação de Nixon ao saber que os Lakers ganharam (no meio da reunião internacional do tratado de paz mundial).

Na época em que estava procurando trabalho só havia uma opção: ir para a guerra. Assim Nixon teoricamente lutou na Segunda Guerra Mundial, mas já colocava ali em prática suas táticas de corrupção ativa e conseguiu virar tenente depois que convenceu um superior seu bêbado a apostar sua patente em um jogo de pôquer (Nixon também havia bebido aquela noite, mas californiano não fica bêbado). Assim Nixon conseguiu uma vida boa na guerra na Europa longe das trincheiras e regressou como herói, sem cicatrizes e sem traumas psicológicos, ao contrário de 90% do contingente que sobreviveu.

Como a guerra havia acabado, para ele conseguir o que queria precisava de mais guerra, e durante muito tempo como senador vice-presidente e mais um monte de cargos políticos, ficou fazendo intrigas no Watergate para manipular movimentos políticos como destruir a Coréia do Norte. Com o tempo, Nixon foi seguindo o caminho das pedras para virar presidente dos Estados Unidos, fazia pose de doidão bonachão descolado e fissurado em armas, características populares na América que fizeram a cabeça dos caipiras conservadores de todo o país.

A sua religiosidade como protestante também garantia muita popularidade para Nixon, mas também gerava muitas suspeitas, pois não precisa nem ser detetive para saber que protestantes muito ricos e famosos são quase com certeza corruptos. No Brasil, atualmente os discípulos ortodoxos de Nixon trabalham secretamente para executar o plano de dominação mundial e exterminação da Irlanda, todos se passando por donos de emissoras como a Record e a Band e transmitindo nas madrugadas de sua programação, chamados de lavagem cerebral, recrutando cada vez mais gente para sua causa. Isso já ocorreu nos Estados Unidos, pode ocorrer no Brasil.

Presidência[editar]

Atuação nos cinemas. Grande propaganda eleitoral.

Ainda como vice-presidente assumiu o cargo da presidência diversas vezes, sempre envenenando os atuais presidentes e os chantageando. Sempre que isso acontecia Nixon promovia uma festa de funk no gabinete do presidente (as fitas dessas orgias foram guardadas em Watergate). Volta e meia assinava alguns nomes no seu Death Note, como foi o caso de Eisenhower.

Nixon decidiu tentar se tornar presidente e encarou as eleições presidenciais. Enquanto seus concorrentes faziam propostas sérias e propagandas coerentes, Nixon ficava fazendo palhaçadas e agindo do seu jeito bonachão prometendo coisas impossíveis como levar o homem à lua, e isso cativava o povo americano que já estavam no mundo da lua desde o fim da Segunda Guerra Mundial. Quando Nixon declarou apoio aos hippies, isso resultou no ganho de uma cacetada de votos e fatalmente a vitória de sua eleição.

Ganhou as eleições de forma contestável, os relatórios e documentos da contagem dos votos foram escondidos proibidos de acesso em algum arquivo no prédio Watergate. Posteriormente os métodos de eleição na época da candidatura de Nixon seriam adotados por governantes do Haiti e do Zimbábue atualmente. Assim que assumiu a presidência, a primeira coisa que Nixon fez foi lançar a cartilha Doutrina Nixon baseada em 3,5 princípios básicos que todo americano deveria saber, além de saber que tem liberdade absoluta de expressão:

Nixon cumprimentando seu Ministro da Cultura Elvis Presley.
  1. Falou está falado, e quem se aliar com os comunistas é inimigo declarado.
  2. Fabricar mais bombas nucleares
  3. Explorar quantos países forem possível.
  4. (este princípio era conhecido apenas pelo serviço secreto) tomar aulas de como fazer um bom governo para o governo com os políticos do Brasil.
  • Nota: E não se esquece de levantar os braços e acenar sorridente toda vez que descer do avião.

Se alguma coisa se beneficiou durante a gestão de Nixon, essa foi a NASA. Por ser uma instituição que usa equipamentos que ninguém nunca viu na vida, ela era perfeita para lavar dinheiro, fazer evasão de divisas e aproveitar para fraudar licitações. Nixon adorava isso e guardava todos esses fiscos ilegais na Watergate secretamente.

Foi também durante sua gestão, que estourou a Guerra na Caxemira, Nixon tratou logo de pedir uma música tema para o Led Zeppelin e viajou para Filipinas aonde se encontrou com os líderes indianos e paquistaneses, e assim perguntou em voz alta "Quem oferece mais?", a Índia ofereceu o maior valor em patrimônios, então o governo americano passou a dar total apóio armamentístico e táticoo aos indianos e por isso os paquistaneses odeiam tanto os americanos até hoje.

Nixon preparado para assaltar alguns bancos.

Para qualquer americano, o mundo era formado apenas por Estados Unidos + Europa Ocidental + União Soviética (alguns otakus sabiam que existia o Japão), sendo o resto, vegetação habitada por espécies raras de primatas pelados. Incomodado com isso Nixon importou professores de geografia mexicanos e começou a viajar para locais antes inexplorados como o Brasil, a Lua e a China. Não encontrou absolutamente nada de bom nesses lugares, mas foi uma boa aventura. A época também era de Guerra Fria, mas a União Soviética estava começando a quebrar, já que esqueceu de usar o dinheiro para adquirir comida e coisas do tipo, e torrou tudo para construir naves espaciais e bombas nucleares. Nixon gostava muito de conversar com Nikita Khrushchov em Moscou e classificou sua relação do companheiro como "debate de cozinha" pois os dois nunca chegavam a uma conclusão entre o que era melhor para o mundo, o capitalismo ou o comunismo.

Nixon enfrentou uma época de reeleição, teve que deportar e sumir com mais adversários. Usou muito o jargão É o Nixon de novo com a força do povo, sorriu e beijou muitos bebês, e facilmente foi reeleito, já que seus concorrentes tinham todos cara de mau e nenhum requebrado nas cadeiras. No seu segundo mandato ficou marcado por ter dado pitaco na guerra do Yom Kippur, uma confusão no deserto árabe, aonde ele deu total apoio às tropas de um emergente na vida política, um carismático e bondoso senhor de nome Sadam Hussein. Nixon escondeu as falcatruas do Yom Kippur na Watergate como sempre, mas fatalmente um dia esse arquivo ia cair. E caiu com força.

Caso Watergate[editar]

Os dois encarregados da promotoria e investigação, no caso Watergate.
Watergate, o esconderijo de Nixon.

Cquote1.png Ele nem parecia bandido Cquote2.png
População americana sobre Nixon e o Caso Watergate
Certa vez, um homem chamado Forrest Gump contratado pela polícia secreta invadiu o prédio Watergate acompanhado de Tom Cruise na Tom Clancy's Splinter Cell, Missão Impossível 6 - The End of the World e abriram todas as gavetas e arquivos que ali se encontravam e mostraram para todo o povo que tipo de pessoa Nixon era.

Entre todas as mais de 342 corrupções em que Nixon estava enquadrado, a que mais chamou a atenção foi seu envolvimento com o escândalo nos Correios e esquemas de caixa 2 em sua campanha eleitoral, além de contratação de assassinos e terroristas particulares para atormentarem seus adversários políticos.

Desde então, Nixon ao lado de expoentes do serviço secreto americano como Jack Bauer tentam livrar a sua cara, em vão. Quando precisa, Nixon veste uma máscara de halloween e assalta bancos junto com o Coringa. Morreu de velhice, porque vaso ruim não quebra tão cedo.

Opinião sobre o Brasil[editar]

Cquote1.png Aquela floresta cheia de jogadores de soccer e mulheres nuas ser um paraíso e sua capital ser Brasília! Cquote2.png
Nixon (Sim!! Ele acertou a capital do Brasil!!)

Mirror2.jpg Conheça também a versão oposta de Richard Nixon no Mundo do Contra:

Espelhonomdc.jpg


Futurama anime.jpg
Futurama.jpg
v d e h
Futurama

Personagens:

Philip J. Fry - Turanga Leela - Bender Bending Rodriguez - Hubert J. Farnsworth - Dr. Zoidberg - Hermes Conrad - Amy Wong - Zapp Brannigan - Richard Nixon - Lrrr - Ndnd - Kif Kroker - Nibbler - Cubert Farnsworth - Mamãe - Faxineiro Scruffy - Flexo - Barbados Slim

Relacionados:

Cabine do suicídio - Planet Express