Rio Aar

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa
Aí, peixe, esse esboço vai atrás das 1000 palavras, parceiro.
Mas, peixe, edita esta bosta que você se dá bem, tá ligado?

O Rio Aar é o maior rio da Suíça, sendo um importante riacho do país, servindo como excelente rota alternativa de entrada de dinheiro e saída de influência do país. O rio é 5% importante para a Europa por ser um dos 20 afluentes do Rio Reno.

História[editar]

Um dos guardas do Rio Aar, na fronteira com a Alemanha.

Conhecido pelas antigas e atualmente extintas tribos locais como Rio AAAAA, recebeu esse nome por ser extremamente gelado e ser a primeira coisa que as pessoas gritam ao tentar nadar no mesmo, ele foi tranliterado como Rio Aar pelos suíços para causar menos medo nos navegantes do rio sobre a morte certa por hipotermia ao se cair nele.

No Riacho Aar ficam as únicas usinas hidrelétricas da Suíça e os únicos pontos de desequilíbrio ambiental do país.

Curso[editar]

O rio nasce nos Alpes como gelo derretido e corre frio durante todo seu trajeto de 30 metros até a fronteira com a Alemanha onde deságua no Reno. Focas e pinguins são comuns nessas áreas.

O Aar passa pelo Lago Brienz cheio de cisnes, e metros mais a frente atravessa a cidade de Interlaken e ser responsável pelo seu clima congelante o ano todo. O Aar ainda congela a cidade de Thun e seu lago, até passar pela capital Berna e suas 18 pontes e 30 bueiros de esgoto.

Finalmente a água (gelo) chega ao Rio Reno onde irá receber muito mais lixo até chegar ao mar.