Roraima

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa
Roraima
Bandeira de Roraima
Bandeira de Roraima
Brasão de Roraima
Brasão de Roraima
Lema Ninguém nos conhece, mas existimos!
Hino Não tem
Gentílico Macuxí, Caboco
Localização
Localização de Roraima
Região Infernal Norte
Capital Boa Vista
Cidade mais importante Caracas
Estados limítrofes Venezuela (ao Norte e Noroeste), Guiana (Leste), Pará (Sudeste) e Amazonas (Sudeste e Oeste)
Governo
Governador Uma dona de casa
Partido PP
Características geográficas
Área 224.298,980 km²
População 391.317 e você hab. '
Densidade Nem tem gente lá, então o cálculo dá erro
Clima Nem o diabo aguenta esse Inferno
Indicadores
Analfabetismo 0,11% Só você e Eu 24/10/2017
Mortalidade infantil 117,8% 24/10/2017
Expectativa de vida 31 anos 24/10/2017
IDH 001,746 24/10/2017
PIB R$ R$ 100.677.318.000,00 24/10/2017
0,15%% do nacional
PIB per capita R$ R$75.654.987.247,09 24/10/2017


Cquote1.png Você quis dizer: Rondônia Cquote2.png
Google sobre Roraima
Cquote1.png Cadê Roraima? Cadê Roraima? Cquote2.png
Capitão Nascimento torturando, digo, perguntando sobre Roraima
Cquote1.png Zás zás aí eu chegava, e e pegava uma arma e invadia Roraima e chamavas as minhas tropas e pegava petróleo..zás zás... Cquote2.png
Hugo Chaves sobre Roraima
Cquote1.png Estamos fartos de vocês, aprendam a escrever primeiro. Cquote2.png
Brasileiro sobre Roraima
Cquote1.png Roraima!?!? Oh!! Cabocas, banana, chibé, caipirreenha, monkeys!!! Cquote2.png
Gringos sobre Roraima
Cquote1.png Corre, Pedro! Cquote2.png
Bino sobre Roraima
Cquote1.png Nunca vi... Cquote2.png
Geraldo Magela sobre Roraima
Cquote1.png Roraima: O Mundo perdido. Cquote2.png
Discovery Channel sobre Roraima
Cquote1.png E é lá que fica a fábrica de brinquedos do Papai Noel e o túmulo do Rei Arthur, né?? Cquote2.png
Prêmio Nobel em Geografia sobre Roraima
Cquote1.png Você traiu o movimento nacional, véio! Cquote2.png
Dado Dolabella sobre Roraima
Cquote1.png AoOoNnDiI éAhHh que FiKáHhH?? Cquote2.png
Emo sobre Roraima
Cquote1.png Hoje iremos a um lugar onde nenhum homem jamais esteve. Cquote2.png
Globo Repórter sobre Roraima
Cquote1.png O que? Cquote2.png
Qualquer um sobre Roraima
Cquote1.png 404 Not Found Cquote2.png
Internet Explorer sobre Roraima
Cquote1.png Servidor não encontrado Cquote2.png
FireFox sobre Roraima
Cquote1.png ERRO! Não foi possível localizar o servidor remoto. Cquote2.png
Opera sobre Roraima
Cquote1.png Eehn. Atenção população. Tah vindo um temporal e cuidado com o furacão que vem da Guiana. Cquote2.png
Jornalista de Roraima que não é formado, tentando alertar a população.
Cquote1.png Use filtro, protetor e bronzeador solar. Cquote2.png
Gaúcho sobre o inverno em Roraima
Cquote1.png Aqui eu passo no vestibular Cquote2.png
Manauara sobre vestibular da UFRR
Cquote1.png Essa Universidade é uma Merda. Que estrutura filha da puta. Até o CEFET-RR é melhor. Cquote2.png
Aluno da UFRR

Roraima, escrito sem acento para deixar facultativo dizer "Roráima" ou "Rorâima", é definitivamente o estado mais isolado e mais esquecido do Brasil, superando até o mesmo o Acre, pois o simpático estado do extremo-oeste brasileiro pelo menos é relembrado por todas as teorias da conspiração sobre a sua existência, lendas e mitos que por lá acontece. Enquanto isso, Roraima todos sabem que existe e todos pretendem evitar lá o máximo possível.

História

Roraima sempre foi um território esquecido, nem mesmo os índios eram numerosos por lá. Durante a colonização da América do Sul foi um pedaço esquecido de terra. Nem portugueses, nem espanhóis, nem neerlandeses, nem britânicos e nem franceses. Nenhum conseguiu invadir o local que permaneceu inexplorado até o firmamento do Tratado de Tordesilhas, no qual Portugal fazia questão de que Roraima fosse doada aos espanhóis, os quais prontamente recusaram ao saberem que nada ganhariam tendo essa terra inóspita, e assim os dois países antes amigos entraram em guerra.

Foi então construído o Forte de São Joaquim em algum lugar desconhecido no rio Tacutu que ninguém sabe aonde fica e para onde vai, mas sua existência foi providencial, pois os soldados portugueses que lá habitavam podiam ter uma morte digna por malária, leishimaniose, febre amarela e cólera, enquanto os soldados ingleses que por alguma sandice desejavam invadir aquela região morriam todos no meio do mato igual indigentes.

Em 1943 é assinado e criado o Território Federal do Rio Branco como parte integrante do Reino do Acre, devido à conturbada época de guerra mundial o povo acriano criou uma liga reunindo todos os ambientes mais inóspitos do Brasil, incluindo o Território Federal do Amapá e o Território Federal do Guaporé com a atual Roraima como capital e nominada Rio Branco.

Em 1988 Roraima é criada oficialmente como estado brasileiro, e seu nome idiota é adotado após pegadinha dos índios que lá viviam que alegavam que "Roraima" em sua língua significava "Morro Verde", quando na verdade significava "Papagaio de Pau Duro".

Geografia

Imagens de satélite confirmam que Roraima tem um tumor maligno a nordeste.

Pouco se sabe da geografia sócio-espacial desse estado. Através de pesquisas e fotos tiradas por balões meteorológicos sabe-se que o estado é banhado pelos rios Rio Branco, Rio Negro e Solimões, Rick e Renner, Chitãozinho e Xororó. As principais montanhas da região são: O Pico da Pica, O Morro de Deus e o Monte Rurâima.

O solo da região é característico, pois é composto por 78% de radioatividade, 22% de ferro e 123% de azeite de dendê (levado por Padim Ciço há 128 anos atrás).

Clima

De acordo com o paranaense Demervaldo Batista da Silva, que é poliglota, fala vários idiomas, nasceu já sabendo ler e escrever e criador do projeto "Brasil com Irrigação", ou "Brasil Molhado", que é especialista em cultivo do arroz molhado, mandado e encabeçado por ele, ele descobriu que o aquecimento global vem do Roraima (que de acordo com ele na verdade fica do Nordeste e não do Norte). Quando os roraimenses ligam as torneiras eles acabam aquecendo o planeta todo, ou seja, a culpa de el niño e de la niña existirem é de Roraima. Por isso ele quer fazer um projeto pra mudar o clima do Brasil, que provavelmente envolverá acabar com esse sistema macabro de aquecimento global pelas torneiras de Roraima.

Economia

A principal atividade econômica do estado é a exportação de febre amarela e dengue. Porém outras atividades também se destacam, como a exportação de jagunços para os grandes centros do país, como São Paulo, Rio de Janeiro e Buenos Aires.

A Grilagem de terras como especulação imobiliária e alistamento para ser pistoleiro para defender os grileiros.

As maiores ofertas de emprego no estado são para fundamentalistas do PT, sindicalistas do MST, traficantes de animais silvestres ameaçados de extinção, traficantes das "Drogas do cerrado" e traficantes d eprodutos genéricos da Venezuela.

A moeda local são votos, mas só em época de campanha, portanto nos anos de não campanha eleitoral o PIB do estado chega próximo à zero.

Politica

O sistema político de Roraima é o eucentrismo, baseado no massacre do povo e manutenção de poucas putas e suas proles no poder.

O primeiro governador, Vmu tomá Ottomar de Souza Pinto, um descendente do mestre Yoda, governou o Estado por céculos e séculos até morrer em 2007 de uma fulminante diarreia crônica compulsiva e irrisória em Brasília (logo lá). Na prefeitura, zona mais famosa da capital, estiveram muitas putas e putos famosos e posteriormente os filhos deles e delas (deles com eles e dalas com eals também...) assumirão o poder.

De dois em dois anos o estado passa por uma disputa de poderes, onde quem pode dar mais cargos públicos, empreguinhos mixurucas, cestas básicas, telhas ou tijolos ganha. Não há votação apenas compra de voto e boca-de-urna. Afinal voto é a segunda moeda de Roraima que só é valida em dias de campanha. Depois que o cabra é eleito o voto não vale nem ma merda.

  • 2000 foi: Pinto x Jucá
  • 2002 foi: Pinto x Jucá
  • 2004 foi: Pinto x Jucá
  • 2006 foi: Pinto x Jucá
  • 2008 foi: Júnior x Jucá
  • e assim felizes para sempre...

População

Celebridade norte-americana Lindsay Lohan passeando pelas ruas de Boa Vista.

É muito famosa a hospitalidade e afetividade do povo de Roraima. Vide o exemplo da missionária católica americana Irmã Dorothy, que depois de 5 dias de estadia na região, foi morta a tiros por nativos e depois jogava às piranhas assassinas da ponte dos Macuxis, só porque ela disse o óbvio para um fazendeiro piromaníaco, de que é errado cortar árvores seculares e tal.

Gastronomia

É realmente uma cú-linária, o que existe em Roraima, totalmente feita com peixes de nomes indecentes e temperos amargos e moles, muitos semelhantes ao barro ou esperma. Os roraimenses também tem um chamego com farinha, como por exemplo o chibé.

Entre os peixes, o mais famoso é o pirarucu. Famoso por seu veneno que enloquece o ânus do indivíduo. Daí o nome pira (do verbo pirar) no-cu. O mal gosto e a falta de paladar também são características únicas desta cú-linária.

Esportes

Os esportes mais populares do estado são o hasteamento de pipa, a pesca de piranhas assassinas, o futebol em campo de terra batida e a malhação de Judas. Quanto ao futebol, o mais popular dos esportes no Brasil, o mais querido e principal time da região é o Atlético Roraima, mas só porque o mesmo parece mais um time carioca, e os roraimenses adoram dar valor a tudo que vem do Sudeste.

Lazer

Não se sabe o que os roraimenses fazem para se divertir, mas conforme análises de fotos de satélite, destruir a floresta amazônica e por fogo na mata parece ser uma diversão para eles.