São João Nepomuceno

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa
Cquote1.png Isso non ecziste! Cquote2.png
Padre Quevedo sobre São João Nepomuceno

Cquote1.png Você quis dizer: roça Cquote2.png
Google sobre São João Nepomuceno

Cquote1.png Omdi fik iÇuuuUUuu??? Cquote2.png
Internauta sobre São João Nepomuceno

Cquote1.png WTF? Cquote2.png
Você sobre São João Nepomuceno

Cquote1.png Já fui, é linda néh?!?!? Também, no Amazonas só tem cidade bonita!!! Cquote2.png
Apresentadora loira sobre São João Nepomuceno

Cquote1.png Eu moro lá Cquote2.png
Morador de lá (único que tem computador)

Cquote1.png Eu tenho um terreninho lá Cquote2.png
Edmar Moreira falando

HISTÓRIA[editar]

Como Surgiu[editar]

Há algum tempo atrás (não se sabe ao certo, mas estima-se que tenha sido entre o nascimento de Cristo e a final do BBB 8) um grupo formado pelo Coragem o Cão Covarde que fugia das aberrações que o assombrava, o Sr. Banana que conseguira escapar das garras de sua furiosa esposa e por três integrantes do MST SC SM SE e SN (Movimento dos Sem Terra, Sem Casa, Sem Mulher, Sem Emprego e Sem Nome) que estavam fugindo da Dona Benta e da Emília, após uma tentativa mal sucedida de invadir o Sítio do Pica Pau Amarelo. O grupo se escondeu em um lugar qualquer, no meio do nada e longe de tudo. Com medo de serem encontrados e capturados pelo Saci Pererê e pelo Cap. Nascimento, que participou das buscas naquela ocasião, eles permaneceram nesse local até morrerem. Por lá estabeleceram suas moradias e criaram um vínculo muito forte com aquele pedacinho de terra. Aos poucos foram surgindo as primeiras residências, feitas com tijolo de barro de fabricação manual, cobertas por folhas secas de bananeira amarradas com cipós nas estruturas feitas de bambu (moradia muito comum na cidade ainda nos dias de hoje). Dizem por aí quem é que sabe que essa "cidade" existe que a cidade também pode ter sido formada quando Edmar Moreira precisava de um lugar para colocar seu castelo... Assim se tornou o primeiro rei da "Cidade".

Atividades Econômicas[editar]

O grupo, com intuito de sobreviver, começou a desenvolver o que, por muito tempo, veio a ser a principal fonte de renda para a cidade: Tirar leite do pau. Após alguns anos como seringueiros eles começaram a cultivar café, milho, arroz, maconha, etc. Porém, o que mais rendeu lucros à cidade foram as criações de animais. Gados, porcos, ovelhas, cavalos, políticos, cobras, entre outros. Os animais foram por muito tempo a grande maioria entre os habitantes da cidade, que também tinha gente... não muita, mas tinha.

Imagens reais de São João Nepomuceno mostradas pelo Google.

Depois de décadas e mais décadas de Ordem e Progresso, a cidade começou a tomar formas urbanas. Não demorou muito (algo em torno de 40 anos) e a população já girava em torno de 12 habitantes. As características do mundo globalizado não demoraram a exercer sua influência na região, daí os moradores começaram a diversificar suas atividades comerciais e até industriais. A essa altura, os habitantes da cidade tinham as mais variadas atividades econômicas, das quais se destacam:

O famoso carnaval de São João Nepomuceno garante uma renda muito importante de R$400000000000000000000000000000000,00(que vão parar nas mãos do dono da cidade Edmar Moreira que são bem investidos em pedras na praça Carlos Alves e na poda "das moita" da praça da Matriz e da Praça do Coronel) e alguns bagulhos por dia para os vendedores de Ice e cachaça locais.

A economia de "SãoJão" baseia-se principalmente na exportação de maconha roupas, produzidas por sua gigantesca maloca fábrica denominada por nativos de ChildreeN, basicamente 99% da população da cidade, 10 enormes gordas e 1 morena um pouco acima do peso com a barriga de fora achando que está arrasando, trabalham lá e ficam satisfeitas com seu incrível salário de 20 cruzeiros por dia.

A 1ª Indústria do interior de Minas Gerais a fabricar tarraxa para sola de Sapatos de Couro de Lagartixa voltados para as classes X, Y e Z da sociedade subdesenvolvida das regiões mais pobres do sertão do Estado;

E por ser a 2ª Cidade brasileira (só perde pra Juiz de Fora – que inclusive é mais rica que São João Nepomuceno apenas por receber o lixo que vem do Rio de Janeiro e revende-lo para seus próprios moradores) a ter mão de obra especializada na fabricação artesanal de meios de transporte puxado por animais de força. Porém, após anos e anos fabricando (e puxando) essas carroças, os moradores descobriram que já existia a roda, ou seja, essa atividade não durou muito tempo.
Hoje, São João Nepomuceno já é considerada uma "Cidade" Gran... não, não... "Cidade" Méd... também não, seria uma "Cidade" Peque... não, acho que não, seria o Fim do Mundo onde fica o Castelo de Edmar Moreira um pequeno lugarejo . Enfim, já é considerada uma CIDADE, e se você quiser visita-la, basta pegar uma das excelentes estradas do interior de minas, ela fica logo depois das Picas (outra grande cidade de Minas), bem próximo do Rego Novo.

Pontos Turísticos[editar]

Praça do Coronel: Point mais badalado da cidade, sendo o lugar ideal para se informar (entende-se: fofoca, escândalos da vida alheia, quem está com quem, quem traiu quem, e por aí vai), se fartar com o famoso sanduba do Nogueira(que demora dois dias e meio para ficar pronto) ou cair pelas tabelas no Bar do Wilsinho(que por sinal, usa 4 grades de cerva e uma madeira de balcão desde que abriu!).

Bar do Zezinho Pasteleiro: Indiscutivelmente o melhor torresmo da cidade!, Que esta amarado em um barbante por mais de 100 anos, dizem que o Imperador Dom Pedro II já lambeu o mesmo.

Clube Operário: Lugar de gente bonita e simpática, apresentando, quase todos os finais de semana, o melhor da música local: André, Leandro e Léo, Coração Sertanejo, Alan e Alisson, Marmita e Marmota, Wander e Girardi Comichão e Coçadinha

Calçadão: Local onde existem os melhores 1,99 do planeta,vale a pena conferir.

Colina do amor: Um bom local,escondido e operacional para se "safar" depois de uma das festas cidade

Moradores Ilustres[editar]

Muitas personalidades da história mundial passaram por São João Nepomuceno, inclusive, dizem que por lá andam Osama Bin Laden, PC Farias (que na verdade não morreu). Mas eles não são os únicos ícones da sociedade São Joaninhaense, muitos outros nasceram e alguns ainda moram na região. São Eles:

Atleta Sensacional: esse é um cara muito importante para o Brasil, um herói do atletismo nacional (que dirá mundial) do qual o nome não me veio à cabeça no momento;

A Vaca: Ex-craque do Tabajara Futebol Clube;

Marmita e Marmota: dupla sertaneja que fez muito sucesso no Brasil... lembra deles???

Não podemos esuqecer de QUIRINO o maior da tobas da cidade!

Prefeito convoca reunião com todos os moradores da cidade.

Charles Chaplin: Prefeito da cidade que só aparece como tal nos Carnavais, nas demais épocas do ano ele se fantasia de político.

Toninho Bebum: aquele que ficou bêbado no Bloco do Barriu e jogou truco valendo o tobas. Só de curiosidade... ele perdeu! Hahahahahaha (se ainda não conhece a história dele pesquise no YouTube por: “Truco valendo tobas”. É comovente).

Rambo: mora lá desde quando tudo era mato... o que não faz muito tempo!

Joseph Climber: Âãhnn, thô holtando!!!

Gluglu: "Humorista" do show do Tom que nasceu lá e não gosta de assumir

Infra-estrutura[editar]

Como diz o prefeito Charles Chaplin em seu slogan de campanha “VOCÊ PODE NÃO ESTAR VENDO, MAS SÃO JOÃO ESTÁ CRESCENDO!!!OU NÃOOOO, a cidade é vista como um exemplo na área do desenvolvimento sustentável e dos investimentos em infra-estrutura. Atualmente a prefeitura tem dedicado ao projeto de implantação da mais nova descoberta do povo São Joaninhaense... o ASFALTO. Outro ponto forte também fica no ramo do transporte, que se trata da incrível frota da prefeitura e dos demais órgãos públicos da cidade (são mais de 3 fuscas funcionando e outros 2 destruídos em acidentes que resultaram em perda total). Obs.: o Nescau é o motorista da prefeitura, mas ele jura não ter culpa nos acidentes. Outro projeto social implantado pelo prefeito e tendo como principal colaborador o Presidente Lula (você quis dizer Mula?, o homem mais burro, mentiroso, fanfarrão e safado do Brasil)... foi o cede Zero (adivinhem quem sugeriu o nome???), que consiste em distribuir cachaça de graça para a população da cidade. Juntos eles desenvolveram, planejaram, implantaram e testaram (essa foi a parte em que o Lula mais contribui) e agora o projeto é um sucesso, porém é muito conhecido na região por outro nome: “Bloco do Barril”.

Hino[editar]

É tão bonito que foi usado pela Rede Globo como tema de uma das suas excelentes novelas da 6. Na ocasião, cantada por Sandy e Júnior:

Era uma vez...
Um lugarzinho no meio do nada
Com sabor de chocolate,
Cheiro de terra molhada!!!
Autores: Marmita e Marmota.

Outras Curiosidades[editar]

  • É um dos melhores carnavais do Brasil. Por dois motivos:
Jeremias pronto para o Bloco do Barril.
  1. Tem o “Bloco do Barril”... aquele que dá cachaça de graça pra todo mundo.
  2. Num sei... sempre fico bêbado e acabo não vendo mais nada.
  • Recentemente, foram construídas modernas instalações públicas com o intuito de proporcionar conforto à população e turistas, são elas:
  1. Uma linda banheira, cercada de um belo jardim, nas redondezas da Rodoviária. Todos podem se deliciar com um gostoso banho antes de seguir viagem em uma das mais bem equipadas viações automotivas: a Passamal.
  2. Com um design contemporâneo e minimalista,duchas pedras importadas jorram água na Praça Carlos Alves.
  • Nesta cidade foi construída a primeira escola presidio, onde os alunos já vão habituando com essa vida antes de formar.