São João da Lagoa

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa
Gnome-searchtool blue.png São João da Lagoa é uma pequena cidade desconhecida.
Você pode estar perdendo seu tempo à-toa ao ler sobre essa joça.
Como conseguiu internet nesse buraco?

Sciences de la terre.svg.png


São João da Lagoa é, literalmente, um arraial ou até menos que isso considerando que até mesmo um arraial tem mais alfabetizados do que São João da Lagoa.

História[editar]

São João da Lagoa não foi fundada, era só um bairro de uma cidade cafetão qualquer. Aquela parte da cidade era já considerada um fim de mundo no fim de mundo. É fato que todas as cidades do norte mineiro tenham essa mania de dizer que a sua cidade foi onde judas perdeu as botas ou onde o vento faz a curva mas na realidade ninguém nunca foi para o Amapá para saber o que é uma cidade realmente pequena e chata.

O município surgiu depois que o dono de um pesque-pague fez uma pesquisa: ele dava bebidas para os bêbados do bar e os faziam assinar um abaixo-assinado para emancipar São João da Lagoa do município cafetão de São João da Lagoa que o detinha como distrito. No fim, só mesmo bem bêbado para assinar.

Apesar de tudo, o papel que o dono do pesque pague tinha mandando para emancipar a cidade parecia mais um trabalho de jardim de infância a uma carta de emancipação de um município. Eles escolheram um nome bem grotesco que lembrasse sobre o dono do pesque-pague e então o município se separa.

Hoje, ele ruma ao status "vila de fofoqueiras", depois disso é "cidade fantasma" ou "milharal habitado".

Geografia[editar]

Todo e qualquer dado tirado de São João da Lagoa é uma obra de ficção para tentar provar sua existência, (além do alto índice de analfabetismo e de o prefeito passar o dia inteiro coçando o saco na varanda e só dar as caras na prefeitura para pegar a parte dele que nem dele é, é do povo, mas quem disse que analfabeto se importa com isso, certo?) e a pessoa que aprendeu a escrever e a ler virou o contador do município e virou um dos cidadãos ilustres do município com direito a escolher as melhores odaliscas regionais (de São João da Lagoa, isso mesmo... Que merda hein?).

O contador negou humildemente essa proposta pois se a mais bonita tinha perdido "só" 12 dentes imagine a mais feia. Talvez por isso o governo de minas gerais evite comprovar a existência de São João da Lagoa, ia ser muita merda em um dia só para o mundo e isso ia acabar com a moral do governo mineiro.

Enfim, abaixo está uma contagem feita pelo contador do município sobre São João da Lagoa:

  • População: 5 mil e... FIQUEM PARADOS PORRA!
    • Homens: Tirando os travestis, 2, eu e o prefeito (enrustido)
    • Mulheres: Prefiro não comentar....
    • Extraterrestres: A família Moura, Bernardo e Silva são tudo ETs... Ao menos o que eu ouvi falar.
    • Chances de alguém se lembrar de São João da Lagoa: 0,001% para ser generoso)
    • Analfabetismo: 306%

Administração[editar]

São João da Lagoa foi premiada por conseguir colocar no poder um Bode, isso porque para emancipar a cidade eles tiveram que contar os animais de uma fazenda. O Bode ganhou título de eleitor e escolheu se candidatar. Há 20 anos é, segundo o povo, o melhor prefeito que o município teve e está planejado para o seu filho, Bode Junior, o substituir na próxima candidatura.