Século XIX

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa
Este artigo é relacionado à história.

Não entre na Cortina de Ferro!

Hitler e Alien.jpg

O século XIX (“XIX” significa dezenove, foi marcado por muitos marcadores de texto no meu livro de história afloramentos sociais, sobretudo na Europa. Foi uma era de revolução, acerca da qual as pessoas iam às ruas reivindicar seus direitos, urinar nas calçadas e, se tivesse um matinho por perto, chamar a cegonha. Foi no século XIX que aconteceu a segunda revolução industrial e o imperialismo, onde a industria se revoltou e começou a imperar no mundo, ou não. No século XIX, as pessoas eram bem loucas como se não fossem loucas o tempo todo, aff e tinham um apetite voraz pelos conhecimentos. Nesse tempo, ainda cagava-se no canto da casa, ficando aquele maravilhoso cheiro da união que faz o açúcar de todas as pessoas na alegria e na tristeza.

No Mundo[editar]

Religião[editar]

A igreja católica iniciou o período áureo da inquisição, que era um “carinho gostoso” que os hereges (pessoas que tinham herança) recebiam por suas confissões de homossexualidade. A inquisição foi mais forte no século XIX porque aquelas pessoas que protestavam, os protestantes, começaram a protestar (ORLY?). Como as pessoas estavam protestando muito e não queriam trabalhar, a igreja católica, por meio da inquisição, sobretudo a inquisição espanhola (aquela mulher que dança com castanhola, ou não) bateu no bumbum dos menininhos revoltadinhos. Três frentes de protesto dos protestantes que protestavam se formaram. A primeira frente e a inaugural é de Martinho Lutero. Essa personalidade simplesmente inventou o protestantismo que protestava chamado de luteranismo e começou a protestar, ele era bispo da igreja católica, mas como começou a protestar ele saiu e protestou mais ainda. O Calvinismo já é um protesto mais protestado. Ele ia de encontro ao princípio do não-lucro da igreja católica, protestando assim, o protestado lucro que a burguesia estava de olho já faz tempo. A protestante igreja anglicana é uma esperteza de Henrique VIII, que quis casar com outra mulher, e ele protestou com a igreja católica protestando contra ele. O protestantismo, na verdade, é um protesto de gente protestando para protestar contra coisas que são protestáveis, sobretudo da Igreja católica que protesta na forma da Inquisição, que prot... PORRA DE PROTESTO, PROTESTO, PROTESTO TODA HORA, CARALHO! TÁ CHATO! VAI TOMAR NO CU.

Ciência[editar]

O cientificismo foi um Marco Nanini para o pensamento da época, sobretudo com o positivismo (pensamento em que as pessoas eram mais positivas e cada vez mais positivas para tentar ganhar alguma coisa com a vida) que por sua vez, tem o determinismo que determinava quem era o mais legal e quem era o mais chato do tópico de uma comunidade qualquer do Orkut. Os pressupostos para o determinismo era que o homem é produto do meio (se 2x2=4, 4x2=16 e 16x2=32, então o produto do meio é 16) da raça (se ele é raçudo ou não) e do momento histórico (no momento que você pega no livro de história). Nesse século, retardados pensadores como Karl Marx, Frederick Nietzsche, Adam Smith, Charles Darwin, entre outros, foram a garantia de grandes piadas discussões na época. Karl Marx foi um grande revolucionário piadista da época. Ele acreditava numa tal de revolução socialista que até agora só conseguiu criar a Reversal Russa, uma das maiores piadas inventadas desse século. Nietzsche foi outro pensador louco, morreu se passando por uma cadela e por fim se matou. Curioso, não? Adam Smith foi o cara que inventou as lojas Smith e também o Adam Sandler. Ele defendia um mundo mais liberal. Para ele o liberalismo era algo a ser alcançado. Todos os homens deviam liberar geral, uma vez que o liberalismo estava para a descoberta de gays enrustidos. Charles Darwin foi o cara que inventou o ateísmo. A teoria da evolução das espécies dizia que a espécie masculina era muito superior a espécie feminina, e estava muito certo disso, uma vez que as mulheres são inferiores em tudo dos homens. Menos na capacidade de passar a porra da cera quente na perna. Ô caralho que dói.

Economia[editar]

A economia desse século é sobretudo capitalista. Ela estava ligada principalmente às capitais dos países, e dos Estados, sendo que se não soubesse de nenhum deles, a professora malvada vinha com uma palmatória de madeira e ia bater na mão dos pirralhos até eles chorarem feito bebês. O antigo regime foi substituído pela nova revolução industrial, que era tardia. hhiiihihihihi

Primavera dos Povos[editar]

A Primavera dos Povos foi a primavera mais florida e mais bonita de todos os filmes de Hollywood já viu. Fora pessoas que não tinham nada pra fazer que começassem a falar um monte de besteira e fizeram uma revolução daorinha e depois foram tomar leite e dormir feito bebês. A primavera dos povos foi na verdade uma pequena formação de intelectuais loucos que estavam procurando emprego e o governo não dava. Foi uma idiotice na verdade. Mais que foi bonita, isso foi.

Brasil[editar]

No Brasil, o século XIX foi marcado pela escravidão, já que faltavam cravos nessa época, mas, fale a verdade, quem gosta dessa porra de cravo é um fudido. Os senhores de engenho, eram pessoas muito malvadas que maltratavam os pobres, eles foram os primeiros moderadores malvados que acabaram por deixar muita gente banida. Eles eram fazendeiros que plantavam cana-de-açúcar ou café. O café era a maior especiaria que o Brasil já produziu. Ele ajudava nerds punheteiros a ficar acordado horas e horas fazendo porra nenhuma e assistindo séries como Lost na Globo que passa tarde pra caralho só pra no fim descobrir que são escolhidos de uma merda de ilha para taparem o cu a passagem do bem e do mal. O café é uma dorga. Na verdade é uma dorga mesmo, além de ter cafeína ela só presta meio quente e ele engana as pessoas, pois seu aroma é um dos melhores, no entanto o gosto não corresponde. No entanto uns viciados em café vão mandar reclamações para a desciclopédia acerca desse artigo mas eu quero é que se foda então edite o artigo para ficar melhor. A cana-de-açúcar é a coisa que dá o açúcar. Entenda, estou duvidando de sua capacidade intelectual de entender o que é cana-de-açúcar. Foi a época da decadência desse bagulho no nordeste, dando lugar ao ouro da mineração. A mineração foi obra de mineiros que vinham de todos os lugares possíveis no Brasil só para que quando chegassem em Minas Gerais eles tinham que conseguir ouro. Eles pagavam impostos para o governo que na época não tinha corrupção e era muito legal (ORLY?). Esse fenômeno chamado de Corrida do Ouro foi uma merda, porque as pessoas tinham que correr pra caralho e chegar e garimpar ouro uma grande parte que era tudo destinado ao governo português. Nesse século aconteceu o Bloqueio Continental, onde Napoleão Bonaparte bloqueou seu ventre e também o comércio da Inglaterra, propiciando que a família real viesse para o Brasil, com muita putaria, onde D. João VI veio com sua esposa que gostava de dar Carlota Joaquina para o Rio de Janeiro, pegar uns afro-descendentes e dançar samba. O seu filho D. Pedro I fez o Brasil ficar independente e seu filho D. Pedro II ganhou a guerra do Paraguai contra a pirataria. Aconteceram ainda coisas muito mais interessantes que agora eu não me lembro. Você, idiota tem que colocá-las ou senão será só mais um idiota ainda.

Séculos d.C.
I - II - III - IV - V - VI - VII - VIII - IX - X - XI - XII - XIII - XIV - XV - XVI - XVII - XVIII - XIX - XX - XXI