Sítio de Fósseis de Chengjiang

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa
Este artigo é um
Patrimônio Mundial da Humanidade.

Pode ser uma ruína, uma cidade
de merda, um matagal abandonado,
mas está protegido!

World Heritage Site logo.png

Leitura recomendada apenas para
pessoas com cultura.

A UNESCO monitora este artigo.


Sítio de Fósseis de Chengjiang é um grande conjunto de rochas contendo fósseis de pokémons do tipo água da época do cambriano.

Chengjiang[editar]

Kabutops, o mais ilustre fóssil de Chengjiang.

Chengjiang é apenas um dos distritos da cidade de Yuxi, tinha tudo para ser apenas um beco sem importância da China cheio de comedores de arroz que trabalham apertando parafusos de bicicletas, mas um dia alguém descobriu fósseis de minhocuçus bem conservados, é verdade que eles foram usados para servir de apoio para pé de uma mesa torta e consequentemente gastos e perdidos, mas haviam outros fósseis a serem escavados na região.

O Professor Hou Xian-guang XinXou Xing Ling foi o responsável pela descoberta de todos outros fósseis. Como podemos perceber, ele era uma pessoa bem desocupada para ir cavar nas rochas desse fim de mundo a procura de esqueletos bem preservados de lombrigas-do-cambriano.

Fósseis[editar]

Os fósseis de Chengjiang são uma grande variedade de organismos em raro bom estado que representam toda a variedade de vida bizarra que surgiu durante o período cambriano, em especial o Pikachu, ser que daria origem a todos outros chineses.

A coleção catalogada inclui 196 enigmáticas espécies de antigos pokémons, digimons, backyardigans e smurfs, vertebrados, invertebrados e semi-vertebrados, de todas cores.

Há ainda nessas escavações relíquias da história geológica da Terra, tudo obsoleto mas que de certa forma simbolizam a história do planeta, como consoles Sega Saturn, discos de vinil de death metal escandinavo, editores da Wikipédia, o primeiro namorado que tirou a virgindade da Hebe Camargo e uma verruga perdida do Oscar Niemeyer.