SAAB

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
(Redirecionado de Saab)
Ir para: navegação, pesquisa
Stockholm(1).jpg
STOR SVENSK KUNGARIKE!!

Este artigo é sueco! Ele foi embalado pela Tetra Pak, dirige um Volvo e tem um Ericsson. O autor provavelmente é um loiro holmiano que financia a Fundação Nobel.

Alguém quer pyttipanna com mostarda?


SAAB faliu!
Graficozero.JPG
Cows1.jpg

Nem a RTP paga suas dívidas!

Clique aqui pra ver quem mais ficou no vermelho

Wikisplode.gif
A nossa sátira autorizada, a Wikipédia, tem um artigo sobre: SAAB.

Cquote1.pngVocê quis dizer: ScaniaCquote2.png
Google sobre SAAB
Cquote1.pngVocê quis dizer: ABBACquote2.png
Google sobre SAAB
Cquote1.png Que porra é essa? Cquote2.png
Kyle Broflovski sobre SAAB

A Saab (sigla para o sueco Svenska Aeroplan AktieBolaget sei lá o que significa traduzido) é uma empresa sueca de aviões, e mais tarde, que começou a fabricar carros. Controla também a Scania, marca de caminhões.

Um SAAB sendo estuprado por um alce.

Tabela de conteúdo

[editar] História

A Saab planejando um atentado terrorista com seus misseís.

Fabricava aviões caça, e mais tarde, na década de 1940, no fim da Segunda Guerra Mundial, começou a querer diversificar seus negócios e começou a produzir automóveis. A SAAB poderia ajudar muito a Suécia na Segunda Guerra Mundial com seus poderosos e modernos caças, mas teve o azar de ser criada justo num país neutro e que por ser certinho demais não se envolve em guerras.
A Saab vendia seus aviões pra outros países também. Seus caças são considerados os mais modernos, e mais caros consequentemente. Com os caminhões, a Scania também fabrica os melhores, mas que são quase inviáveis. Com os carros, isso é diferente, são caros pra cacete também, mas a qualidade é péssima, sabe-se lá o porquê de custarem tão caro malditos suecos gananciosos.
No setor automobilístico (ou "carroçístico" no caso), a Saab sempre teve uma tradição de batizar seus automóveis e caminhões com nomes dos projetos de seus aviões. O primeiro carro feito pela Saab se chamou 92, e foi produzido a partir de 1945. Tinha 25 cavalos e velocidade máxima de 100 quilômetros por hora , o mais rápido Saab já produzido.

Um Saab 9-5.

[editar] Automóveis

Seria esse o Saab 9-5 SportCombi?

A Saab produz atualmente apenas 3 modelos (excluindo suas variações): o 9-3, o 9-5 e o 9-7X. O 9-3 é da linha de entrada da marca, um carro compacto, e que divide a plataforma com o Chevrolet Malibu (só de dividir com um Chevrolet, já é mau sinal). Ele concorre com modelos como o Volvo S40 e Audi A4, mas consegue ser mais vagabundo e mais caro. O 9-5 é da linha intermediária, com tamanho de BMW Série 5, mas mesmo assim, bem inferior. Pelo menos é mais barato para compensar. Já o 9-7X, cuja sigla X vem de sexo significa que ele é um SUV. Ele sairá de linha esse ano, pois sua plataforma, dividida com o Chevrolet TrailBlazer, é muito antiquada.
Os modelos 9-3 e 9-5 tem as versões SportCombi e Aero. O SportCombi se trata da versão station-wagon - pra você que não entende nada de carro, é o vulgo perua, comparando-se à Palio Weekend e Parati - desses modelos, enquanto os Aeros são a versão esportiva. No 9-3, há ainda a versão cabriolet, que é a conversível.

[editar] Futuros modelos

Um Saab comendo merda.

Em 2011 (se conseguir sobreviver), a Saab planeja lançar o SAAB 9-1, um compacto pra concorrer com o Volvo C30, Audi A3, Mercedes CLC e BMW Série 1. Além do pequeno compacto, a SAAB planeja lançar o 9-4X, um SUV mais compacto também, para tirar o pré-histórico 9-7X de linha e concorrer com o moderníssimo Volvo XC60 (concorrência entre suecos), Mercedes GLK, BMW X3 e Audi Q5.

Dois Saabs se beijando.

[editar] Scania

A Saab ainda controla a Scania AB, marca também sueca de caminhões. A Scania vem da região com o mesmo nome, no sudoeste da Suécia. A Scania foi fundada em 1900 e guaraná com rolha. A Saab começou a controlar a Scania em 1969. Em 2008, a Volkswagen numa esperta jogada, comprou 68,60% das ações da Scania, passando a lucrar mais que a própria Saab com a Scania.

Um Scania em ótimo estado.

[editar] Saab e a crise

O novo SAAB 9-4X.

A SAAB era controlada pela General Motors, que exercia seu império de carros malditos com motor V8 extremamente beberrões e poluidores. Com a falência da GM, a SAAB se livrou de se ferrar junto e iria ser comprada pela também sueca Koenigsegg (maldita língua sueca difícil pra cacete), uma fábrica de super-esportivos, com a ajuda de um fabricante chinês (igualmente ganancioso), a Beijing Auto (vulgo BAIC). Como a GM é escrotamente gananciosa, pediu um valor absurdo pela SAAB, e a Koenihgaofnbafmpadfkls não sei das quantas desistiu de levar sua compatriota. Quando a marca já era dada como extinta e o suecos desesperados com o fim de sua odiada amada marca batendo à porta começando a jogar os carros nos mares congelados do norte da Suécia, a Spyker, empresa de veículos super-mega-ultra esportivos (uma das grandes concorrentes da Koenig... deixa pra lá) resolve pagar o preço que a gananciosa e escrota GM queria, reservando um futuro promissor à quase completamente fudida SAAB. Serão lançados o novo 9-5, o 9-4X (um SUV compacto) e o 9-1, um carro minúsculo que vai vir com motores BMW. E a maior desgraça a melhor notícia: a SAAB virá para o Brasil!! Ainda estão atrás do distribuidor, mas desde que não seja a mentirosa CAOA, o mercado brasileiro só tem a ganhar.

Típico sonho de consumo da classe média.
Típico sonho de consumo da classe baixa.
SAAB é um carro.

♫ Não é homem, não é nada, mulher gosta é de carro... ♫

Ele queima óleo, suja sua garagem, solta fumaça e sempre te deixa na mão no meio da estrada!!
v d e h
*Automóveis, atropelamento e fuga

Ferramentas pessoais
Ver e modificar namespaces

Variantes
Visualizações
Ações
Navegação
Colaboração
Votações
(F)Utilidades
Novidades
Redes sociais
Correlatos
Ferramentas
Outras línguas