San José (Estados Unidos)

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa

San José é um grande bairro latino de San Francisco, oficialmente mais uma cidade de nome castelhano na Califórnia, é um grande pedaço que foi vendido para a Costa Rica em troca do Canal do Panamá.

História[editar]

Um cidadão típico de San José.

San José surgiu em 1777 fundada por espanhóis que visaram as terras férteis locais para plantar nabos, rabanetes e inhames para sustentar os militares que tomaram Nueva California.

A pequena cidade atravessou vários anos com nenhum acontecimento notório até 1860 quando foi vendida para os costarriquenhos em manobra dos Estados Confederados da América para diminuir os aliados dos mexicanos que incomodavam na guerra no Texas.

Em 1979 adotou oficialmente o nome San José, com o acento agudo, como confirmação da dominação latina da cidade.

Atualmente é uma das maiores cidades da California e dos Estados Unidos graças à imensa imigração ilegal de mexicanos, brasileiros e costarriquenhos com a falsa esperança de que lá é algum lugar melhor que qualquer favela no Brasil.

Economia[editar]

San José está localizada no reconhecido Vale do Silicone da Califórnia, zona que abriga as sedes das mais influentes indústrias do cinema pornográfico, sex shops e próteses de silicone.

Destaca-se pela grande importação de marijuana e filmes pornográficos gays.

San José é também a sede do eBay, o maior site de troca de muambas do mundo.

População[editar]

San José possui 900 mil habitantes, apesar de na verdade serem mais de 3 milhões (porque eles não contam as favelas infestadas de latinos). Entre os principais grupos encontrados na cidade estão os surfistas (mesmo não tendo praia), artistas em decadência, estrelas pornôs, punks, lésbicas, imigrantes ilegais dos mais variados tipos e "turistas' de Tijuana que com certeza vão acabar ficando por ali.

Cultura[editar]

San José sofre grande influência da cultura libertina e gay de San Francisco. Entre as práticas culturais locais está a de passar as tardes de sábado sem fazer porra nenhuma e escutar Hotel California umas 10 vezes no rádio.