Sandy Summers

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa
Esta página se adequa à Nova Política de Conteúdo Sexual.
Conteúdo impróprio para menores de 18 anos! Tirem as crianças da sala! Este artigo tem conteúdo impróprio para menores!
Este artigo pode conter pornografia pesada ou leve. De preferência, leia-o de olhos fechados...

Se ele estiver cometendo uma infração à Política de Conteúdo Sexual, por favor, reporte à moderação.
Sandra Larosa Summers
Sandy summers.jpg
Sandy Summers com os peitos derretidos por causa do calor
Nascimento 28 de abril de 1986
Bandeira do Brasil Brasil - Lages
Ocupação puta

Sandy Summers é uma puta paga que, embora tenha nascido em Santa Catarina, não é lá muito conhecida pelos brasileiros, já que mora há anos nos Estados Unidos e a maioria de seus trabalhos foram direcionados para os punheteiros gringos. Atualmente, inspirou-se na Xuxa, aproveitando que ambas têm uma certa semelhança por serem loiras burras nativas dos Estados Unidos do Sul, e fundou um canal no YouTube direcionado às crianças.

Juventude[editar]

Durante a infância, a pequena Daiane de Jesus adorava ler histórias em quadrinhos, principalmente de super-heróis. Quando ganhou um gibi dos X-Men, desenvolveu uma obssessão doentia por Scott Summers, o Ciclope, e assim como muita guria retardada costuma fazer para homenagear seu ídolo, deixou o sobrenome verdadeiro de lado e passou a assinar com o do personagem. Além disso, era muito fã de Sandy e Junior, especialmente da Sandy, já que é lésbica, então logo abdicou também do primeiro nome e passou a se chamar Sandy Summers, que na mente tosca dela era uma espécie de identidade secreta.

Carreira[editar]

Começou trabalhando como modelo, tendo como objetivo juntar bastante dinheiro para viajar à Terra do Tio Sam e conhecer o Ciclope de verdade, que ela pensava realmente existir. Foi capa da revista onanística Penthouse, o que lhe trouxe reconhecimento mundial e a fez conquistar o sonho de conhecer o exterior. Porém, a grana deu apenas para comprar a passagem de ida, e como não podia voltar, Summers acabou ficando por lá mesmo, onde arrumou emprego de prostituta para conseguir bancar sua estadia. Não demorou muito para que saltasse da prostituição ao cinema pornográfico, que nem são profissões tão diferentes assim. Sua estreia oficial como atriz pornô foi em 2006, sendo que no ano seguinte já fundou seu próprio site oficial e começou a lucrar mais com isso do que atuando em filmes.

YouTube e aposentadoria[editar]

Em 2011, quando já estava toda assada e sem pregas, resolveu se aposentar da pornografia e arrumar uma ocupação em que não precisasse dar tão duro, literalmente, para conseguir ganhar a vida. A solução então foi abandonar seu nome de guerra e tentar camuflar suas origens profanas através de um canal no YouTube em que grava vídeos tirando brinquedos eróticos das embalagens e descrevendo os mesmos. Por mais babaca que isso pareça, Summers lucra horrores com essa joça, que é seu atual ganha-pão e um dos mais bem sucedidos canais do YouTube em todo o mundo.