Sara Carbonero

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa
ESTE ARTIGO É SOBRE UMA GOSTOSA!!

Ela provavelmente não sabe atuar, dançar, cantar, desfilar, praticar esportes, fazer cálculos matemáticos ou qualquer coisa de útil para a humanidade. Mas quem liga? Todo mundo a conhece apenas porque ela é uma baita duma

GOSTOSA

Ruiva na piscina.jpg
Sara Carbonero, a espanhola que todo mundo gosta.

Sara Carbonero (3 de fevereiro de 1984) é uma repórter gostosa, que é praticamente uma Renata Fan da Espanha. Apesar de ser uma boa repórter (muito boa, diga-se de passagem), Sara Carbonero apenas ficou conhecida mundialmente porque, junto com Larissa Riquelme, foi uma das principais marias chuteira da Copa do Mundo de 2010, sendo a namorada de Iker Casillas. Por conta desse namoro, Sara Carbonero quase fudeu com a Seleção Espanhola de Futebol, pois os seus atributos tiravam a concentração de seu namorado.

Mitos da Copa[editar]

Inacreditavelmente, a Espanha ganhou a copa graças ao BOPE espanhol, que capturou Sara Carbonero para que Casillas não batesse punheta durante a final, e ficasse com as mãos livres para defender o gol de sua equipe. Assim que acabou o jogo, Sara foi libertada e deu um beijaço em Casillas, que, de tão marcante, entrou para os anais da história futebolística mundial.

O beijo[editar]

Ó cara sortudo, esse Casillas!

O beijo aconteceu resumidamente em poucas palavras:

Sara: Como foi este jogo Casillas?

Casillas: Foi muito bom... tenho que ir

Beijo

Sara: Bom, é isso.

A moda pega[editar]

Com o beijo a moda rodou e uma puta réporter argentina tentou fazer a mesma coisa com um outro jogador espanhol no mesmo dia, só que a resposta do gayzinho foi: Eu sou gay Você não faz o meu tipo. Eu apenas gosto de franceses, miga!!

Ver também[editar]