Sasha (Saint Seiya)

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa
Mafiapre.jpg PORCA MISÉRIA!!

Questo articolo è 100% made in Italia ed è sotto il controllo di Cosa Nostra! Perciò sta' bene attento a dove metti le tue manacce zozze o i nostri amici verranno a casa tua per spezzarti le gambine!


LadyDeath.jpg Este artigo trata de uma Hentai Girl

Ela é gostosa, mas nón ecziste. Ela participa de algum desenho, jogo ou quadrinhos e já teve que fugir de tentáculos.


Sasha

Atena armadura.jpg

Classificação Deusa
Cavaleiro
Deus a que serve Athena (óbvio)
Armadura Divina de Athena
Golpes Bom, ela chora muito...
Perfil
Nacionalidade Italiana
Local de Treinamento Santuário de Athena
Nascimento Ninguém se importa em saber
Frase Favorita "Tenma!"


Cquote1.png Você quis dizer: Yuria? Cquote2.png
Google sobre Sasha (Saint Seiya)
Cquote1.png Você quis dizer: Sasha? Cquote2.png
Google sobre Sasha (Saint Seiya)
Cquote1.png Experimente também: Xuxa Cquote2.png
Sugestão do Google para Sasha (Saint Seiya)
Cquote1.png Experimente também: Alone Cquote2.png
Sugestão do Google para Sasha (Saint Seiya)
Cquote1.png Sashaaaaaaaaaaaaaa! Cquote2.png
Tenma de Pégaso sobre Sasha
Cquote1.png Athena, quanto tempo! Cquote2.png
Alone (após virar Hades) sobre Sasha
Cquote1.png Filhinha! Cquote2.png
Xuxa sobre Sasha
Cquote1.png Elas faz umas "senas" legais! Cquote2.png
Sasha sobre sua xará

Apresentação[editar]

Sasha fazendo propaganda da série que lhe dá sustento.

Presente no anime/mangá Saint Seiya: The Lost Canvas, de criação de Masami Kurumada com mais uma escritora secundária e que não me lembro o nome agora (já que ela é menos importante que Masami), Sasha é uma deusa olímpica, filha de Xuxa e Luciano Szafir, que foi abandonada pelos pais quando ainda era pequena, junto com o seu irmão Alone, em algum canto de uma cidade italiana qualquer e sem nenhum importância.

Ela é nada mais e nada menos do que a própria reencarnação divina da Deusa Atena, que volta à Terra a cada 243 anos, para enfrentar o seu tio, Hades, que sempre lhe tenta roubar o domínio sobre o Planeta Azul. Assim como a sua sucessora, que foi apresentada muito antes do que ela, Sasha apresenta os mesmos trejeitos da mesma, ou seja: tem cabelo roxo, é uma hentai girl, se apaixona pelo Cavaleiro de Bronze de Pégasuso, chora mais do que cozinheiro descascando um saco de cebola e nunca luta em uma batalha, preferindo sacrificar os seus Cavaleiros para isso.

A família[editar]

Sasha nos seus tempos de pobre criança. Tão kawaii!

Nascida na Itália, comendo somente pizza e macarronada (isso quando sobrava alguma coisa no lixo das casas ricas em que ela vasculhava a procura de pelo menos um pedaço de pão), Sasha cresceu em meio a pobreza, junto de seu irmão, pintor de quadros, e futura reencarnação divina de Hades, Alone. Para que não morresse de fome, juntou-se com outros grupos de moleques de rua e formaram uma pequena gangue, que fazia o terror nesse pacata cidade italiana que ainda ninguém descobriu qual é (se bem que também pouco interessa).

Infelizmente, a cidade era ainda mais pobre do que os garotos de rua (WTF?) e nem sempre eles tinham o que roubar colocar na boca a não ser as próprias unhas roídas. A população da cidade, com pena dos pequenos, lhes deu uma simples choupana como moradia de um programa do governo italiano, tal qual tinha a Marimar na beira do mar (se bem que a dos garotos era próxima a um córrego, mas pelo menos água não faltaria). Com o tempo, mais crianças foram aparecendo, sendo no total umas cinco, contando com Alone e Sasha, que passaram a ser como os pais das crianças.

O Papai, a Mamãe e o Cunhado mala. Tudo em família.

Em um determinado momento, Sasha conheceu Tenma, um jovem rapaz também pobre, humilde, órfão e lazarento, que vagava sem rumo por aquela cidade. Ela o convidou para morar com eles, já que se interessou pelos olhos do rapaz e o jeito de bad boy que ele tinha, pois Sasha sempre gostou de um homem malvadão. Ao chegar com ele em casa, Sasha o apresentou a todos da "família", mas quem realmente pareceu se interessar pelo rapaz foi Alone, que ficou vidrado nos olhos do moço, de um vermelho radiante e forte (ui!).

A mocinha não curtiu nenhum pouco esse fato, mas deixou-se ficar quieta, já que também adorava fazer um ménage à trois e não tinha nenhum problemas com relações incestuosas, já que ela não estava em uma posição de decidir nada. Porém, o tempo foi passando e mais Alone e Tenma foram ficando juntos, deixando Sasha como uma personagem secundária no anime, até o dia em que apareceu um cara na choupana das crianças, pedindo para falar com Sasha e lhe oferecendo uma oferta irrecusável.

A Reencarnação de Athena[editar]

Quem ia imaginar que ela ia crescer e virar essa bela hentai girl?

Vindo de muito longe, mais exatamente da Grécia, Sísifo de Sagitário, um Cavaleiro de Ouro, encontrou na Itália o que tanto buscava no mundo inteiro, a jovem mocinha que seria a reencarnação divina de Athena, a Deusa da Terra que sempre renasce a cada 243 anos para lutar contra o seu tio, Hades. Assim que se aproxima do grupo de maltrapilhas crianças, Sísifo se apresenta para Sasha como um Cavaleiro seu, protetor e paga-pau mais venerável, falando-lhe que havia uma vaga para deusa no Santuário de Athena e que lá estava o seu nome como destino.

Vendo que finalmente poderia deixar daquela vida de pobreza e finalmente ser tratada como toda mulher gostaria de ser tratada (como uma deusa), Sasha não pensou duas vezes em deixar de lado tudo e seguir em ruma para o seu Santuário. Porém, quando soube que somente ela poderia ir e mais nenhum de seus amigos, ou mesmo Tenma e Alone, ela decidiu pensar melhor nessa bagaça, chamandos os dois últimos para uma orgia conversa a sós, atrás de uma árvore.

A Deusa Puta da Terra e seus Doze Cafetões Cavaleiros Dourados.

Chegando lá, Sasha confessa para Alone e Tenma que não está nenhum pouco empolgada com o fato de ser levada para a Grécia, viver como uma deusa, ter 88 Cavaleiros fortes, suados e másculos aos seus serviços ela estava era excitada com isso, mas resolveu disfarçar, além de ter que se tornar a protetora de toda a Terra, já que isso não deveria ser nada fácil. Tenma e Alone dizem o quanto ela é sortuda, pois os dois dariam de tudo (ui!) para estar no lugar dela, principalmente na parte em que se trata dos 88 machos do Santuário.

Eles então a convencem de ir, pois assim eles poderiam finalmente ser o casal que tanto sonhavam. Sasha então decide ir, mas antes de partir, deu para cada um deles (ui!) uma linda pulseirinha feita de flores gays, sendo que as flores ainda vinham com algumas folhinhas verdes, para dar um frescor a mais na situação. Aquelas correntinhas seriam a promessa de que eles estariam ligados para sempre, pois ela usaria o seu poder para que jamais aquelas correntinhas murchassem, mesmo que um deles fosse parar no Inferno (o que aconteceria mais na frente).

A chegada no Santuário[editar]

Era isso que Asmita queria fazer em Sasha logo que a conheceu.

Assim que chegou com Sísifo por alí, Sasha conheceu o seu mentor espiritual Sage de Câncer, um Cavaleiro de Ouro sobrevivente de sua última luta contra Hades no ano de 1500 e que hoje não era nada mais e nada menos do que o Mestre do Santuário, um substituto dela antes que a mesma chegasse por alí. Sage seria o cara que a ensinaria a utilizar-se do seu corpo cosmo para matar Hades mais a frente, além de também utilizá-lo para por ordem no mundo, já que ela é uma deusa e dever proteger a Terra (pelo menos isso na teoria).

Porém, Sasha não conseguiu convercer a todos dalí de que seria uma boa representante de turma, principalmente Asmita de Virgem, um Cavaleiro de Ouro cego, que guardava a Casa de Sagitário Virgem (oras, se ele era o Asmita de Virgem, queria que ele ocupasse que casa?). Tal homem nunca foi com a cara de Sasha, sendo por esse motivo o fato dele professar o Budismo e não o Politeísmo que regia o Santuário. Mas com o tempo ele foi vendo que tal moça era realmente Athena, apesar de ser noob na função de Deusa.

Mais uma vez o destino os colocou no mesmo caminho.

O tempo foi passando e Sasha nunca mais soube de seus amigos do orfanato, nem mesmo de seu irmão ou Tenma, até o dia em que encontrou o próprio menino dos belos olhos vermelhos rondando pelo Santuário, onde estava tentando ser um Cavaleiro de Athena, que ele ainda nem sabia que era a própria Sasha. Quando os dois foram atacados por Raimi de Verme, a Estrela Terrestre da Submissão, e salvos por Shion de Áries, foi que Tenma descobriu que Sasha era Athena, ou vice-e-versa.

Ele avisou para a mocinha que tinha deixado Alone sozinho na Itália e vindo para o Santuário com Dohko de Libra, sendo que Alone disse que ficaria tudo bem. Com pelo menos um deles ao seu lado, Sasha ficou bem mais tranquila, principalmente quando viu que Tenma tinha conseguido a sua armadura, agora ele não era mais somente Tenma, ele havia conseguido um sobrenome, a partir daquele momento ele seria chamado de Tenma de Pégaso, tal qual seria a constelação do principal protetor da Deusa Athena 243 anos mais afrente, o bendito encosto Seiya de Pégaso.

Alone = Hades[editar]

Sasha fazendo aquilo que sabe fazer em cada 10 dos 9 episódios do anime.

Infelizmente, nem tudo são flores na vida da deusa, principalmente no dia em que ela percebeu que Hades, seu tio, finalmente tinha despertado. Desesperada, ela logo mandou alguns Cavaleiros de Prata para a morte localizar aonde estaria construído o Castelo de Hades, principal aposento de Hades na Terra, sendo que tais Cavaleiros acharam o local e retornaram com a resposta, mas quase a matam, já que os mesmos retornaram como Espectros do Senhor do Submundo, tendo virado casaca dele logo após morrerem desgraçadamente.

Tendo a morte de alguns Cavaleiros de Prata em sua consciência, ela permite que Dohko de Libra e Shion de Áries, com mais alguns Cavaleiros, retornem para a morte o lugar que os Cavaleiros de Prata mortos haviam dito encontrar o Castelo de Hades. Nessa nova busca, também são selecionados alguns Cavaleiros de Bronze mais secundários, como Yato de Unicórnio e o próprio Tenma, que dessa não podia ficar de fora. Ao chegar na antiga cidade em que morou, depois de ver todas as crianças mortas, finalmente Tenma descobre quem é Hades.

O reencontro dos dois irmãos, sendo que agora eles são tio e sobrinha.

Alone, o irmão querido de Sasha, que era considerada a criança mais virgem do mundo, foi escolhido para ser o receptáculo da alma de Hades, sendo que isso acabou acontecendo facilmente. Sem nenhuma pena, Alone mata Tenma com somente duas pinceladas em um quadro que continha o esboço de Tenma, mandando-o para o Inferno. Tendo a sua correntinha de flores arrebentada, Alone é completamente tomado pela alma de Hades, tendo os seus cabelos tingidos de preto, ficando com uma cara de mau.

Infelizmente, como todo Cavaleiro de Bronze de Pégasus, Tenma não morreu, sendo protegido pela correntinha de flores de Sasha, que impedia que sua alma fosse totalmente retirada de seu corpo. Assim que soube da morte de Tenma por Shion e Dohko, Sasha começou a preparar uma investida do Santuário, se posicionando em frente a sua enorme estátua e protegendo todo o local com o seu pequeno cosmo. Átila, filho de Hakurei de Altar, avisa que se Athena ficar por pelo menos mais um ano dia protegendo o Santuário, Tenma irá retornar para ela e ainda tratá um brinde do Inferno talvez um Cérberus.

O ataque ao Santuário[editar]

As várias facetas da Deusa da Terra.

Depois de perder Albafica de Peixes e Asmita de Virgem e quase ter Hasgard de Touro morto por Kagaho de Benu, Sasha não está mais aguentando ficar protegendo o Santuário, até que finalmente aparece o seu irmão por aquelas bandas para mostrar quem é que manda no mundo. Destruindo facilmente a barreira que ela fazia, como se ela tivesse protegendo o Santuário com papel molhado, Alone ataca Sasha com a sua Espadona do Mal, que é revidada com o poder que surge do nada de Tenma de Pégasus.

Além de retornar do Inferno, ele ainda trouxe com ele um colar de 108 contas com os frutos do Saboeiro do Inferno, que poderia selar a alma dos Espectros mortos e impedir que os mesmos ressuscitassem, mesmo que para fazer isso tenha sido necessário todo o cosmo de Asmita de Virgem (para se vencer uma guerra, são necessário sacrifícios). Assim que viu Tenma, finalmente Sasha começou a fazer pose de Deusa, se preparando para atacar Alone com toda a sua divindade, contando agora com a ajuda de seus Cavaleiros, principalmente do Mestre do Santuário.

Athena e seu principal Cavaleiro. Ele não é forte, não é de Ouro, mas ela não o deixa por nada.

Utilizando-se de um monte de tarjas explosivas Selos de Athena, Sage consegue anular os poderes de Hades um pouco, mesmo que isso não tenha sido o suficiente (mas pelo menos ele tentou, pior que a Athena que não fez porra nenhuma e quase morre). Juntando o seu cosmo junto com o da deusa, ambos conseguem teletransportar todo aquele pedaço do Santuário em que eles estavam para uma outra dimensão, mais precisamente para a Montanha do Selamento, um lugar onde sempre o corpo de Hades é selado, assim que leva um owned de Athena em toda as Guerras Santas.

Para a tristeza de uns e alegria de outros, Hades não estava fraco o suficiente para ser selado, ao contrário, Athena é que era a fraca dalí, já que estava criando uma barreira há muito tempo. Porém, Hades estava em desvantagem contra dois Cavaleiros de Ouro, um Cavaleiro de Bronze imortal e mais pela sua sobrinha, que parece não estar alí para brincadeira. Quando finalmente pensamos que Hades irá realmente ser selado, aparece a salvação do Senhor das Trevas.

Pandora Heinstein[editar]

Pandora dando uma pequena ownada em Athena. Por pouco ela não morre por essa ousadia.

Aparecendo como representante divina de Hades, assim como Hilda de Polaris é do deus secundário e filler, Odin, Pandora Heinstein aparece para acudir o seu senhor, em uma carruagem negra, puxada por mulas-sem-cabeças e guiada por Chesire de Cat Sidhe, a Estrela Terrestre da Fera. Ela intervem na luta utilizando do seu poderoso choque do trovão, que afasta todos os outros Cavaleiros, menos Athena, que já está acostumada a levar choques de seu vibrador que ela ainda não mandou para o censerto.

Pandora então pergunta o porquê de Hades ter vindo até aquelas bandas, já que isso era praticamente um suicídio. Foi então que ela lembrou que Hades nada mais era do que um Imperador do Inferno no corpo de um emo e decidiu comprar a briga com a deusa, pois tinha certeza que a culpa de tudo aquilo que estava acontecendo era dela, já que a mesma tinha tido a ousadia de reencarnar na Terra como a irmã de Hades, algo totalmente ilógico para qualquer um.

E eu pensando que teríamos uma luta de hentais por aqui. Pena que não teve.

Ela reconhece Sage de Câncer como um Cavaleiro de Ouro presente na última Guerra Santa e ele a reconhece também, como a mais malévola das mulheres que trabalham apara Hades. Se dirigindo para Athena, Pandora tenta ao máximo ownar a Deusa, chamando-a de boba, chata, feia e cara-de-mamão, puta paga, baranga, de que era uma vergonha para Zeus ter uma filha de cabelos roxos já que ele tinha cabelos brancos, e tudo que é coisas, mas Athena não se deixa abalar e por muito pouco não dá uma bofetada na cara da outra, começando assim uma linda luta de hentais (pena que não ocorreu isso).

Alone, que não estava nenhum pouco empolgado em ver uma luta de mulheres, decide ir embora, largando a luta que ainda nem tinha começado, fugindo tal qual uma galinha medrosa. Pandora o acompanha, levando-o para a carruagem e juntos partem para o Inferno (ou para o Castelo de Hades, tanto faz). Athena e todos os outros, fracassam nessa missão, já que não puderam segurar Hades por mais um tempinho que fosse, tudo graças à Pandora.

The Lost Canvas[editar]

Resta agora saber o que o destino espera para esse povo todo, principalmente para Athenam as como ela está usando a sua Armadura Divina, o negócio vai ser bom (ou não).

Antes de ir, Hades anuncia que uma nova forma de dominação mundial iria acontecer, a criação da Lost Canvas (ou Tela Perdida, para quem não entende japonês Inglês). A coisa era muito simples, ele transformaria o Céu em uma enorme tela de pintura, onde desenharia anjos, pessoas kawaiis, pornagrafias e tudo mais. Quando o Céu tivesse totalmente coberto pela pintura, a destruição da Terra seria iminente, sabe-se lá como. Depois da vergonha que foi a brincadeira na Montanha do Selamento, Athena ficou um tempo sem aparecer, preferindo ficar pensando nas cagadas que cometeu (e que não foram poucas).

A hentai deusa dando adeus ao seu querido macho Cavaleiro de Pégasus.

Depois que soube da morte de Hasgard de Touro e da tentativa de assassinato fracassada de Tenma de Pégasus por parte de Pandora, com o auxílio do Mestre do Santuário, Sage de Câncer, ela decidiu prender Tenma em uma cela, de onde ele não poderia sair tão facilmente, uma prisão que daria inveja a qualquer prisão de segurança máxima daqui do Brasil, já que as grades dalí não quebram nem mesmo que a pessoa presa seje um protagonista.

Com a ajuda de Yato de Unicórnio e Yuzuriha de Grou, além da permissão de Hakurei de Altar, Tenma consegue fugir, sendo que seu destino agora é chegar no Castelo de Hades, na Itália (lembrem-se que ele está na Grécia, que ele não tem dinheiro e que nesse tempo não existe avião, estamos em 1743). Ao saber disso, Sasha nem tenta impedir o seu amado (como faria qualquer outra mulher apaixonada), ao contrário, vai vê-lo partir em direção à morte, talvez torcendo para que ele morra logo, assim como todo mundo deseja que morra a sua reencarnação, Seiya de Pégasus, que ganhou o bordão: Morra, Seiya, tão difundido no mundo.


Hades vs Athena: Ainda tem muita Guerra Santa pela frente.

Ver também[editar]


Mirror2.jpg Conheça também a versão oposta de Sasha (Saint Seiya) no Mundo do Contra:

Espelhonomdc.jpg
Cavaleirospredef2.jpg