Sealand

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa
●Plataforma Pirata de Sealand
●Principality of Sealand
●Sealand

Flag of Sealand.png Coat of Arms of Sealand.png
Bandeira Brasão
Lema: Liberdade enfim!
Hino: "E Mare Libertas"
Sealand fortress.jpg
Capital Centro de Comando
Maior cidade Depósito 5
Língua inglês
Tipo de Governo monarquia
Rei Roy Bates
Heróis Nacionais Roy Bates
Independência 1942
Moeda dólar sealandês
Religião catolicsmo
População 8
Área 0,0004 (99% de água)
Analfabetismo 0%
PIB per Capita 12.000 USD/hab.
IDH 0.87
Fuso Horário 0
Clima úmido e molhado
Site do Governo Glorioso Governo Sealandês


O Principado de Sealand é uma versão marítima e pobre de Mônaco.

História[editar]

Sealand é uma plataforma marítima, só Deus sabe para que foi construída, foi fundada pelo governo britânico durante a Guerra dos 100 anos para conquistar as Ilhas do Canal e ajudar a afundar quantas navegações francesas conseguir. Depois dessa missão cumprida a plataforma ficou esquecida e virou lenda conforme Atlântida.

Durante a Primeira Guerra Mundial, Sealand foi descoberta pela marinha britânica que passou a servir de ancoradouro para reabastecimento.

Com o fim da Segunda Guerra Mundial, Roy Bates, um maluco que fugiu de um hospício em Londres se alistou na marinha e passou a trabalhar em um farol na Base Militar de Knock John. Como ele começou a transmitir uma rádio pirata na região foi preso. Roy fugiu da prisão em uma balsa improvisada de cipós e troncos com a ajuda de Mafagafos da Escandinávia. Depois de anos perdido no mar encontrou Sealand abandonada, onde se estabeleceu. Roy se livrou da prisão quando proclamou Sealand um estado independente e de acordo com as leis de seu estado transmitir rádio pirata não é crime e ele se autoexilou em Sealand e se tornou presidente da "nação".

Um dos maiores desastres ecológicos em Sealand, 2006.

A República de Sealand até hoje protagonizou apenas dois conflitos externos. Em 1977 o governo britânico esboçou invadir Sealand, mas retrocedeu, pois poderia pagar ridículo apelando contra essa porcaria de estado que é Sealand. Em 1993 navios franceses cruzaram águas sealandesas e foram prontamente afundados (queimou a lâmpada de sinalização do Farol de Sealand, e Sealand virou um Iceberg Gigante (quem construiu esta porcaria no meio do mar)). O mal estar gerado quase iniciou a Quarta Guerra Mundial.

Em 2006 um incêndio criminoso devastou a qualidade de vida de Sealand. Acredita-se que Tony Blair mandou fazer essa sabotagem para fazer Sealand desistir de cansaço. O incêndio destruiu toda a ilha que precisou pedir ajuda para o Conselho Geral de Segurança da ONU que mandou uma esmola para eles.

Sealand atualmente está a venda. Surgiu uma nova lei no Reino Unido, onde o crime por execução de rádios piratas e afiançável, então Roy Bates, ditador de Sealand está vendendo Sealand por US$ 80.000, o preço da fiança que terá que pagar se voltar para o Reino Unido. Recentemente os sites ThePirateBay.org e desciclopedia.org estão interessados na compra da ilha para instalar ali novos servidores.

Geografia[editar]

Sealand possui alguns metros quadrados, se distancia 10 km da costa britânica. Sealand é o único país no mundo cuja formação geológica é de 100% ferro e......muito oxido de ferro (ferrugem).

Política[editar]

Sealand é regido pela forma de governo democrática de Parlamentarista Presidencialista Ditatorial. Roy Bates que comprou as ilhas a governa desde então, e seu filho o irá suceder no cargo. O congresso é composto por 3 cadeiras e o senado por 5 cadeiras. Há também o piloto do barco que traz coisas importantes como água, chá e comida.

Economia[editar]

Sealand presta excelentes serviços de guarda marinha e pirataria para conseguir dinheiro externo. Sua economia interna é movida através de apostas entre os habitantes da plataforma. Toda a renda do país é convertida na compra de enlatados, canais pornôs, material de pesca e acampamento e armas de brinquedo para assustar os ingleses.

Sealand fortress.jpg
Micronações do mundo
v d e h

Aeterna Lucina | Aramoana | Celestia | Domínio de Melchizedek | Elleore | EnenKio | Flórida Ocidental Britânica | Forvik | Frestonia | Grão-Ducado de Avram | Hay-on-Wye | Hutt River | Ilha Rosa | Império Aericano | Império Atlantium | Império Copeman | Império Romanov | Kugelmugel | Ladonia | Liberland | Marlborough | Minerva | Molossia | Navio Atlantis | Nova Utopia | País Global da Paz Mundial | Perloja | Rainbow Creek | Redonda | Reino do Amor | Reino Gay e Lésbico das Ilhas do Mar de Coral | Reino da Humanidade | Reino de Outro Mundo | República da Concha | República de Morac-Songhrati-Meads | República Socialista de Bjorn | Reunião | Rockall | Saugeais | Sealand | Seborga | Sudão do Norte | Talossa | Vaticano | Vikesland | Westarctica | Whangamomona