Seleção Camaronesa de Futebol

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa

Este artigo foi feito por quem já ganhou Copa do Mundo

Copa Trofeus.JPG

Morra de inveja MWAHUAHUAHUAH!


Camarões
Escudo Camarões.jpg
Lema: O Eto'o é nosso! Aha uhu!
Local: Aondé
Confederação: {{{Confederação}}}
MELHOR Resultado: {{{MELHOR Resultado}}}
PIOR Resultado: {{{PIOR Resultado}}}
Fornecedor: {{{Fornecedor}}}
Apelido: Os Camarões
Ídolos: Roger Milla
Mascote: Leão
Hino: Eto'o's Song
Títulos: {{{Títulos}}}


Seleção Camaronesa de Futebol é uma das mais tradicionais seleções africanas. Reconhecida por dar um trabalho do cão, mas no final nunca ganhar nada. Todos seus jogadores são aqueles negões que jogam na Europa e você sempre se pergunta de onde eles são.

Destaca-se nos torneios de categorias de base, onde jogadores de mais de 30 anos disputam sub-17 e sub-20, porque os cartórios na África são um pouco atrasados. Usufruindo disso, Camarões tem vários títulos dessas categorias, especialmente sobre o Brasil, seus fregueses. Já são 10 medalhas de ouro nas Olimpíadas, 20 títulos mundiais sub-20, 14 títulos mundiais sub-17 e absolutamente nada que preste com a seleção principal (apenas uma copinhas africanas que não dá para contar).

Campanhas em Copa do Mundo[editar]

Copa do Mundo de 1982[editar]

Camarões estreia em copas do mundo quando surpreende com sua bela participação sem sofrer nenhuma derrota, sofrer nenhuma gol... Apesar de não marcar nenhum gol também, não ter ganho nenhuma também, ter jogado mal pacas... Mas foi a melhor participação de um time africano até então.

Copa do Mundo de 1990[editar]

O Atacante voador Omam Biyik marcando contra a Argentina.

Copa onde Camarões foi a sensação. O atacante Roger Milla de 45 anos (na verdade ele deveria ter uns 30, é que os cartórios africanos você já sabe como são). Ferrou com a Argentina MWAHAHAHAHAHA! e Romênia na base da porrada mesmo. Se o adversário tocasse na bola, os zagueiros camaroneses quebravam a sua canela em três. Uns 7 argentinos terminaram contundidos.

Nas oitavas de final eliminou a porcaria da Colômbia e chegou longe demais, depois que foram garfados pela Inglaterra.

Copa do Mundo de 1994[editar]

Nem três carrinhos poderiam segurar o baixinho.

Caiu no grupo do Brasil e só levou pancada. Demonstraram ser grandes fregueses dos russos. Já havia tomado um sonoro 4 a 0 da União Soviética em 1990. e em 1994 levaram um 6 a 1 para a Rússia. Todavia o solitário gol de Roger Milla entrou para a história como gol do atacante mais velho de todas as copas. Ele tinha 56 anos na época, fez o gol de clavícula com frango do goleiro.

O goleiro camaronês Joseph-Antoine Bell teve sua casa em Camarões queimada e sua família sequestrada por ter sido apontado como responsável pela eliminação do time.

Copa do Mundo de 1998[editar]

Na copa de 1998 novamente decepcionou. Foi lanterninha do grupo.

Copa do Mundo de 2002[editar]

Matêm a tradição de fazer número na copa, e é eliminada rapidamente na fase de grupos.

Copa do Mundo de 2010[editar]

Grande Roger Milla, ainda na época da televisão em preto e branco.

Nas eliminatórias onde o principal rival do grupo era o Gabão e Camarões ainda classificou na maior dificuldade... Imagina na Copa? Bem, foi uma total decepção como se esperava, perdendo os três jogos (para Japão, Dinamarca e Holanda)

Vídeo[editar]