Senhora dos Remédios

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa

Cquote1.png Você quis dizer: WTF? Cquote2.png
Google sobre Senhora dos Remédios
Cquote1.png O mais irônico mesmo é que a cidade se chama Senhora dos Remédios mas não tem um hospital... Cquote2.png
Habitante sobre Senhora dos Remédios
Cquote1.png Mas nós temos hospital, seu burro! Cquote2.png
Prefeito sobre o hospital que está caindo aos pedaços

O hospital de Senhora dos Remédios, o mais acessível de todo o país.

Senhora dos Remédios é uma cidade de Minas Gerais que fica em uma região serrana e também na saída mais rápida de Minas Gerais. Quer dizer, mesmo não fazendo algum tipo de divisa com o Espírito Santo e nem com o Rio de Janeiro, o município faz divisa com Phobos e Deimos e mantém contatos com a empresa maluca do Doom e com os 12 casas do zodíaco.

História[editar]

A cidade foi fundada por "James Efedepê". O senhor FDP, como era chamado para abreviar, era um prestativo fazendeiro que cultivava todo tipo de drogas remédios que vinham de sua plantação particular semi-legal e de onde ele vendia remédios para os caipiras que viviam longe de um hospital decente. Hospitais faltavam mais do que banheiros na época. Mais tarde a situação teria se invertido.

E é aí que a cidadezinha de Senhora dos Remédios começa a evoluir alguma coisa. Saindo do estágio de rendimento de "porra nenhuma" para "aluma coisa, mesmo sendo insatisfatoriamente". Os remédios agora eram usados para aliviar os casos de lombriga que estavam ocorrendo por todo estado que passava por uma crise de banheiros e que, como não tinham lugar para fazer as necessidades, faziam no mato mesmo.

Recebeu o nome de "Senhora dos Remédios" porque tinha uma velha que passava todo dia, às 17h da tarde distribuindo remédios em sua bicicleta motorizada. Muitas vezes ela sempre ia da avenida principal para o hospital, já que todos os habitantes de Senhora dos Remédios eram hipocondríacos e atacavam a frágil senhora e sua bicicleta para pegar os remédios.

Cidade[editar]

A cidade tem um hospital muito chique, onde colocaram até mesmo estátuas e imagens de santos como a de nossa senhora que parece ser a santa favorita de todas as cidadelas de Minas Gerais.Eis a prova que falta um pouco de criatividade na cabeça dos fundadores de cidadezinhas.

O hospital tem alta acessibilidade sendo que está em uma montanha tão alta quanto o pequeno polegar, tão grande quanto o próprio universo, onde o espaço se espaça e a merda não fede.

No hospital até uma igreja tem. Ao mesmo tempo que hospital, lá é prefeitura, açougue, posto de gasolina e cartório.

Turismo[editar]

Vários turistas vão para Senhora dos Remédios ganhar remédios de graça. O turismo de hipocondríacos é algo tão lucrativo quanto uma viagem para Cuba, onde você pode morar lá e ganhar remédios de graça, simultaneamente.