Setzer Gabbiani

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa
Boieng da Trans Brasil indo pro brejo.jpg Olha o(a) Setzer Gabbiani vindo!
Olha o(a) Setzer Gabbiani indo!

Este artigo fala sobre coisas que avuam pro alto.
Clique aqui pra ver quem mais vai pelos ares. Literalmente.
Setzer


Setzercosplay.jpg
Nome Completo Setzer Gabbiani
Classe Jogador de truco
Terra Natal Las Vegas, EUA
Parceiros Tiozinho do truco
Parentes Uma namorada morta
Inimigos Seguranças de cassino
Equipamento Preferido Cartas
Habilidades Apostar o toba

Setzer Gabbiani (セッツァー・ギャッビアーニ no Japão) é um piloto de canoa voadora e apostador profissional em Final Fantasy VI, que não hesita em apostar o toba em partidas de truco. Apesar de falar muito e contar vantagem a maior parte do tempo, ele é mais um personagem bosta, cuja única habilidade é jogar cartinhas de baralho nos inimigos, mais ou menos no mesmo estilo que o Twisted Fate de League of Legends.

Assim como alguns outros bonecos esquecidos de FF's obscuros e antigos, ele foi contratado pra fazer uma ponta em Kingdom Hearts, fazendo o papel de um lutador do jogo do pau que desafia Roxas pra uma lutinha valendo o toba.

Vida[editar]

As cartas preferidas de Setzer são as de espadas, especialmente se forem as damas.

Fruto do relacionamento forçado entre o Tiozinho do Truco com o Rambo, já que no universo inventado de FFVI o aparelho excretor reproduz, Setzer sempre foi um fanático por apostas, não pensando duas vezes antes de apostar o toba nas partidas de truco que aconteciam em seu bairro.

Após perder muitas partidas, ele ficou feliz e puto, mas estava disposto a melhorar as suas habilidades, partindo assim em uma jornada para aprender os macetes dos melhores apostadores do mundo, não apenas do mundo, da Bahia também. Além disso, ele queria aproveitar a viagem para reunir todos os amuletos que encontrasse pelo caminho, na esperança de que eles melhorassem um pouco a sua sorte, que naquele momento estava bem cagada.

Depois de muitos anos por aí, vagando pelo mundo e aprendendo o máximo possível sobre os truques de apostas e como construir lançadores de cartas para botar debaixo das mangas, Setzer interrompeu sua jornada por um período indeterminado, pois encontrou uma boceta chamada Darill. No intuito de impressionar e comer aquela madame, que era uma pilota de canoa voadora, Setzer investiu as mesadas que estava economizando para comprar sua própria canoa voadora, a qual batizou com o nome de "Blackjack".

Após alguns meses resenhando com Darill, e com Setzer falhando em sua missão em busca de prazer carnal, eis que a mina recebe uma proposta de trabalho, que consiste em fazer uma entrega de armas para narcotraficantes colombianos. Não podendo negar trabalho, ainda mais um que seria muito bem pago, Darill aceita, e pede ajuda para Setzer, pois a encomenda era muito grande. Acreditando que esta era a oportunidade ideal para concluir seu plano de conseguir sexo, Setzer aceita, mas como sua sorte ainda não era das melhores, no meio do percurso, eis que a canoa voadora de Darill cai em alto mar, e a garota morre de morte morrida. Não aguentando a dor de ter temperado por meses uma mina que nunca ia poder comer, Setzer passa a ter crises emo, cortando os pulsos com Gillette e batendo punheta pro cadáver.

Depois de uns cinco anos bebendo pra porra pra esquecer do passado, e sendo ignorado até pelas mulheres da vida, Setzer decide que era hora de sair daquela draga, e volta a sobrevoar pelo mundo, em busca de carrões, apostas e putas pagas, encontrando o último elemento em uma casa de ópera, atendendo sob o nome de guerra de "Maria". Apesar da vontade de satisfazer seus desejos carnais com a loirinha de olhos azuis, Setzer queria manter a pose, e ao invés de apenas chegar nela e combinar os valores, ele preferiu enviar uma carta para ela dizendo que iria sequestrá-la na metade de sua próxima apresentação.

Não descumprindo com sua palavra, na hora em que Maria estava cantando sua ópera para um público de duas pessoas, eis que Setzer surge, e executa seu plano de sequestro, levando com ele a nova garota de seus sonhos. O problema é que ele sequestrou a garota errada, ao invés da doce e meiga Maria, ele sequestrou Celes Chere, a general sanguinária e sapatão do reino de Vector. Apesar da mina ser mais macho do que ele, Setzer estava disposto a fazer um sacrifício e comê-la, mas acabou sendo tapeado e foi obrigado a levar Celes e o seu grupo para um passeio de airship no continente do sul, além de ser forçado a entrar para a equipe dos herois, mesmo estando cagando para os conceitos de justiça e moralidade.

Aventuras[editar]

Setzer tem dado em casa.

Agora ao lado dos protagonistas, Setzer, que antes era um fdp que passava os dias apenas apostando e pensando em mulheres e dinheiro, passou a lutar verdadeiramente pela justiça e pelo amor, na verdade ele apenas fez isso para impressionar e comer Celes, mas isso é o de menos. O que importa é que, com suas cartas, ele faz o possível para derrotar monstros fálicos que entram no caminho dos herois, e foi de grande ajuda para abrir caminho até onde estava Kefka e Gestahl, os grandes vilonídeos da porra toda. Infelizmente para Setzer, suas cartinhas não foram capazes de parar o palhaço satânico e homicida, que matou o imperador do mal a sangue frio, absorveu a magia do mundo e destruiu o planeta.

Após a destruição do planeta, acreditando que os seus amigos estavam mortos, Setzer passa a levar uma vida de bêbado, tomando cachaça ruim, paquerando os dragões e amaldiçoando a sua própria sorte. Ele ficou neste fundo do poço por um ano inteiro, até que seus velhos parceiros de rolê reaparecerem, e perguntam se ele queria sair daquela vida e ir matar Kefka, o palhaço das trevas que agora era um deus. A princípio, Setzer não queria mais envolver-se nestas tretas, mas após uma visita ao túmulo de Darill, ele muda de ideia, reconstroi a canoa voadora de sua ex-crush e volta a ser um piloto de airships drogado e bêbado.

Depois de ajudar a reunir novamente todos os companheiros perdidos, Setzer, finalmente, ganha uma segunda oportunidade de jogar suas cartinhas mágicas na cara de Kefka, e não desperdiça esta chance, trucando o palhaço com seu "Aiss" e "Reiss", fazendo com que ele desconcentre-se e fique vulnerável aos ataques mais fortes dos outros membros do grupo, e morra como um bosta.

Após a vitória na batalha final, Setzer volta a ser apenas um piloto de canoa voadora que faz apostas, voando por aí em busca da batida perfeita. Ele apenas faria uma reaparição em público mais de uma década após a luta contra Kefka, ao ser contratado para fazer uma aparição especial em Kingdom Hearts 2, fazendo o papel de um lutador do jogo do pau que Roxas precisa derrotar.

Jogabilidade[editar]

Por ser um apostador, Setzer não possui muitas habilidades de combate, na verdade, a sua única função é evitar as batalhas propriamente ditas, dando dinheiro pros inimigos desistirem de lutar e abrirem o caminho. Mas quando esta tática não funciona, resta a ela ficar tacando cartas mágicas e dados em seus oponentes, fazendo com que eles fiquem rindo e percam a concentração na luta.

Apesar de tacar cartas mágicas nos oponentes, estas cartas causam dano físico, o que não faz sentido, a não ser que as cartas sejam arremessadas com tanta força que rasguem a carne do inimigo. Na lógicos dos programadores, cartas arremessadas de longe podem causar tanto ou até mais estrago do que a pancada de um machado afiado... Enfim, seja como for, o importante é que, por ser considerado um guerreiro e não um mago, Setzer deve ser colocado na linha de frente.

v d e h
K.H logo.jpg