Shopping Center

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
(Redirecionado de Shopping)
Ir para: navegação, pesquisa
Bob Mauley.jpg   Fala, mano! É o seguinte: Shopping Center é mais uma coisa que os mano da quebrada curte, tá ligado, véio?
Então, não zoa este artigo não, porque vai dar em treta, mano!
Bob Marley após comprar o shopping.

Cquote1.png AAAAii mulher! VAMO GASSTAAAAR! Cquote2.png
Patricinha sobre Shopping Center
Cquote1.png Muito difícil Sobreviver aqui Cquote2.png
Bear Grylls sobre Shopping
Cquote1.png Tenho medo Cquote2.png
Regina Duarte sobre Shopping
Cquote1.png Na união soviética o shopiing entra e compra coisas em VOCÊ!!! Cquote2.png
Reversal Russa sobre Shopping

Origem[editar]

Típico Shopping Center.

Mais conhecido apenas como Shopping, ou shóps(na versão homossexual); teve como origem a vontade de Kratos de ter seu harém de mulheres, criando varias salas para que pudesse fazer o metelão com quem escolhesse. Com o passar do tempo, nosso amigo resolveu ganhra uma merreca e separou as mina por tipo e qualidade diferente depois disso resolveu cobrar pra galera frequentar o lugar dando inicio a cafetinagem na Grécia Antiga. Como já era de se esperar, Kratos enjoou do lugar e o abandonou. E... ronaldo !

O harém de Kratos foi invadido por mendigos, emos e aliens, que vandalizaram o local de forma cruel e sem respeito. Até que um dia, Bob Marley estava passando pelo local e pensou que poderia ser uma ótima boca de fumo. Depois de muito tempo negociando com Kratos, que já tinha se esquecido do lugar, Bob Marley e seu sócio Peter Toxico, convenceu-o a tragar um pouco de sua erva sem efeitos chamada "Marijuana", e após cinco minutos, Kratos misteriosamente aceitou a proposta de Bob Marley, que nada mais nada menos pelo shopping, 1 tonelada da misteriosa erva "Marijuana" e 1 CD pirata.

Marijuana, mundialmente conhecido, se tornou o principal restaurante do shopping.

Shoppings foram feitos pra você não sair de lá, por isso em muitos, entre o primeiro e terceiro andar, ou entre o segundo e quarto, tem as tradicionais placas indicando locais importantes como Elevador, escada rolante e afins, porém, nos andares entre outros dois, ou seja, os da meiuca, não tem indicações das saídas, o que te leva a ficar procurando, ou quem sabe entrar em depressão e ficar velho e careca, sendo morador de rua, ou no caso, de shopping.

Grupos[editar]

Bob Marley, querendo inovar, construiu cinemas, lojas de tênis, restaurantes, e outras maconherisses. Isso atraiu muitos grupos étnicos, como maconheiros, vagabundos, emos, nerds, favelados, argentinos, brasileiros, playboys, paties e maconheiros(principalmente).

Cinema[editar]

Originalmente criado para assistir filmes, o cinema é a principal atração do Shopping, mas se tornou alvo de crimes, vandalismos e orgias. Preferencialmente escolhido por ser escurinho,casais podem se pegar a vontade sem medo algum, emos tem a oportunidade de chorar e se matar sem ninguém ver.Muitos casais vão ao banheiro para estranhos rituais de acasalamento. Maconheiros usam e abusam de suas maconhas, enquanto playboys usam a boaconha, de qualidade superior. Vagabundos(mais conhecidos como skatistas), usam seu dinheiro roubado para entrar no cinema e não fazer nada(nem assistir o filme).

Guarda do Shopping.

Rivalidades[editar]

Uma batalha bastante conhecida por shopeiros é Playboys X Favelados. Normalmente, playboys usam uma poderosa armadura: O Boné De Redinha e o tenis Nique; que intimidam os favelados. Mas eles também tem seu truque na manga: A Jaqueta Com Touca Roubada. Essa rivalidade causa bastante trabalho para seguranças de shopping, que ficam muito irritados, pois sabem que vão entrar no cacete. Outra batalha também conhecida é a batalha entre viados e emos, para ver quem é mais bicha, geralmente diferenciados pela franjinha ou uma camisa rosa do São Paulo.

Patricinha de shopping preocupada com o aquecimento global.

Videogames[editar]

Nerds e vagabundos desocupados geralmente vão se divertir no shopping jogando na loja de games, do qual se sai muitos palavrões e as bixinhas que nao gostam de Winning Eleven são vandalizadas e estupradas. Na maioria das vezes brasileiros e argentinos brigam por causa do Winning Eleven, causando muito alvoroço em torno do shopping e depois fazendo as pazes com um bom barrosinho, do qual se divertem com tirinhas engraçadas sobre Pelé e Maradona.

Um brinquedo normal que se vende em lojinnhas no shopping..

Vendedores de Pipoca[editar]

Na verdade os Vendedores de Pipoca são agentes ultrassecretos do governo contratados por Bob Marley, para proteger seu investimento. Se você perceber os Vendedores de Pipoca são todos os empregados do Shopping(com exceção do segurança), conseguindo ser o fritador de batata-frita, o atendente, o funcionário do mês, o faxineiro, predador, etc... Os Vendedores de Pipoca sempre estão olhando você no Shopping, (por isso não tem câmeras) ou seja, os Vendedores de Pipoca e o que eles fazem são tudo ordem de Bob Marley.

Rolezinho[editar]

O Rolezinho (lat. 'Parum Ingredior'), também conhecido pela polícia como arrastão, teve sua origem no Rio de Janeiro (não poderia ser diferente), e se espalhou por São Paulo (também não poderia ser diferente), e posteriormente por todo o país (que vive de copiar os dois anteriores). Consiste no ato de juntar diversos outros maloqueiros e vadias e entrar em pequenos grupos de 300 nos shoppings mais caros do lugar onde você mora.

Estereótipo[editar]

Solitário um shopping se faz famoso na desordem visual das cidades, que por sua vez, sofre em desvalorização para harmonizar um lugar comum para se ir. Fazendo exemplos aos becos escuros, feira livre e camelôs.
Outra função oculta de sua existência parte-se da ausência em participações sociais, servindo em vaidades os argumentos para se passar o enfeitamento das personalidades ao espelho. exemplo clássico são almas solitárias por não serem chamadas para as festas, criando-se assim conversações do consumidor nas cidades.
A inteligência destas conversações encarecem o moral e valorizam atravéz do dinheiro os padrões sociais, sendo o ponto de encontro pela ganância em primeira moeda ganha. no Shopping são vistas celebridades como: Catador de Latinha, Guardinhas e consumidores ousados como: drogados, alcoólatras, e outros exemplos ilustres dos valores sociais.